InícioEsportesCiclismoCiclismo de RP fatura GP de Curitiba e faz dobradinha no pódio...

Ciclismo de RP fatura GP de Curitiba e faz dobradinha no pódio em Florianópolis

- continua após a publicidade -

A Equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto (São Francisco Saúde/Klabin/Secretaria de Esportes) participou neste final de semana do GP de Curitiba e da 31ª Subida do Morro da Cruz, em Florianópolis. Os ciclistas ribeirãopretanos conquistaram resultados expressivos em ambas as provas. Em Curitiba, Cristian Egídio faturou o título e Rafael Andriato terminou na terceira posição. Já em Florianópolis, Vitor Teixeira foi o segundo e Alan Maniezzo terceiro colocado.

A prova na cidade paranaense teve um total de 75 km, em circuito com 25 voltas e contou para a categoria quatro do ranking nacional da CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo).

Com velocidade média de 43,5 quilômetros por hora, o que para este tipo de circuito é considerada uma intensidade bem alta, a prova foi decidida apenas na última volta. O trabalho em equipe foi o ponto alto do time ribeirãopretano.

Além das duas colocações no pódio, Alessandro Guimarães fechou em sexto lugar e ajudou a melhorar ainda mais a pontuação geral da equipe.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Campeão, Cristian Egídio fez questão de valorizar o trabalho em equipe. Segundo ele, a vitória só foi possível porque seus companheiros o defenderam nos momentos cruciais da corrida.

Temos que frisar bastante o trabalho em equipe, estávamos em quatro atletas e fomos muito unidos durante a prova. Todos trabalharam muito para definir esse pódio. Eu tive a tranquilidade de fazer um ataque no final, sabendo que tinha meus companheiros para me defender caso não desse certo. O resultado de hoje é totalmente fruto do trabalho em equipe”, enfatizou.

Já em Florianópolis, os ciclistas percorreram um total de 64 quilômetros em pista plana e na reta final encararam uma subida bastante ingrime de aproximadamente 2, 8 quilomêtros, onde a prova foi decidida.

Mais uma vez, o trabalho em equipe foi destaque e a equipe ribeirãopretana conseguiu somar muitos pontos na categoria por equipes, já que a prova contava pontos para o ranking nacional da CBC.

Alan Maniezzo, terceiro colocado na prova, destacou o trabalho em equipe e intensidade da prova, principalmente na parte final, na subida.

Foi um prova plana, com chegada ao alto. Nossa equipe trabalhou muito bem, na primeira parte da prova, controlamos bem os ataques e conseguimos um ótimo resultado. A grande dificuldade foi a parte final, com uma subida bem ingrime e técnica”, disse.

Classificação

GP de Curitiba

1º Cristian Egídio (Ribeirão)
2º Fernando Sikora (Maringá)
3º Rafael Andriato (Ribeirão)

31ª Subida do Morro da Cruz (Florianópolis)

1º André Gohr (Funvic)
2º Vitor Teixeira (Ribeirão)
3º Alan Maniezzo (Ribeirão)

A Equipe de Ciclismo de Ribeirão Preto tem como patrocinadores a São Francisco Saúde, Klabin, SOUL Cycles e Usina Batatais, copatrocinadores a RP Capital, Passaredo e AOO Energia e o apoio da Líber Capital, Ourofino Agrociência, Ourofino Saúde Animal, Passalacqua, Molyplast, LOL Sports Bar, Session Brasil, Ideali Hotel, ERT Uniformes, Botafogo Futebol Clube e Prefeitura de Ribeirão Preto. Apoio institucional Lei de Incentivo ao Esporte e Ministério da Cidadania/Secretaria Especial do Esporte.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Cerca de 40 mil pessoas não retornaram para receber a segunda dose da vacina contra Covid-19

Dados são Vigilância Epidemiológica, que conclama a população a procurar os postos de vacinação e manter o controle da doença

“Concertos Internacionais” apresenta homenagem a Astor Piazzolla

Concerto será transmitido no dia 23 de outubro, às 19h, como parte das comemorações de 91 anos do Theatro Pedro II

Nogueira quer que você receba agua do Rio Pardo nas torneiras

Hoje a agua do DAERP é do aquífero guarani, uma agua mineral será substituída por aguas do Rio Pardo. Você aprova esta mudança?

Atenção: Alerta para tentativa de golpe contra aposentados

Instituto de Previdência orienta beneficiários a não informar dados pessoais ou bancários

Ditador Moraes manda prender e extraditar Allan dos Santos

Se não estamos vivendo em uma ditadura do judiciário, o que se compara com atitudes destes loucos? Maduro, Chaves, Alexandre de Moraes...
- PUBLICIDADE -