InícioEsportesCaratê de Ribeirão Preto conquista 15 medalhas com a Seleção Paulista em...

Caratê de Ribeirão Preto conquista 15 medalhas com a Seleção Paulista em etapa do Brasileiro

- continua após a publicidade -

A Equipe de Caratê de Ribeirão Preto (SME/Total Health/ Clínica Collucci/Instituto Ricardo Aguiar), comandada por Ricardo Aguiar, conquistou 15 medalhas na etapa de Porto Alegre do Campeonato Brasileiro. Eles disputaram a competição representando a Seleção Paulista, no último final de semana.

Ao todo, foram três ouros, quatro pratas e oito bronzes. Destaques para os títulos de Marina Gatti (sub-12 / até 30 kg), Giovanna Machado (sub-21 / acima de 68kg) e Stéphani Trevisan (sub-21 / equipe).

Apesar do frio de quatro graus registrado no Rio Grande Sul, as coisas foram quentes no tatame e muito positiva para Ribeirão Preto. Com o apoio dos ribeirão-pretanos e outros mais 600 atletas, a Seleção Paulista confirmou o

favoritismo e garantiu o título em Porto Alegre.
A última e decisiva etapa do Campeonato Brasileiro está marcada para ocorrer em outubro, em São Paulo.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Ipem-SP detecta fraude em veículo-tanque em Ribeirão Preto

A Polícia Militar foi acionada após a constatação da fraude

SÃO TOMÉ DAS LETRAS: O QUE FAZER NA CIDADE MÍSTICA DE MINAS GERAIS

Dica de turismo para você fugir da cidade e passar um final de semana ou se programar para o próximo feriado.

Museu Casa de Portinari promove Música no Coreto, neste sábado (18)

Realizada na praça Martim Moreira, a apresentação contará com repertório de música popular; gratuita e respeitando todos os protocolos de segurança

ShoppingSantaÚrsula recebe a exposição “Arte que Fala”

Com curadoria da artista plástica e educadora Cristiane Cordeiro, mostra reúne cinco latas ilustrativas, com uma mensagem e link para palestras que fizeram parte da Feira Internacional do Livro 2021

Menor NÃO: Ministro destaca eventos adversos em adolescentes vacinados

Segundo Queiroga, foram identificados 1,5 mil eventos adversos em adolescentes imunizados. “A OMS não recomenda a vacinação de adolescentes
- PUBLICIDADE -