InícioEsportesAtleta de Ribeirão Preto conquista 3º lugar no IRONMAN Florianópolis e garante...

Atleta de Ribeirão Preto conquista 3º lugar no IRONMAN Florianópolis e garante vaga para o mundial do Hawai

- continua após a publicidade -

A triatleta Patrícia Barros, apoiada pela Companhia Athletica Ribeirão Preto, conquistou no último domingo, 28 de maio, o terceiro lugar na 17ª edição do IRONMAN Florianópolis com o tempo final de 10:53:23 e garantiu vaga para o Mundial de Kailua-Kona, no Hawai, que acontece em outubro deste ano.

Patrícia conta que vinha treinando forte para esta competição, além de trabalhar muito a ansiedade, com o objetivo de chegar tranquila para a prova. “Todo atleta que participa de um IRONMAN sabe que em algum momento na competição vai sofrer desgaste físico ou emocional, por isso é importante trabalhar a mente. Fiz treinos de horas a fio em cima da bicicleta, horas correndo, três períodos longos por dia, justamente para trabalhar a cabeça, até mais que o físico”, explica Patricia.

A competição aconteceu debaixo de chuva, desde a largada até a chegada, mas a atleta conta que soube aproveitar as adversidades a seu favor.

“Fiquei o tempo todo focada, aproveitei essa chuva e fiz dela minha aliada durante a prova, pensando que ela estava me refrescando, me dando forças. Eu consegui programar a minha mente e o meu corpo para essa situação adversa. Na natação me tiraram os óculos, machuquei a boca, apanhei um pouquinho. Mas estava focada e consegui superar”, conta a triatleta.

Patrícia, que ficou atrás de duas atletas muito fortes, a italiana Elisabetta Villa, primeira colocada e a brasileira Flavia Pedreira Rocha, segunda colocada, explica que durante toda a prova de corrida, sabia que estava em terceiro lugar e que precisava apenas administrar bem a competição para garantir o pódio.

“A minha meta era fazer o melhor IRONMAN da minha vida. Eu buscava não o melhor tempo ou a melhor colocação, mas queria fazer uma prova bonita, curtindo e vivendo com intensidade aquele momento. Eu fui buscar isso e consegui”, comemora Patricia Barros.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Além da satisfação de subir no pódio em uma competição tão dura e disputada, a atleta de Ribeirão Preto ainda saiu de Floripa com vaga garantida para o Mundial de Kailua-Kona no Hawai em outubro.

“Quando falaram meu nome e eu soube que tinha conquistado a vaga, não consegui controlar a emoção. Eu tenho 17 anos de triathlon e pelo menos sete deles trabalhei em busca dessa conquista. Imaginar o que me espera lá é algo incrível. Acredita-se que mais de 100 mil atletas do mundo inteiro almejam essa vaga e saber que eu sou uma das poucas que conseguiu, para mim é uma recompensa maravilhosa, me sinto muito realizada”, finaliza Patricia. 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Bolsonaro na ONU: discurso sóbrio e responsável

‘Estávamos à beira do socialismo’, diz Bolsonaro em discurso na ONU Na abertura da Assembleia-Geral da entidade, presidente criticou lockdown e defendeu tratamento precoce contra a covid-19 O...

Corrente de Amor fomenta doações em prol do Hospital de Amor de Barretos

Facilidade de doação através de aplicativo e em pontos espalhados pelo Brasil, faz com que a campanha seja uma importante fonte de arrecadação para a instituição que operou com déficit mensal de mais de R$ 36 milhões em 2020

Primavera 2021: previsão geral para o Brasil

Primavera começa nesta quarta-feira (22). Crise hídrica e novo La Niña à vista. Quais as expectativas do clima para primavera 2021?

Bolsonaro faz abertura da assembleia geral da ONU logo mais por volta de 10 h

Na abertura da 76ª Assembleia Geral, expectativa é de que Bolsonaro use o púlpito para passar aos demais dirigentes mundiais um panorama do Brasil diferente do que os globalistas e velha mídia fazem.

Amazonas: governador se torna réu por desvio de recursos na pandemia

Se decidirem prender todos verdadeiros GE N0 C1 DAS, faltará cadeia. STJ aceitou hoje denúncia contra Wilson Lima e mais 13 pessoas
- PUBLICIDADE -