Início Especiais Fenasucro Fenasucro espera repetir desempenho de 2015 e negociar R$ 2,8 bilhões

Fenasucro espera repetir desempenho de 2015 e negociar R$ 2,8 bilhões

- continua após a publicidade -

CONEXÃO PARA UMA NOVA ERA
Em 2016 as palavras de ordem são crescimento e retomada.
E na FENASUCRO & AGROCANA as grandes oportunidades e os melhores negócios são fechados.
A feira cobre todos os processos da cana-de-açúcar e este ano reforça ainda mais seu papel no mercado como vitrine tecnológico do mundo no setor sucronergético.
É um importante encontro entre os principais fabricantes de equipamentos, produtos e serviços para a agroindústria da cana, e os milhares de visitantes técnicos e qualificados, e sempre apresenta as maiores novidades do setor.

Participe deste grande evento.
De 23 a 26 de Agosto de 2016
Terça a sexta | 13h às 20h
Centro de Eventos Zanini | Sertãozinho – São Paulo – Brasil

Faça parte do cenário sucroenergético mundial e conecte-se a uma nova era.

O maior evento mundial em tecnologia e intercâmbio comercial para usinas e profissionais do setor sucroenergético. O principal encontro entre produtores, profissionais e os principais fabricantes de equipamentos, produtos e serviços para a agroindústria da cana-de-açúcar, um evento completo que oferece aos visitantes a oportunidade de explorar toda a cadeia de produção: preparo do solo, plantio, tratos culturais, colheita, industrialização, mecanização, aproveitamento dos derivados transporte e logística do produto e subprodutos da cana-de-açúcar.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Mesmo otimista com a recuperação do setor, a organização da 24ª Feira Internacional de Tecnologia Sucroenergética (Fenasucro) não espera crescimento dos negócios na edição deste ano, que ocorrerá entre 23 e 26 de agosto, em Sertãozinho (SP). A expectativa é movimentar, assim como no ano passado, R$ 2,8 bilhões.

A explicação é que, apesar do aumento do consumo de etanol no país e da exportação de açúcar, as usinas – principalmente da região Centro-Sul – ainda estão se reorganizando e promovendo manutenções em equipamentos, que deixaram de ser feitas nos últimos anos. Investimento mesmo, só a partir de 2017.

Espaço
Realizada em Sertãozinho, a Fenasucro apresenta equipamentos e insumos voltados para toda a agroindústria da cana-de-açúcar, desde preparo do solo, plantio e colheita, até o transporte, a produção de açúcar e etanol, e o aproveitamento dos subprodutos.

“O layout da feira esse ano é de um evento compacto, com o objetivo de unir o setor agrícola e industrial. Essa convergência desses setores da usina é importante na parte tecnológica. Nós convidamos faculdades, vários ‘professores pardais’ para participar”,

afirma o gerente.

Fenasucro espera repetir desempenhoMontabone diz que 450 empresas já confirmaram presença, o que representa 90% do total de expositores. Além dos estandes espalhados por 75 mil metros quadrados, o evento promove discussões e rodadas de negócios para diferentes setores da cadeia produtiva.

“A feira tende a ser melhor do que no ano passado. Mesmo assim, estamos sendo otimistas em manter a mesma projeção porque sabemos que não há nenhum greenfield [projeto] aprovado para construção de novas usinas. Manutenção ainda é a palavra de ordem”,

diz.

Polo Sucroenergético
Sertãozinho: a capital regional da cana-de-açúcar.
Em uma região voltada para o setor sucroenergético, Sertãozinho e as cidades ao seu redor, incluindo Ribeirão Preto, são conhecidos por seu forte potencial econômico ligado à cultura da cana-de-açúcar.
São 50 usinas de açúcar e etanol. Um mercado aquecido para o setor de máquinas e equipamentos de atualização para as indústrias e plantio de cana.
Além disso, Sertãozinho concentra grande parte da tecnologia e conhecimento para inovação e manutenção de tudo que se relaciona ao setor sucroenergético. Não é à toa que a Fenasucro & Agrocana se tornou o maior evento mundial desse setor.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Parede falsa escondia respiradores novos em hospital dizem funcionários

Em Ribeirão Preto menos de 1% do dinheiro enviado pelo gov. Federal foi usado, estados com respiradores comprados em adega, e proibição do tratamento precoce. A morte é um grande negocio.

Com R$ 166 milhões em caixa, prefeitura gastou 0,65% com medicamentos para Covid

Quebrar o pequeno comerciante e fazer obras faraônicas, é a marca deste prefeito que se mostra um capacho do governo de SP

Ribeirão Preto abre hoje (17) agendamento para 2ª dose da CoronaVac em idosos de 69 a 71 anos

Cadastro pode ser feito pela internet ou por telefone. Ao todo, são 13,1 mil vagas disponíveis.

Novos exames mostram que câncer se espalhou pelo corpo de Covas

O câncer atingiu fígado e ossos, em 2019 foi descoberto um tumor no estômago, mas sofreu metástase e se espalhou

Ribeirão Preto já aplicou mais de 133 mil doses de vacina contra a Covid-19

Aproximadamente 47 mil munícipes, entre profissionais da saúde e idosos, já receberam a segunda dose da imunização
- PUBLICIDADE -