Início Especiais Agrishow Reformas previdenciária e tributária são discutidas no 1º Fórum de Prefeitos, na...

Reformas previdenciária e tributária são discutidas no 1º Fórum de Prefeitos, na AGRISHOW

- continua após a publicidade -

No 1º Fórum de Prefeitos, realizado nesta terça-feira (30/4), na Arena do Conhecimento, na Agrishow 2019 – 26ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação, em Ribeirão Preto, quatro painéis abordaram a necessidade de reformas Previdenciária e Tributária para destravar a economia do País. O mediador do evento, Duarte Nogueira, prefeito de Ribeirão Preto, destacou que essas aprovações são importantes para que os municípios brasileiros não fiquem deficitários. Na abertura do evento, o presidente da Agrishow, Francisco Matturro, ressaltou a importância da aprovação da Reforma Previdenciária para o futuro do país e do setor agrícola. E o presidente da Abimaq, João Carlos Marchesan, mencionou que é preciso simplificar o sistema tributário brasileiro e que essa reforma também passa pela Previdenciária.

O economista e diretor-executivo do Instituto Fiscal Independente (IFT), do Senado, Felipe Salto, abordou o tema “Os efeitos fiscais da PEC nº 6”, destacando que hoje apenas quatro estados brasileiros não têm déficit. O secretário da Previdência, Leonardo Rolim, falou sobre a “Nova Previdência”. “Não vejo outra medida para mudar isso”, citou Rolim, referindo-se à situação atual e para garantir a previdência a quem está entrando no mercado de trabalho. Bernardo Appy, diretor do Centro de Cidadania Fiscal (CCiF), participou do painel “Propostas de Reforma do Modelo Brasileiro de Tributação de Bens e Serviços”, destacando que é preciso substituir cinco impostos atuais pelo Imposto sobre Bens e Serviços (IBS). Segundo Appy, esse IBS poderia aumentar o PIB nacional em 10% ao longo de 10 anos.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O deputado federal Luiz Carlos Hauly foi o responsável pelo quarto painel, “Reforma: Reengenharia Tributária e Tecnologia”. Em sua proposta, 11 tributos se transformariam num só, o Imposto sobre Valor Agregado (IVA), e seria eletrônico. “Teríamos zero de imposto sobre comida e remédios”, disse ele, finalizando: “Também poderíamos desonerar as máquinas e implementos agrícolas”.

A Agrishow 2019 acontece até o 3 de maio, em Ribeirão Preto e é uma iniciativa das principais entidades do segmento no país: Abag – Associação Brasileira do Agronegócio, Abimaq – Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos, Anda – Associação Nacional para Difusão de Adubos, Faesp – Federação da Agricultura e da Pecuária do Estado de São Paulo e SRB – Sociedade Rural Brasileira. O evento é organizado pela Informa Exhibitions, integrante do Grupo Informa, principal promotora de feiras de negócios no Brasil e no mundo. 

Banco de dados unificado, que representa ganhos para o agricultor, foi lançado na Agrishow 2019 

Foi lançado nesta terça-feira (30/4) na Agrishow 2019 – 26ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação o Banco de Dados Colaborativo do Agricultor (BDCA), uma iniciativa da Abimaq – Associação Brasileira das Indústrias de Máquinas e Equipamentos que tem o objetivo de facilitar a vida do produtor rural na gestão e análise dos dados coletados pelos diversos sensores embutidos nas máquinas utilizadas em sua fazenda. “Essa integração das informações fornecidas pelas máquinas padronizadas e reunidas numa única plataforma significa, para o agricultor, a possibilidade de usar, racionalmente, sementes, adubos, defensivos, entre outros insumos, o que resulta em ganhos produtivos significativos”, afirmou João Alfredo Delgado, diretor de Tecnologia da Abimaq.

De acordo com Pedro Estevão, presidente da Câmara Setorial de Máquinas e Implementos Agrícolas, da Abimaq, o BDCA é fruto da cooperação entre fabricantes de máquinas e equipamentos agrícolas associadas da entidade. “Os dados são armazenados com toda a segurança e são administrados pela Abimaq, de modo que a propriedade dos dados é exclusiva do agricultor, que tem autonomia total para autorizar o seu acesso a partir de deferentes plataformas”, relata Estevão.

Foi feito um plano piloto, que teve a participação de seis empresas, com a realização de diversos testes reais com a coleta de dados de plantadeiras, colheitadeiras e pulverizadores para a geração de mapas sobre área adubada, quantidade de sementes plantadas, velocidade das máquinas, entre outros parâmetros. “Com isso, será possível o produtor ter efetivos ganhos com o uso racional de adubos e sementes e na aplicação de corretivos para o solo”, explica Estevão, acrescentando que a previsão é que dentro de 12 meses o BDCA entrará em pleno funcionamento. Além das empresas que hoje já participam do projeto, diversas outras manifestaram interesse em participar dele.

Fórum da Abag na Agrishow 2019 debate inovação no agro

A Abag – Associação Brasileira do Agronegócio, uma das realizadoras da Agrishow, em parceria com o jornal O Estado de S. Paulo, promoverá nesta quarta-feira (1/5), na Arena do Conhecimento, instalada na Agrishow 2019 – 26ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação o Fórum Inovação. O evento, que contará com as presenças do secretário de Agricultura de São Paulo, Gustavo Junqueira, e do prefeito de Ribeirão Preto, Duarte Nogueira, terá um ciclo com seis palestras ministradas por diversos especialistas e profissionais de empresas da área do agronegócio.

O Fórum Inovação terá um ciclo de seis palestras, ministradas por especialistas e profissionais de empresas conceituadas no agronegócio nacional. Uma das apresentações será proferida pelo Secretário Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos Alexandre Jorge da Costa, que debaterá o tema “Agenda Nacional de Produtividade e Competitividade”.

O evento será aberto às 12h30 pelo diretor executivo da Abag, Luiz Cornacchioni, e envolverá a discussão de vários temas: Caroline Capitani, gestora de Design Digital e Inovação na ilegra, fala sobre a Transformação digital no campo: quem planta colhe inovação; Eduardo Figueiredo, da Inter Chains, aborda o tema Blockchain no Agronegócio – como a tecnologia de criptomoedas está revolucionando a indústria do agro; Guilherme Raucci, diretor de Sustentabilidade na Agrosmart, discorre sobre Agricultura digital e o impacto na cadeia de alimentos, Marco Aurélio Milan, responsável pelos produtos da linha PLM de Agricultura de Precisão da New Holland Agriculture, fala sobre Conectividade no campo; e Marco Aurélio Chaves, CEO da Alluagro, aborda o assunto O futuro já é passado no agronegócio.

As inscrições são gratuitas pelo e-mail: forum@abag.com.br. 

  • Abaixo, segue a programação das coletivas já programadas com os respectivos locais.

Dia 01/05 (quarta) EMPRESA LOCAL
08h30 CASE IH Estande
10h30 NISSAN Estande
10h30 INCERES Estande Valtra
12h00 FPT INDUSTRIAL Estande
14h30 FCA Estande

 

Mais informações:

AGRISHOW 2019 – 26ª Feira Internacional de Tecnologia Agrícola em Ação

Data: 29 de abril a 3 de maio de 2019

Local: Rodovia  Antônio  Duarte  Nogueira, Km 321 – Ribeirão Preto (SP)

Horário: das 8h às 18h
www.agrishow.com.br

 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Trump interrompe coletiva de imprensa por causa de tiros na Casa Branca

A corporação avisou que o suspeito em questão foi atingido por disparos de arma de fogo. A identidade do sujeito não foi divulgada até o momento.

Com eleições se aproximando prefeitura entrega UPA

UPA começou a funcionar nesta segunda-feira (10), com capacidade de atender moradores da região Norte da cidade, estimada em 200 mil habitantes

Município de Serrana terá caixa eletrônico do Banco24Horas

Clientes de mais de 100 instituições financeiras podem realizar diversas transações, como sacar dinheiro e pagar contas

Oficina de pião é destaque na agenda do Museu Casa de Portinari

A profunda ligação de Candido Portinari com Brodowski, sua cidade natal, foi pintada em diversas obras, assim como a sua infância e...

Sobre cloroquina: ‘Impediu minha ida para a UTI’, diz Roberto Kalil

Chefe da cardiologia do Hospital Sírio-Libanês foi tratado para covid-19 com um conjunto de medicamentos que incluiu a hidroxicloroquina
- PUBLICIDADE -