InícioEspeciaisAgrishowAgrishow é palco da Plataforma do Gás no agronegócio

Agrishow é palco da Plataforma do Gás no agronegócio

- continua após a publicidade -

No dia 2 de maio, às 9 horas, será lançada, na Agrishow, na Arena do Conhecimento, a “Plataforma do Gás no Agronegócio – Biometano e Gás Natural”. O evento reunirá empresas e associações, onde serão apresentadas as inúmeras possibilidades de uso e benefícios do biogás, do biometano e do gás natural no agronegócio.

Estão confirmadas apresentações da GasBrasiliano, Citrosuco, New Holland e Cocal, além da participação especial do subsecretário de Infraestrutura do Estado de São Paulo, Glaucio Attorre Penna, que abordará a visão do Estado sobre o tema.

O evento é uma iniciativa das associações Abegas (Associação Brasileira das Empresas Distribuidoras de Gás Canalizado), Abiogás (Associação Brasileira de Biogás e de Biometano) e COGEN (Associação da Indústria e Cogeração de Energia), das empresas Citrosuco, Cocal, GasBrasiliano, NewHolland, São Martinho e Tereos, e tem o apoio da Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado de São Paulo.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Serviço

Lançamento da Plataforma do Gás no Agronegócio

Data: 02 de maio

Horário: 09h00

Local: Agrishow – Arena do Conhecimento

Endereço: Rodovia Prefeito Antônio Duarte Nogueira, Km 321, Ribeirão Preto/SP

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Com dois a menos, Palmeiras se classifica na libertadores

10 SEMIS DE #LIBERTADORES NA HISTÓRIA! 10 CLASSIFICAÇÕES CONSECUTIVAS EM MATA-MATA NO TORNEIO! 10 PASSAGENS DE FASE EM #LIBERTADORES EM CASA!

Patriotas vão para Paulista: Ribeirão inicia preparativos para o desfile de 7 de Setembro

Em Ribeirão vários grupos se organizam para participar das manifestações em São Paulo, dia que esta sendo considerado o mais importante dos últimos 200 anos. Confira como participar.

WhatsApp lança novas ferramentas para garantir mais segurança e privacidade aos usuários

As funções do aplicativo de mensagens estão em fase de testes, mas devem chegar ao público em breve

Vereador esquerdista que defende mulheres deve cumprir medida protetiva com a ex-namorada

a vítima se sente perseguida e agredida moralmente e psicologicamente pelo autor

“Funcionário” recebe R$ 22 mil por mês da Câmara para estudar Direito na USP em período integral

Trabalhar por que? Se nem os vereadores fazem isso, o O acadêmico em questão é Saulo Wellington Marchiori Magron, lotado no cargo de agente de administração
- PUBLICIDADE -