InícioEducaçãoProjeto GURI promove videoaulas de música gratuita e online para a programação...

Projeto GURI promove videoaulas de música gratuita e online para a programação de férias

Sob a orientação de educadores e educadoras, o Projeto GURI 4.0 oferece aulas virtuais e curso de musicalidades brasileiras idealizado pelo percussionista Ari Colares

- continua após a publicidade -

Sob a orientação de educadores e educadoras, o Projeto GURI 4.0 oferece aulas virtuais e curso de musicalidades brasileiras idealizado pelo percussionista Ari Colares

Projeto GURI no Interior e Litoral – programa de educação musical e inclusão sociocultural da Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, gerido pela Santa Marcelina Cultura – promove o Projeto GURI 4.0, uma série de atividades de música online para a programação de férias. O material, idealizado por profissionais da instituição, é gratuito e está disponível no canal oficial do Projeto Guri no Youtube.
 

Com o objetivo de expandir a comunicação universal e o compartilhamento dos saberes, o Projeto GURI 4.0 é mais uma ferramenta para a difusão da música e intercâmbio cultural com videoaulas em diversos temas disponíveis para a programação de férias das crianças, adolescentes e o público em geral. 
 

Entre as atividades previstas, o Festival de Férias oferece sete videoaulas, produzidas por educadoras e educadores, com conteúdos que vão de composição musical para crianças, produção de toques de celular e imaginação sonora, até sons com bexigas.
 

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

 Já o curso Musicalidades da Cultura Popular Brasileira foi criado e produzido por Ari Colares, percussionista e gerente artístico do Projeto GURI. Em oito módulos, os interessados (as) em expandir o conhecimento sobre a música popular do Brasil terão a oportunidade de aprender sobre ritmos, gêneros, cultura e instrumentos musicais que marcam a raiz da música brasileira, incluindo carimbó, jongo, Bumba Meu Boi e Congo de Ouro. “Produzir as videoaulas foi um processo gratificante e prazeroso, já que me permitiu desenvolver conteúdos que eu vivencio e compartilho há 40 anos. Além de ser mais uma forma de ampliar a democratização do ensino musical por meio das plataformas de vídeo”, destaca Colares.
 

Todos os vídeos têm tradução em Libras. Os vídeos do curso de Musicalidades contam também com legendas em português. As aulas já estão disponíveis no canal oficial do Projeto GURI no YouTube: Link. Confira abaixo a programação completa:
 

foto arquivo

PROJETO GURI 4.0

Festival de Férias 

ConstruSOM: Beliscofone (com Augusto Botelho): link

Composição musical para crianças (com Alexandre Guilherme): link.

Como fazer o próprio toque do celular (com João Junior): link.

Imaginação sonora (com Fabiana Almeida): link.

Ostinelo: ostinato e chinelo (com Michel Vicentini): link.

Xote dos copos (com Eglem Bergantim): link.

Bexigando (com Etiene Consolaro): link.

Curso: Musicalidades da Cultura Popular Brasileira

Batuque de Umbigada: link.

Jongo: link.

Carimbó: link.

Bumba Meu Boi de Matracas: link.

Serra Acima: link.

Serra Abaixo: link.

Congo de Ouro – parte 1: link.

Congo de Ouro – parte 2: link.

foto arquivo

______________________________________________________________________

Patrocinadores e apoiadores do Projeto Guri – Santa Marcelina Cultura: Instituto CCR; WestRock; CTG Brasil; Tauste Supermercados; Novelis; EMS; Valgroup; Cipatex; Grupo Maringá; Arteris; Capuani do Brasil; Distribuidora de Alimentos Ikeda; Mercedes-Benz; Petrom – Petroquímica Mogi das Cruzes; Castelo Alimentos; Pirelli. 

Projeto Guri: O Projeto Guri é gerido pela Santa Marcelina Cultura. Atende gratuitamente mais de 60 mil crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos em todo o Estado de São Paulo, buscando proporcionar oportunidades de crescimento cultural e inclusão social por meio de uma educação musical de qualidade apoiada por um trabalho social efetivo, por meio dos seus 384 Polos de Ensino. Desde a criação do Projeto Guri em 1995, já foram atendidas perto de 1 milhão de crianças e adolescentes.  

Santa Marcelina Cultura: eleita a melhor ONG de Cultura de 2019, além de ter entrado na lista das 100 Melhores ONGs em 2019 e 2020, a Santa Marcelina Cultura é uma associação sem fins lucrativos que atua com a missão de formar pessoas. Criada em 2008, é responsável pela gestão do Guri na Capital e região Metropolitana de São Paulo, da Escola de Música do Estado de São Paulo – Tom Jobim (EMESP Tom Jobim), do Theatro São Pedro e do Projeto Guri no Interior, Litoral e Fundação Casa. O objetivo da Santa Marcelina Cultura é desenvolver um ciclo completo de formação musical integrado a um projeto de inclusão sociocultural, promovendo a formação de pessoas para a vida e para a sociedade. No Theatro São Pedro, a Santa Marcelina Cultura desenvolve um trabalho voltado a montagens operísticas profissionais de qualidade aliado à formação de jovens cantores e instrumentistas para a prática e o repertório operístico, além de se debruçar sobre a difusão da música sinfônica e de câmara com apresentações regulares no Theatro. Para acompanhar a programação artístico-pedagógica do GURI Capital e Grande São Paulo, da EMESP Tom Jobim e do Theatro São Pedro, baixe o aplicativo da Santa Marcelina Cultura. A plataforma está disponível para download gratuito nos sistemas operacionais Android, na Play Store, e iOS, na App Store. Para baixar o app, basta acessar a loja e digitar na busca “Santa Marcelina Cultura”. 

foto arquivo

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

😢 Sob Aplausos e Forte Comoção, Corpo de Nahim é Enterrado em Miguelópolis 😢

🕊️ Família Atende Pedido Especial do Cantor em Seu Último Adeus 🕊️

Multinacional abre vagas para auxiliar de logística em Cravinhos

Candidaturas vão até o dia 30 de junho; não é necessário experiência anterior na função

USP Filarmônica apresenta a estreia mundial da ópera O Jovem Rei de Lucas Galon

"Como é estranho estar aqui", pensou o Jovem Rei, cuja mente estava em conflito ao descobrir o luxo e a responsabilidade de sua nova posição. A história fascinante de Oscar Wilde em O Jovem Rei nos transporta para o dilema
- PUBLICIDADE -