Início Educação Projeto Guri celebra o Dia da Música e lança o programa Guri...

Projeto Guri celebra o Dia da Música e lança o programa Guri Participativo

- continua após a publicidade -

A proposta abrangente dá início às atividades do Guri Participativo, um programa criado para estimular a autonomia e a participação ativa de alunos e alunas do Projeto Guri. A intenção é dar voz a crianças, adolescentes e jovens – incentivando o exercício da cidadania e a livre expressão.

Para o Dia da Música, estudantes dos mais de 300 polos de ensino, espalhados por todo o Estado de São Paulo, deverão realizar um projeto que tenha sido elaborado por eles, com apoio das equipes. “Propusemos aos alunos e alunas o desafio de pensar em alguma atividade que acontecesse fora do polo de ensino, em outros espaços da cidade, convidando a população a celebrar este dia de uma forma mais interativa”, comenta Alessandra Costa, Diretora Executiva da Amigos do Guri.

Como a efeméride cairá em um sábado, a ideia é que as comunidades locais também participem da festa. Os eventos elaborados pelos estudantes irão ocorrer fora da sala de aula, em diversos espaços de suas cidades, tais como praças, quadras de escolas, coretos, par­ques públicos etc… Todas as atrações são gratuitas e abertas ao público em geral (com exceção das apresentações realizadas nas unidades da Fundação CASA).

Os formatos para as atividades são os mais variados. Haverá saraus, piqueniques musicais, gincanas, show de talentos, jogos, festas etc. Entre os destaques, iniciativas como a que ocorrerá em Santos, onde os guris irão se apresentar no bondinho da cidade, levando a sua música para percorrer o centro histórico. Outro programa que deve mobilizar a população ocorre em Itápolis. No município, as comemorações do Dia da Música querem reviver a tradição das modas de viola. No calçadão da Rua Barão de Rio Branco, um grupo de violeiros da terceira idade irá se apresentar ao lado dos nossos alunos e alunas de violão, percussão e canto. Quem estiver passando pelo local, também será convidado a entrar na roda e participar.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A proposta de fomentar a participação dos jovens não se encerra com o Dia da Música. Ambicioso, esse novo eixo pedagógico marca uma nova etapa do Projeto Guri. Com 22 anos de história – foi criado em 1995 – e mais de 650 mil alunos atendidos nesse período, o Guri avalia ter atingido sua maturidade. Esse seria, portanto, o momento ideal para, mantendo o que já foi conquistado, dar um passo adiante em sua missão, que é promover o desenvolvimento humano das gerações em formação por meio da música.

Importante tema de discussão na sociedade atual, o protagonismo infantojuvenil está no horizonte do Guri Participativo. A ideia é colocar o jovem como elemento central da prática educativa, buscando um formato em que crianças e adolescentes possam exercitar questões cruciais para a cidadania, tais como o compromisso, a responsabilidade e a liberdade.

Veja toda a programação do Dia da Música e participe!

 

DataHoraRegionalPoloLocalEndereçoCidadeTipo de evento
            24/06/1714:00Ribeirão PretoPOLO REGIONAL RIBEIRÃO PRETOPraça Eugênio AssugênioParque Industrial TanquinhoRibeirão PretoMúsica com outras manifestações artísticas, como dança e grafite
24/06/179:00Ribeirão PretoPOLO IGARAPAVAPraça Rui BarbosaPça. Rui Barbosa, s/nºIgarapavaAtividade inspirada em cantigas de roda, como Escravos de Jô
24/06/1715:00Ribeirão PretoPOLO ITUVERAVAPraça Helvio Nunes da SilvaPça. Helvio Nunes da SilvaItuveravaGincanas e piquenique musical com a comunidade
24/06/1722:00Ribeirão PretoPOLO IORM IPUÃPraça MatrizPraça Dom Pedro IIpuãAtividade em parceria com a comunidade
24/06/1710:00Ribeirão PretoPOLO ALTINÓPOLISCentro Social UrbanoAv. Coronel Antônio Justino de Figueiredo, s/nºAltinópolisGincanas e jogos de tabuleiro com peças “humanas”
24/06/1714:00Ribeirão PretoPOLO SERTÃOZINHOEscola de Educação Ambiental de SertãozinhoParque EcológicoSertãozinhoCom escoteiros do Grupo Caiapós, entre outros
24/06/179:00Ribeirão PretoPOLO SANTA ROSA DE VITERBOEstação MogianaR. Sete de Setembro, 1.000Santa Rosa de ViterboGincanas, show de talentos e confecção de instrumentos
24/06/1716:00Ribeirão PretoPOLO SÃO SIMÃOBiblioteca Municipal Miguel NaymeR. Bandeira Vilela, 559São SimãoSarau em parceria com a comunidade
03/06/1721:00Ribeirão PretoPOLO MIGUELÓPOLISPraçaR. João Felisberto de Freitas, s/nºMiguelópolisCombinação de desenho e música
24/06/179:00Ribeirão PretoPOLO DUMONTPraça central de DumontPça. Josefina NegriDumontÊnfase no protagonismo infantil e juvenil
28/06/1714:00Ribeirão PretoPOLO CASA SERTÃOZINHOFundação Casa Centro SertãozinhoRod. Carlos Tonani, km 92SertãozinhoJogos como o

“Qual é a Música”

24/06/1710:00Ribeirão PretoPOLO MONTE ALTOPraça CentralPraça CentralMonte AltoJogos como o

“Qual é a música”

24/06/1710:00Ribeirão PretoPOLO CASA RIO PARDOFundação Casa Centro Rio PardoRod. Mario Donega, km 2Ribeirão PretoIntegração com outras equipes do CASA
24/06/1714:00Ribeirão PretoPOLO CASA OURO VERDEFundação Casa Centro Ouro VerdeRod. Mario Donega, km 2Ribeirão PretoJogos musicais interativos
24/06/178:00Ribeirão PretoPOLO INST. OSWALDO RIB. DE MENDONÇA (GUAÍRA)Lago MaracáAv. Gabriel Garcia Leal, 2.380GuaíraGincana musical e piquenique
24/06/1722:00Ribeirão PretoPOLO ITIRAPUÃPraça Nossa Senhora AparecidaR. Dozito Malvar Ribas, s/nºItirapuãConfecção de chocalho com os participantes
24/06/1714:00Ribeirão PretoPOLO PITANGUEIRASPraça João PessoaR. Leonino Cotrim, s/nºPitangueirasJogos como o “Qual é a música”
24/06/179:00Ribeirão PretoPOLO JABORANDIPraça da Matriz de JaborandiR. Antônio Bruno, 466JaborandiApresentação de alunos e ex-alunos
24/06/1713:00Ribeirão PretoPOLO TAQUARITINGAPraça Dr. Ernesto PagliusoAv. Washington Luiz, s/nºTaquaritingaCoral, camerata e banda, com alunos e ex-alunos
24/06/179:00Ribeirão PretoPOLO ACIF-FRANCAParque Fernando CostaAv. José da Silva, s/nºFrancaSeis atividades musicais
24/06/179:00Ribeirão PretoPOLO SÃO JOAQUIM DA BARRAIgreja Matriz São Joaquim da BarraPraça 7 de SetembroSão Joaquim da BarraApresentação de polo
24/06/1710:00Ribeirão PretoPOLO VIRADOUROPraça MatrizPraça MatrizViradouroJogos como o “Qual é a Música”
24/06/1715:00Ribeirão PretoPOLO CAJURUPraça da Matriz de São BentoLargo São Bento, 985CajuruAtividade em parceria com a comunidade
24/06/179:00Ribeirão PretoPOLO MONTE AZUL PAULISTAPraça Rio BrancoPça. Rio BrancoMonte Azul PaulistaAtividade Voz e Movimento
24/06/179:00Ribeirão PretoPOLO BATATAISPraça CentralPça. Cônego Joaquim AlvesBatataisPasseata e intervenções artísticas
24/06/1710:00Ribeirão PretoPOLO BRODOWSKIPraça Cândido PortinariPça. Cândido PortinariBrodowskiConfecção de instrumento musical com os participantes
24/06/1713:00Ribeirão PretoPOLO GUARÁGinásio de EsportesR. Amador Bueno, s/nºGuaráAtividade em parceria com a comunidade
25/06/179:00Ribeirão PretoPOLO JABOTICABALPraça 9 de JulhoR. Rui Barbosa, s/nºJaboticabalGuris vão tocar e cantar com a comunidade

 

Projeto Guri www.projetoguri.org.br

Patrocinadores e apoiadores do Projeto Guri – Amigos do Guri: Instituto CCR por meio da CCR AutoBAn e CCR SPVias, SABESP, SKY, CTG, SEM, Microsoft, Usina Colorado,  Caterpillar, Supermercados Tauste, Capuani, Grupo BB e Mapfre, Pinheiro Neto,  WestRock, VALGROUP, Banco Votorantim, Mercedes Benz, Catho, Hasbro, Cipatex, PPE Fios, Grupo Maringá, Raízen, Castelo Alimentos, Arteris e Cremer.

Sobre o Projeto Guri

Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos (até 21 anos na Fundação CASA). Mais de 49 mil alunos são atendidos por ano, em quase 400 polos de ensino, distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os mais de 330 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação CASA, são administrados pela Amigos do Guri, enquanto o controle dos polos da capital paulista e Grande São Paulo fica por conta de outra organização social. A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Desde seu início, em 1995, o Projeto já atendeu cerca de 650 mil jovens na Grande São Paulo, interior e litoral.

Sobre a Amigos do Guri

A Amigos do Guri é uma organização social de cultura que administra o Projeto Guri. Desde 2004, é responsável pela gestão do programa no litoral e no interior do estado de São Paulo, incluindo os polos da Fundação CASA. Além do Governo de São Paulo – idealizador do projeto –, a Amigos do Guri conta com o apoio de prefeituras, organizações sociais, empresas e pessoas físicas. Instituições interessadas em investir na Amigos do Guri, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm incentivo fiscal da Lei Rouanet e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Pessoas físicas também podem ajudar. Saiba como contribuir: www.projetoguri.org.br/faca-sua-doacao.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Confira discurso do presidente Bolsonaro na Cúpula do Clima

O presidente Jair Bolsonaro participou hoje (22) da Cúpula do Clima. O evento virtual, que começou hoje (22) e vai até amanhã

Caixa paga auxílio emergencial a nascidos em agosto

Também hoje, beneficiários do Bolsa Família com o Número de Inscrição Social (NIS) de dígito final 4 poderão sacar o benefício.

Onda de frio chega ao Brasil na próxima semana

Uma frente fria avança para o Brasil no próximo fim de semana, 23 e 24 de abril, e traz uma massa de ar frio, de origem polar, com intensidade moderada a forte.

Sertãozinho abre processo seletivo para estágio em serviço social

Serão selecionados 15 estagiários. Inscrições devem ser feitas até 27 de abril.

COVID-19 leva a escalada de mortes e colapso de hospitais no Peru

Uma onda brutal da doença atingiu o país nas últimas semanas, resultando em hospitais superlotados, enquanto o acesso à vacinação continua sendo um grande desafio
- PUBLICIDADE -