InícioEconomiaAçúcar ainda é o principal produto exportado na região de RP

Açúcar ainda é o principal produto exportado na região de RP

- continua após a publicidade -

O açúcar continua como o principal produto exportado pela Região Metropolitana de Ribeirão Preto (RMRP), tendo apresentado crescimento de 2,9% em 2017 em relação a 2016. É o que mostra o Boletim Comércio Exterior do Ceper/Fundace, que traz um balanço de 2017 e um comparativo com o ano anterior.

Na região, o destaque de exportação ficou por conta do amendoim, que apresentou crescimento de 71,7% em 2017 na comparação com 2016, passando a ser o quarto principal item exportado pela região.

Em Ribeirão Preto, o destaque foi o aumento do valor exportado de soja, que passou de US$ 960 mil em 2016 para US$ 20 milhões em 2017, o que é decorrente de efeito meramente contábil, explica o pesquisador do Ceper e coordenador do Boletim Comércio Exterior, Luciano Nakabashi.

Outro produto com crescimento expressivo na cidade, segundo o levantamento, foi alimentação animal, com variação positiva de 58% em entre um ano e outro. Já as exportações de sementes, frutos e esporos apresentaram queda de 36,1%, no mesmo período.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Em Sertãozinho, o destaque foi o aumento da exportação de carnes bovinas (96%), fazendo o item entrar na lista de principais produtos exportados. Por outro lado, a exportação do álcool etílico apresentou uma queda de 71%, baixando de US$ 126 milhões para US$ 21 milhões. “A queda na exportação do etanol depende muito da demanda americana, o principal destino do produto, o que explica as oscilações que ocorrem em cada ano”, explica Nakabashi.

Também houve redução da exportação de açúcar (-8%). Mesmo assim, o item continuou sendo o principal produto da pauta exportadora de Sertãozinho.

Brasil – No Brasil, os cinco principais itens exportados foram os mesmos em 2016 e 2017 e a soma dos valores aumentou 38% de um ano para outro. Destacam-se os aumentos das exportações de óleos brutos de petróleo (61,5%), minérios de ferro (41,4%) e veículos (39,7%). Segundo Nakabashi, o resultado positivo dos veículos se deve às melhorias na economia argentina de outros países de destino.

São Paulo – Diferente do Brasil, os principais itens exportados pelo estado de São Paulo se alteraram nos dois períodos analisados. Destaca-se o crescimento das exportações de tratores de esteira (bulldozers e angledozers), niveladoras e afins, que foi de 73,8%. Outros produtos que tiveram crescimento significativo no valor exportado foram automóveis de passageiros (28,6%) e óleos brutos de petróleo (32,5%). A exportação de sumos de frutas aumentou apenas 2,4%, saindo da lista dos cinco produtos mais exportados pelo Estado. Veículos aéreos, por sua vez, apresentaram redução de 17,1%, em decorrência da queda nas vendas da Embraer.

O Boletim completo está disponível no site da Fundace: https://www.fundace.org.br/_up_ceper_boletim/ceper_201801_00342.pdf

Ceper – O Centro de Pesquisa em Economia Regional foi criado em 2012 e tem como objetivo desenvolver análises regionais sobre o desempenho econômico e administrativo regional do País. Sua criação reúne a experiência de diversos pesquisadores da FEA-RP (Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto) da Universidade de São Paulo em pesquisas relacionadas ao Desenvolvimento Econômico e Social em nível regional, a análise de Conjuntura Econômica, Financeira e Administrativa de municípios e Gestão de Organizações municipais, entre outros. A iniciativa de criação do Centro foi dos pesquisadores Rudinei Toneto Junior, Sérgio Sakurai, Luciano Nakabashi e André Lucirton Costa, todos da FEA-RP/USP. Os Boletins Ceper têm o apoio do Banco Ribeirão Preto, Stéfani Nogueira Incorporação e Construção, São Francisco Clínicas, Citröen Independance, Ribeirão Diesel e CM Agropecuária e Participações.

Fundace – A Fundação para Pesquisa e Desenvolvimento da Administração, Contabilidade e Economia (Fundace) é uma instituição privada sem fins lucrativos criada em 1995 para facilitar o processo de integração entre a FEA-RP e a comunidade. Oferece cursos de pós-graduação (MBA) e extensão em diversas áreas. Também realiza projetos de pesquisa in company além do levantamento de indicadores econômicos e sociais nacionais regionais.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Cientista chinês deserta para os EUA com segredos de armas hipersônicas

Ele estava disposto a fornecer informações detalhadas sobre o veículo hipersônico em troca de asilo para ele, sua esposa e seu filho.

Brasil já tem mais casos de covid-19 do que no periodo antes da vacina

A pergunta é: Fecha tudo e #fiqueemcasa? As picadas funcionam ou é apenas interesse financeiro?

Aulas da Rede Municipal retornam na próxima semana

Retorno será 100% presencial e obrigatório para os estudantes; todos os protocolos sanitários que dispõem sobre a Covid-19 serão cumpridos. Não é obrigatório apresentar passaporte sanitário.

Morre a cantora e pastora Ludmila Ferber aos 56 anos

"Quando tudo parece estranho ao redor ,Buscar tua face é preciso, Deus Quando a gente não sabe o que está ocorrendo Buscar tua face é preciso, Deus"

Prefeitura obriga funcionalismo apresentar passaporte sanitário

Seu corpo minhas regras: Funcionários que não apresentarem documento serão impedidos de trabalhar e terão descontada do salário.
- PUBLICIDADE -