InícioDiversosLive hoje - Como Sobreviver aos Negócios no mercado atual

Live hoje – Como Sobreviver aos Negócios no mercado atual

- continua após a publicidade -

A unialfa Em parceria com o Castros Hotel e o canal chega de Crise apresenta uma sequência de lives com autoridades em assuntos de como podemos se reinventar no cenário atual.

Nesta primeira Live Lucas Aiello Gerente de Marketing da Coca Cola e Coordenador acadêmico, entrevista o Sr Olavo de Castro, Presidente do Hotel mais tradicional de Goiânia.

Serão discutidos temas de como o cenário atual tem afetado os negócios atuais e como fazer para neste novo cenário atrair novos clientes, melhorar a conversão de vendas e fidelizar os consumidores.

Para participar basta acessar o Canal no Youtube chegadecrise, ou se inscrever pelo Link https://bit.ly/Live-25-06, os inscritos terão acesso a um ambiente exclusivo onde poderão participar com perguntas e ainda recebe um book de soluções para o mercado atual.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

https://www.youtube.com/watch?v=K3pdVLkYPu0&feature=youtu.be

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Nós já avisamos que aconteceria: 72 casos de hepatite sem motivos no Brasil

Análises reúnem pacientes de dois meses a 16 anos; principais sintomas apresentados são pele e olhos amarelados, febre, vômito e dor abdominal. É só o começo dos efeitos da picada

Maior investidor da bolsa brasileira alerta: “Magazine Luiza vai quebrar”

Quem lacra lucra? : Lulista Magazine Luiza esta sentindo falta das tetas do governo e pode Quebrar. Triste

O nosso adeus a Miguel Liporassi

Ribeirão Preto perde Miguel Liporassi: Não era polêmico nem agressivo, era respeitado pela qualidade, voz e equilíbrio nos comentários. E pela postura com os colegas, leal, ficava longe das intrigas de bastidores.

PREVISÕES DO TAROT EM JULHO DE 2022

As previsões para Julho de 2022, trazem transformação nas finanças, amor, relação familiar

Vice de Lula tem novamente bens bloqueados pelo Ministerio Publico

Justiça Eleitoral determina bloqueio de R$ 11,3 milhões em bens de Geraldo Alckmin no caso Odebrech
- PUBLICIDADE -