InícioDiversosGenival Lacerda morre aos 89 anos de idade.

Genival Lacerda morre aos 89 anos de idade.

O mundo musical perde mais uma nota de sua melodia, morreu na manhã desta quinta-feira (7), o cantor e compositor Genival Lacerda (89).

- continua após a publicidade -

Bem humorado, com letras irreverentes e nascido na capital da festa de São João, Campina Grande (PB), cidade que levava com orgulho por onde passava. O cantor e compositor Genival Lacerda (89) morreu na manhã desta quinta-feira (7) após complicações em seu quadro clínico, vítima do agravamento de uma Pneumonia.

Os amantes do forró e a música brasileira perdem uma figura icônica. O Rei da Munganga, como era conhecido, deixou uma lista com vários sucessos nacionais em sua carreira com destaque para músicas como “De Quem é Esse Jegue?” e “Severina Xique-Xique”.

O falecimento foi comunicado nas redes sociais do seu filho, que postou fotos ao lado do pai e um texto em sua homenagem. A assessoria do cantor confirmou em nota (abaixo);

Nota da Equipe de Genival Lacerda:

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

“O cantor Genival Lacerda morreu nessa manhã de quinta-feira (07) vitima da COVID-19. O artista deu entrada no hospital no último dia 30 de novembro para tratamento da doença e chegou até a ter uma breve melhora no quadro clínico. Aos 89 anos de idade e 68 anos de carreira, Genival, que era paraibano e cidadão recifense, seguiu lutando até o último minuto.

O Rei da Munganga, como ficou conhecido em todo o Brasil, será eterno na memória de todos que o acompanharam durante mais de meio século; Eram crianças, adolescentes, jovens e idosos que admiravam o trabalho desse artista que elevou o nome da sua cidade natal, Campina Grande, e que representou o povo do Nordeste bravamente com a irreverência que será lembrada para sempre por todos os Brasileiros.

O Paraibano ficou conhecido pelo estilo musical e pelo espírito cômico que tinha. Também com o estilo próprio de cantar, pela alegria de ser nordestino e mostrar que música pode ter bom humor. Genival começou os trabalhos como radialista nas rádios Borborema e Caturité, o programa era líder em audiência e se chamava O Forró de Seu Vavá. A música Severina Xique Xique foi um marco na carreira para os outros sucessos como Radinho de Pilha, fenômeno, que vendeu mais de quinhentas mil cópias em todo o Brasil. Emplacando logo em seguida Mate o Véio que caiu rapidamente no gosto popular. A música Quem Dera ficou em primeiro lugar de audiência nas rádios de todo o Brasil durante muitos anos”.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Chamaram Damares de louca por denunciar, mas hoje aos poucos a verdade vem sendo apresentada

As denúncias de exploração infantil na Ilha de Marajó, no Pará, têm sido motivo de grande preocupação e discussão, especialmente após a corajosa denúncia feita pela cantora gospel Aymeê durante sua participação no reality show Dom Reality.

🎭🤣 “4 Amigos – Fila de Piadas”: Uma Noite de Diversão Garantida no Theatro Pedro II

Prepare-se para uma noite de muitas risadas com os "4 Amigos" - Dihh Lopes, Thiago Ventura, Afonso Padilha e Márcio Donato! Celebrando 10 anos de sucesso, o maior grupo de stand-up do Brasil

🎶🌟 Flávio Venturini – Coração a Dentro: Uma Jornada Musical Inesquecível no Theatro Pedro II

Prepare-se para uma noite memorável com Flávio Venturini, um dos maiores talentos da música brasileira! Em "Coração a Dentro", Venturini nos conduz por uma viagem emocionante através de sua carreira de quase 45 anos

🎸🌻 IRA Folk: Uma Noite Intimista com Nasi e Edgard Scandurra no Theatro Pedro II!

No dia 30/08/24, sexta-feira, às 20h, prepare-se para uma experiência única com o espetáculo "IRA Folk" no prestigiado Theatro Pedro II. Nasi e Edgard Scandurra retornam aos palcos com um formato inédito

🎩✨ Magic! de volta ao Brasil: uma noite mágica no Theatro Pedro II

No dia 11/04/24, quinta-feira, a partir das 20h, prepare-se para uma experiência única com o espetáculo "Magic!" no prestigiado Theatro Pedro II.
- PUBLICIDADE -