InícioDiversosGenival Lacerda morre aos 89 anos de idade.

Genival Lacerda morre aos 89 anos de idade.

O mundo musical perde mais uma nota de sua melodia, morreu na manhã desta quinta-feira (7), o cantor e compositor Genival Lacerda (89).

- continua após a publicidade -

Bem humorado, com letras irreverentes e nascido na capital da festa de São João, Campina Grande (PB), cidade que levava com orgulho por onde passava. O cantor e compositor Genival Lacerda (89) morreu na manhã desta quinta-feira (7) após complicações em seu quadro clínico, vítima do agravamento de uma Pneumonia.

Os amantes do forró e a música brasileira perdem uma figura icônica. O Rei da Munganga, como era conhecido, deixou uma lista com vários sucessos nacionais em sua carreira com destaque para músicas como “De Quem é Esse Jegue?” e “Severina Xique-Xique”.

O falecimento foi comunicado nas redes sociais do seu filho, que postou fotos ao lado do pai e um texto em sua homenagem. A assessoria do cantor confirmou em nota (abaixo);

Nota da Equipe de Genival Lacerda:

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

“O cantor Genival Lacerda morreu nessa manhã de quinta-feira (07) vitima da COVID-19. O artista deu entrada no hospital no último dia 30 de novembro para tratamento da doença e chegou até a ter uma breve melhora no quadro clínico. Aos 89 anos de idade e 68 anos de carreira, Genival, que era paraibano e cidadão recifense, seguiu lutando até o último minuto.

O Rei da Munganga, como ficou conhecido em todo o Brasil, será eterno na memória de todos que o acompanharam durante mais de meio século; Eram crianças, adolescentes, jovens e idosos que admiravam o trabalho desse artista que elevou o nome da sua cidade natal, Campina Grande, e que representou o povo do Nordeste bravamente com a irreverência que será lembrada para sempre por todos os Brasileiros.

O Paraibano ficou conhecido pelo estilo musical e pelo espírito cômico que tinha. Também com o estilo próprio de cantar, pela alegria de ser nordestino e mostrar que música pode ter bom humor. Genival começou os trabalhos como radialista nas rádios Borborema e Caturité, o programa era líder em audiência e se chamava O Forró de Seu Vavá. A música Severina Xique Xique foi um marco na carreira para os outros sucessos como Radinho de Pilha, fenômeno, que vendeu mais de quinhentas mil cópias em todo o Brasil. Emplacando logo em seguida Mate o Véio que caiu rapidamente no gosto popular. A música Quem Dera ficou em primeiro lugar de audiência nas rádios de todo o Brasil durante muitos anos”.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

No Dia do Publicitário, APP Ribeirão lança calendário de atividades de 2023

Com novas datas de atividades e eventos, a Associação dos Profissionais de Propaganda de Ribeirão Preto reúne diretoria no Chopp Time

Saúde prorroga inscrições de concurso público para bolsistas do Programa de Aprimoramento

Inscrições vão até 17 de fevereiro; bolsas são para as áreas de Educação Física, Enfermagem, Farmácia, Nutrição, Psicologia e Terapia Ocupacional

Lula promete nova regulação para trabalhadores de aplicativos

Brasil tem 1,5 milhão de trabalhadores por aplicativos que podem deixar de trabalhar e ter uma renda, caso seja levado adiante

‘lambança’ é como Haddad chama aredução de ICMS

Durante a campanha lula e Haddad já avisavam que eram contra redução de impostos, bem como a bancada do PT foi contra durante a votação da lei criada por Bolsonaro

A brilhante ideia: Correios podem substituir Uber

O ministro do Trabalho, Luiz Marinho, disse que não está preocupado com a possibilidade de o Uber deixar o Brasil, se a regulamentação de aplicativos...
- PUBLICIDADE -