InícioDiversosClassificado, Verdão segue com a melhor campanha da primeira fase

Classificado, Verdão segue com a melhor campanha da primeira fase

Volante-artilheiro, Danilo dá vitória ao Palmeiras na Libertadores

- continua após a publicidade -

Volante-artilheiro, Danilo dá vitória ao Palmeiras na Libertadores

A convocação pela primeira vez à seleção brasileira fez muito bem a Danilo. Nesta quarta-feira (18), o volante confirmou a fase artilheira ao decidir a vitória do Palmeiras sobre o Emelec (Equador), por 1 a 0, no Allianz Parque, em São Paulo, pela quinta rodada do Grupo A da Libertadores. O jovem de 21 anos balançou as redes nas três partidas que disputou após ser chamado pelo técnico Tite para os amistosos do Brasil contra Japão e Coreia do Sul.

O Verdão foi a 15 pontos e manteve os 100% de aproveitamento, sendo o único time da competição sul-americana a ter vencido todos os jogos até o momento. Se garantir a melhor campanha da fase de grupos, será a quarta vez, nos últimos cinco anos, que a equipe alviverde alcançaria tal marca. O Emelec, com a derrota, depende de um tropeço do Deportivo Táchira (Venezuela) contra o Independiente Petrolero (Bolívia) para chegar à última rodada na segunda posição da chave.

Após quatro jogos seguidos com força máxima, o técnico Abel Ferreira preservou alguns dos titulares habituais. O zagueiro Murilo (substituto de Luan, contundido), o volante Zé Rafael, o meia Raphael Veiga e o atacante Dudu iniciaram o duelo no banco, dando lugar a Benjamin Kuscevic, Gabriel Menino, Eduard Atuesta e Rafael Navaro, respectivamente.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Diferente de partidas anteriores pela Libertadores, apesar da maior posse (63%) e de chutar mais (seis, três na meta, contra uma dos equatorianos), o Palmeiras não transformou a superioridade em gols na primeira etapa. Atuesta balançou as redes aos 33 minutos, mas o lance foi anulado por falta do colombiano no goleiro Pedro Ortíz.

A pressão alviverde não arrefeceu na volta do intervalo, mas a bola ainda levou 28 minutos para, enfim, entrar no gol do Emelec. Raphael Veiga (que entrou na segunda etapa) cobrou escanteio da esquerda, Rafael Navarro desviou na primeira trave e Danilo completou na pequena área, abrindo o placar. Foi a 21ª bola na rede alviverde na fase de grupos igualando o recorde do River Plate (Argentina) em 2020.

O Emelec tentou se lançar ao ataque para diminuir o prejuízo e deu espaços ao Palmeiras, que acabou não aproveitando. Os equatorianos tiveram grande chance para empatar aos 38 minutos, com o meia Alexis Zapata girando e batendo da entrada da área, fazendo o goleiro Weverton se esticar todo para evitar o empate.

O Verdão encerra a participação na primeira fase da Libertadores na próxima terça-feira (24), às 21h30 (horário de Brasília), outra vez no Allianz Parque, contra o Deportivo Táchira. Antes, no sábado (21), às 19h, os alviverdes visitam o Juventude no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul (RS), pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

O nosso adeus a Miguel Liporassi

Ribeirão Preto perde Miguel Liporassi: Não era polêmico nem agressivo, era respeitado pela qualidade, voz e equilíbrio nos comentários. E pela postura com os colegas, leal, ficava longe das intrigas de bastidores.

PREVISÕES DO TAROT EM JULHO DE 2022

As previsões para Julho de 2022, trazem transformação nas finanças, amor, relação familiar

Vice de Lula tem novamente bens bloqueados pelo Ministerio Publico

Justiça Eleitoral determina bloqueio de R$ 11,3 milhões em bens de Geraldo Alckmin no caso Odebrech

Multas no corredor de onibus da Vargas começa nesta Segunda-feira (4)

Conforme o Código de Trânsito Brasileiro, transitar pela faixa exclusiva de ônibus é considerada infração gravíssima, com multa de R$ 293,47 e perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Congresso mundial online reunirá milhões de pessoas para falar sobre “paz”

Como sentir paz e tranquilidade apesar dos desafios provocados pelo aumento do custo de vida, da violência, dos desastres naturais, do ódio e das guerras?
- PUBLICIDADE -