InícioDiversosAutoconhecimento é coisa de gente fraca?

Autoconhecimento é coisa de gente fraca?

Daniele Costa, especialista em gestão de pessoas é mentora, palestrante e facilitadora em desenvolvimento integral humano.

- continua após a publicidade -

*Por Daniele Costa

Durante algum tempo, tive vergonha em falar que fazia terapia ou que participava de formações em desenvolvimento humano.

Sempre dizia que ia ao médico ou que o curso era para uma formação na área de administração ou em assunto do trabalho, e quando me perguntavam sobre o que era, desviava o assunto.

Até que fiz um curso de Astrologia Védica, isso levantou os cabelos de algumas pessoas, pois, sempre fui muito católica, tive educação católica e me perguntavam: como assim estava fazendo um curso de astrologia?

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Bom, eu segui minha intuição, e fui fazer esse curso que me trouxe mais conhecimento a respeito de mim mesma, não tinha intenção em virar astróloga ou praticar, no entanto, o conhecimento sobre abriu novas portas que sequer eu havia considerando com relação a vida profissional e mudanças estratégicas de vida.

Essa busca por me conhecer e saber mais de mim, me levou a fazer escolhas diferentes também, longe de fórmulas tradicionais, pois passei a fazer mais perguntas do que de fato funcionava para minha vida e realidade.

Essa busca por meu autoconhecer, me levou a saber das minhas forças e valores inegociáveis, o que me ajudou a analisar os riscos e cenários das minhas escolhas.

Tudo isso me fez reconhecer que não se trata de fraqueza, pois olhar para as nossas próprias sombras, o que temos de pior, olhar para as nossas dores, para o que temos dificuldade de esquecer ou perdoar, não é para os fracos e sim para os fortes, é para quem realmente deseja subir de patamar de vida e não ficar preso aos condicionamentos das experiências e crenças.

Passei a entender que existem ferramentas e técnicas que podem contribuir com o meu processo, inclusive algumas já até utilizava de forma intuitiva, mas não tinha consciência. E ao saber delas, e dos seus resultados e mudanças, quis que mais pessoas soubessem disso. Escolhi neste processo, impactar vidas! Por isso fui levada a fazer não só uma mudança de carreira, mas de cidade e de vida!

E sempre digo que tudo são escolhas! E você? O que você escolhe para a sua vida?

Sobre Daniele Costa

A especialista em gestão de pessoas é mentora, palestrante e facilitadora em desenvolvimento integral humano.  Também é idealizadora da Plataforma da Vida, um portal de conteúdo e serviços voltados para autoconhecimento e gestão emocional. Formada em letras, passou pelo serviço público de Brasília e atuou 13 anos como bancária, nove deles como gestora.

Durante os anos de banco, coordenou trabalhos que exigiam empatia e a presença do outro, o que a fez expandir características como a facilidade com a escrita e o interesse em relacionamento humano. Ainda em seus anos corporativos, se aprofundou na área de gestão de pessoas com cursos dentro e fora do país, conhecendo a ferramenta Access Consciousness, entre outras.

Além do portal, Daniele também criou o coletivo Brazilinas, que em um ano de existência desenvolveu, entre outras ações, a capacitação profissional de diversas mulheres em situação de vulnerabilidade social, trabalhando também a autoestima e incentivando a independência dessas mulheres.

Para saber mais, acesse: https://plataformadavida.com/ e Instagram: @plataformada.vida e @dani.costa.oficial

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Cientista chinês deserta para os EUA com segredos de armas hipersônicas

Ele estava disposto a fornecer informações detalhadas sobre o veículo hipersônico em troca de asilo para ele, sua esposa e seu filho.

Brasil já tem mais casos de covid-19 do que no periodo antes da vacina

A pergunta é: Fecha tudo e #fiqueemcasa? As picadas funcionam ou é apenas interesse financeiro?

Aulas da Rede Municipal retornam na próxima semana

Retorno será 100% presencial e obrigatório para os estudantes; todos os protocolos sanitários que dispõem sobre a Covid-19 serão cumpridos. Não é obrigatório apresentar passaporte sanitário.

Morre a cantora e pastora Ludmila Ferber aos 56 anos

"Quando tudo parece estranho ao redor ,Buscar tua face é preciso, Deus Quando a gente não sabe o que está ocorrendo Buscar tua face é preciso, Deus"

Prefeitura obriga funcionalismo apresentar passaporte sanitário

Seu corpo minhas regras: Funcionários que não apresentarem documento serão impedidos de trabalhar e terão descontada do salário.
- PUBLICIDADE -