InícioAtualidadesRetrospectiva 2021: confira as principais notícias de janeiro

Retrospectiva 2021: confira as principais notícias de janeiro

Posse de Joe Biden e início da vacinação no Brasil foram destaques

- continua após a publicidade -

Posse de Joe Biden e início da vacinação no Brasil foram destaques

O ano de 2021 começou com várias mudanças no mundo todo, sobretudo na política. Na Europa, o Reino Unido concluiu o processo do Brexit, a saída da União Europeia. Nos Estados Unidos, a posse de Joe Biden foi marcada por uma série de conflitos incluindo a invasão do Capitólio Americano por manifestantes a favor do candidato derrotado, Donald Trump. A ação deixou quatro pessoas mortas e 50 feridas. Trump, aliás, sofreu um processo de impeachment pelo Congresso Americano. Porém, foi absolvido pelos senadores.

Crise em Manaus provocada pela covid-19

No Brasil, o estado do Amazonas viveu uma crise de saúde provocada pela pandemia de covid-19. Escassez de leitos e, sobretudo, de oxigênio. No dia 12, o governador Wilson Lima afirmou que, só nos estabelecimentos públicos de saúde, a demanda pelo produto tinha aumentado mais de 11 vezes além da média diária de consumo em virtude do crescimento do número de casos de covid-19.

Em Manaus, também se descobriu uma nova variante do novo coronavírus identificada por pesquisadores japoneses em viajantes que estiveram no estado. Inicialmente denominada de P1, a variante passou a se chamar Gamma.

Aplicação do Enem 2020

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Previsto para ser realizado no fim do ano passado, devido à pandemia de covid-19, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 foi remarcado para janeiro de 2021. Entidades escolares e até mesmo a Defensoria Pública da União solicitaram nova remarcação do exame. Porém, o pedido foi negado pela Justiça.

Para garantir a realização da prova, o Inep adotou diversos protocolos de segurança que tiveram de ser seguidos pelos candidatos sob o risco de serem eliminados.

A taxa de abstenção foi de 51,5% no primeiro dia de provas e 55,3% no segundo.

Confira na íntegra a coletiva de imprensa com balanço do Enem:

Aprovação de imunizantes e início da vacinação no Brasil

No dia 7, o país teve a notícia sobre a eficácia da vacina que estava sendo produzida pelo Instituto Butantan: a CoronaVac. De acordo com o governo de São Paulo, o imunizante apresentou eficácia mínima de 78%. No mesmo dia, o Ministério da Saúde anunciou assinatura de contrato com o Instituto Butantan para adquirir até 100 milhões de doses da vacina.

No dia seguinte (8), o presidente Jair Bolsonaro enviou uma carta ao primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, na qual solicitava urgência no envio para o Brasil das doses da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca produzidas na Índia.

Ainda não havia autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para o uso emergencial de nenhum imunizante no Brasil. Mas, no dia 17 de janeiro, um domingo, a agência se reuniu extraordinariamente para decidir os pedidos de autorização para uso emergencial de vacinas contra a covid-19. Por unanimidade, os cinco diretores da Anvisa aprovaram o uso emergencial da CoronaVac e da vacina de Oxford (AstraZeneca) contra a covid-19.

Confira a reunião completa da Anvisa:

O ano de 2021 começou com várias mudanças no mundo todo, sobretudo na política. Na Europa, o Reino Unido concluiu o processo do Brexit, a saída da União Europeia. Nos Estados Unidos, a posse de Joe Biden foi marcada por uma série de conflitos incluindo a invasão do Capitólio Americano por manifestantes a favor do candidato derrotado, Donald Trump. A ação deixou quatro pessoas mortas e 50 feridas. Trump, aliás, sofreu um processo de impeachment pelo Congresso Americano. Porém, foi absolvido pelos senadores.

Joe Biden toma posse como novo presidente americano – Reuters/Kevin Lamarque/Direitos Reservados

Crise em Manaus provocada pela covid-19

No Brasil, o estado do Amazonas viveu uma crise de saúde provocada pela pandemia de covid-19. Escassez de leitos e, sobretudo, de oxigênio. No dia 12, o governador Wilson Lima afirmou que, só nos estabelecimentos públicos de saúde, a demanda pelo produto tinha aumentado mais de 11 vezes além da média diária de consumo em virtude do crescimento do número de casos de covid-19.

Em Manaus, também se descobriu uma nova variante do novo coronavírus identificada por pesquisadores japoneses em viajantes que estiveram no estado. Inicialmente denominada de P1, a variante passou a se chamar Gamma.

Aplicação do Enem 2020

Previsto para ser realizado no fim do ano passado, devido à pandemia de covid-19, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 foi remarcado para janeiro de 2021. Entidades escolares e até mesmo a Defensoria Pública da União solicitaram nova remarcação do exame. Porém, o pedido foi negado pela Justiça.

Para garantir a realização da prova, o Inep adotou diversos protocolos de segurança que tiveram de ser seguidos pelos candidatos sob o risco de serem eliminados.

A taxa de abstenção foi de 51,5% no primeiro dia de provas e 55,3% no segundo.

Confira na íntegra a coletiva de imprensa com balanço do Enem:

Aprovação de imunizantes e início da vacinação no Brasil

No dia 7, o país teve a notícia sobre a eficácia da vacina que estava sendo produzida pelo Instituto Butantan: a CoronaVac. De acordo com o governo de São Paulo, o imunizante apresentou eficácia mínima de 78%. No mesmo dia, o Ministério da Saúde anunciou assinatura de contrato com o Instituto Butantan para adquirir até 100 milhões de doses da vacina.

No dia seguinte (8), o presidente Jair Bolsonaro enviou uma carta ao primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, na qual solicitava urgência no envio para o Brasil das doses da vacina contra a covid-19 da AstraZeneca produzidas na Índia.

Ainda não havia autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para o uso emergencial de nenhum imunizante no Brasil. Mas, no dia 17 de janeiro, um domingo, a agência se reuniu extraordinariamente para decidir os pedidos de autorização para uso emergencial de vacinas contra a covid-19. Por unanimidade, os cinco diretores da Anvisa aprovaram o uso emergencial da CoronaVac e da vacina de Oxford (AstraZeneca) contra a covid-19.

Confira a reunião completa da Anvisa:

Já no caso da Sputnik V, a agência devolveu o pedido de uso emergencial para o laboratório responsável pela vacina. Segundo a Anvisa, o pedido do laboratório para uso emergencial não apresentou os requisitos mínimos para pudesse ser analisado pela agência.

Na manhã do dia seguinte (18), começou a distribuição dos imunizantes para todos os estados.

Alguns deles, como Goiás, Piauí, Santa Catarina e São Paulo, iniciaram a vacinação no próprio domingo. Porém, a maioria começou na segunda, dia 20

A vacinação teve início pelos grupos prioritários da chamada Fase 1: trabalhadores de saúde, pessoas institucionalizadas (que residem em asilos) com 60 anos de idade ou mais, pessoas institucionalizadas com deficiência e população indígena aldeada.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

O nosso adeus a Miguel Liporassi

Ribeirão Preto perde Miguel Liporassi: Não era polêmico nem agressivo, era respeitado pela qualidade, voz e equilíbrio nos comentários. E pela postura com os colegas, leal, ficava longe das intrigas de bastidores.

PREVISÕES DO TAROT EM JULHO DE 2022

As previsões para Julho de 2022, trazem transformação nas finanças, amor, relação familiar

Vice de Lula tem novamente bens bloqueados pelo Ministerio Publico

Justiça Eleitoral determina bloqueio de R$ 11,3 milhões em bens de Geraldo Alckmin no caso Odebrech

Multas no corredor de onibus da Vargas começa nesta Segunda-feira (4)

Conforme o Código de Trânsito Brasileiro, transitar pela faixa exclusiva de ônibus é considerada infração gravíssima, com multa de R$ 293,47 e perda de sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH).

Congresso mundial online reunirá milhões de pessoas para falar sobre “paz”

Como sentir paz e tranquilidade apesar dos desafios provocados pelo aumento do custo de vida, da violência, dos desastres naturais, do ódio e das guerras?
- PUBLICIDADE -