Home » Esportes » Futebol » Botafogo » Botafogo não cai quebra jejum de 18 anos e goleia o Santos

Botafogo não cai quebra jejum de 18 anos e goleia o Santos

O Botafogo começou a rodada como o terceiro pior time na classificação geral do Paulistão.
O triunfo era necessário para que o time, não dependa do resultado do São Caetano, que recebeu o São Paulo no Anacleto Campanella e está com sete, para evitar se juntar ao São Bento como as equipes rebaixadas no Estadual.

Em 2001, quando o Botafogo bateu o Santos pela última vez, o time de Ribeirão Preto viveu um dos grandes momentos da sua história recente. Quarto colocado na fase de classificação do Paulistão, eliminou a Ponte Preta nas semifinais e foi vice-campeão estadual, pois perdeu a decisão para o Corinthians.

No inicio da partida após cruzamento de Marlon, Rafael Costa sobe mais que todo mundo e abre o placar no Santão! 1 a 0 para o Pantera!

Aos 19 ERICK LUIS Marca para o fogão! Após cobrança de escanteio, o atacante aproveitou a sobra e subiu mais que o marcador, fazendo o segundo do Pantera! 2 a 0 no Santa Cruz

Final de primeiro tempo! Com grande atuação, o Botafogo vai vencendo o Santos por 2 a 0 no Santão. Rafael Costa e Plínio balançaram as redes!

É DO ARTILHEIRO! Nadson acha lindo passe para Marlon Freitas, o meia serve Rafael Costa que faz o terceiro em Ribeirão Preto! 3 a 0 para o Botafogo

RAFAEL COSTA! Wellington Bruno acha passe perfeito e o artilheiro cava frente a frente com Vanderlei! É O QUARTO

Final de espetáculo em Ribeirão Preto! Com 3 gols de Rafael Costa e um de Plínio, Botafogo goleira o Santos no Santa Cruz!

Rodada –12ª rodada
Local –
Santa Cruz

Árbitro –Raphael ClausAssistentes –Danilo Ricardo Simon e Luiz Alberto Andrini

Gols

Botafogo: Rafael Costa 1′ 1T, Plínio 18′ 1T

Botafogo

Darley; Bruno José, Ednei, Naylhor, Plínio e Pará; Willian Oliveira, Marlon Freitas e Nadson; Rafael Costa e Erick
Técnico: Roberto Cavalo

Santos

João Paulo; Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Lucas Veríssimo; Matheus Ribeiro, Yuri, Jean Lucas, Diego Pituca e Orinho; Kaio Jorge e Arthur Gomes.
Técnico: Jorge Sampaoli

Comente

Deixe uma resposta