InícioTecnologiaFacebook reduzirá exibição de conteúdos políticos para usuários da rede

Facebook reduzirá exibição de conteúdos políticos para usuários da rede

Brasil será um dos primeiros alvos. Adivinhe se puder, qual grupo será atingido? Mas você ainda pode compartilhar e contrariar as big tech

- continua após a publicidade -

O Facebook anunciou nesta 4ª feira (10.fev.2021) que começará um experimento para reduzir a exposição de conteúdos políticos no feed de notícias dos usuários da rede social.

Os primeiros usuários que serão testados, em pequenos grupos, são os de Brasil, Canadá e Indonésia. O público norte-americano será incluído no experimento nas próximas semanas. A plataforma não anunciou por quanto tempo manterá essas mudanças.

“Durante esses testes iniciais, avaliaremos diferentes maneiras de classificar o conteúdo político no feed das pessoas, usando vários sinais para então decidir as abordagens que usaremos no futuro”, disse a rede social em comunicado.

Os conteúdos relacionados à política não desaparecerão completamente do feed, apenas a frequência será reduzida. As publicações de agências e serviços oficiais do governo não serão afetadas.

Após a experiência, o Facebook perguntará às pessoas que participarem dos testes como foi usar a rede com menos conteúdos relacionados à política.

Foto:: Montagem

“Um dos principais retornos que temos ouvidos de nossa comunidade é que as pessoas não querem que política e brigas tomem conta de suas experiências em nossos serviços”, disse Mark Zuckerberg, presidente-executivo da rede social.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Segundo levantamento feito pela própria empresa, a maioria das páginas com mais engajamento (curtidas, comentários e compartilhamentos) abordava política, e os algoritmos privilegiam publicações com mais engajamento, pois mantêm o público por mais tempo na rede social.

AI FICA UMA DUVIDA: Se as paginas mais acessadas são com assuntos políticos, como a plataforma afirma que as pessoas não querem assuntos políticos eu seu feed de noticias?

Durante o ano de 2020 e a pandemia de covid-19, o Facebook sofreu pressão por permitir que notícias falsas tomassem conta do feed da rede social. A empresa baniu anúncios políticos às vésperas das eleições norte-americanas e suspendeu contas de políticos, como o presidente Donald Trump.

Na verdade a plataforma fez PERSEGUIÇÃO aos perfis conservadores, e deu voz a perfis que defende o progressismo como aborto, pedofilia, LGBTSNXZ.

Não temos duvidas que farão o mesmo no Brasil.

foto arquivo

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Governo federal anuncia dose de reforço para profissionais de saúde

Aplicação extra ocorrerá a partir de seis meses da imunização completa

Bolsonaro na ONU: discurso sóbrio e responsável

‘Estávamos à beira do socialismo’, diz Bolsonaro em discurso na ONU Na abertura da Assembleia-Geral da entidade, presidente criticou lockdown e defendeu tratamento precoce contra a covid-19 O...

Corrente de Amor fomenta doações em prol do Hospital de Amor de Barretos

Facilidade de doação através de aplicativo e em pontos espalhados pelo Brasil, faz com que a campanha seja uma importante fonte de arrecadação para a instituição que operou com déficit mensal de mais de R$ 36 milhões em 2020

Primavera 2021: previsão geral para o Brasil

Primavera começa nesta quarta-feira (22). Crise hídrica e novo La Niña à vista. Quais as expectativas do clima para primavera 2021?

Bolsonaro faz abertura da assembleia geral da ONU logo mais por volta de 10 h

Na abertura da 76ª Assembleia Geral, expectativa é de que Bolsonaro use o púlpito para passar aos demais dirigentes mundiais um panorama do Brasil diferente do que os globalistas e velha mídia fazem.
- PUBLICIDADE -