InícioSaúdeSyngenta doa 7.510 equipamentos de proteção individual no combate à Covid-19 em...

Syngenta doa 7.510 equipamentos de proteção individual no combate à Covid-19 em Ribeirão Preto

Em abril, a Syngenta viabilizou a aquisição de 2.250 unidades de 500ml de álcool 70%, que foram distribuídos para a Secretaria Municipal de Saúde de Ribeirão Preto.

- continua após a publicidade -

Atenta à prioridade de preservar a saúde e a segurança das pessoas – sejam colaboradores e suas famílias, clientes, parceiros de negócios e comunidades das quais faz parte -, a Syngenta tem avaliado, constantemente, formas de contribuir significativamente por meio de doações.

Na última semana, a empresa viabilizou a entrega de 7.510 equipamentos de proteção individual a serem direcionados à FAEPA – Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (USP), reforçando a proteção de profissionais que atuam no enfrentamento da Covid-19.

“Reconhecemos a importância de exercermos nosso papel social junto às comunidades nas quais atuamos. Além disso, apoiamos o trabalho essencial que vem sendo conduzido pelos profissionais da área médica, o que enaltece nossa motivação em seguirmos com doações como esta”, afirma André Pozza, Diretor responsável pela Unidade Comercial da Syngenta em Ribeirão Preto.

Em abril, a Syngenta viabilizou a aquisição de 2.250 unidades de 500ml de álcool 70%, que foram distribuídos para a Secretaria Municipal de Saúde de Ribeirão Preto. Além disso, a empresa fez doações de álcool 70% e EPIs de uso médico para 17 outros municípios em 8 estados no Brasil.

Para que não falte alimento à mesa

Ciente de sua responsabilidade como elo fundamental da atividade agrícola, classificada pelo poder público como essencial, a Syngenta está focada na continuidade de sua operação.

Por isso, seguimos trabalhando alinhados às determinações das instâncias reguladoras e dos órgãos de saúde pública e adotando todas as medidas de saúde e segurança necessárias. Vemos que, em um momento como esse, é muito importante atuarmos para que os brasileiros continuem consumindo alimentos seguros, em quantidades adequadas; e para que a exportação de produtos agrícolas, tão importante para a economia de nosso país, também prossiga sem disrupções.

Para mais informações sobre como a Syngenta está atuando durante a pandemia da Covid-19, acesse a página: http://www.syngenta.com.br/pandemia-da-covid-19

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -



Sobre a Syngenta
A Syngenta é uma empresa líder no segmento agrícola, que tem como ambição ajudar a nutrir o mundo e cuidar do planeta. Visamos melhorar a sustentabilidade, qualidade e segurança da agricultura por meio de ciência de ponta e soluções inovadoras para os cultivos. Nossas tecnologias permitem que milhões de agricultores em todo o mundo façam melhor uso dos recursos agrícolas disponíveis. Temos 28 mil funcionários em mais de 90 países trabalhando para transformar a forma como os cultivos são plantados e manejados. Por meio de parcerias, colaborações e o The Good Growth Plan, nosso Plano de Agricultura Sustentável, nos comprometemos a aumentar a produtividade nas fazendas, resgatar terras da degradação, promover a biodiversidade e revitalizar comunidades rurais. Para saber mais, acesse www.syngenta.com.br e www.portalsyngenta.com.br. Siga-nos no Facebook em facebook.com/SyngentaBrasil, no LinkedIn em http://www.linkedin.com/company/syngenta/ e no Instagram em @SyngentaBrasil.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

A economia a “gente vê depois” leva mais de 2 milhões a extrema pobreza

Pelo menos 2 milhões de famílias brasileiras tiveram a renda reduzida e caíram para a extrema pobreza entre janeiro de 2019 e junho deste...

Quem foi vacinado com coronavac continua proibido de entrar em países que aceitam turistas

A santa medicação do Doria, continua proibida em vários países que já abriram suas fronteiras. E como ficam os imunizados que precisam viajar?

‘Sofrimento global’ faz buscas por ajuda emocional e prevenção ao suicídio aumentarem

Psicológicos relatam aumento de transtornos alimentares e psicológicos na pandemia e falam em ‘crises potencializadas’; Centro de Valorização da Vida registrou 147 mil atendimentos a mais apenas em 2020

Dirigente do Botafogo esquece a tradição e coloca o time entre os da várzea

Agora a torcida vai precisar trocar os bumbos e tambores por rosário, bíblia e agua benta, se não quiser estar ao lado do Leão

Governo federal anuncia dose de reforço para profissionais de saúde

Aplicação extra ocorrerá a partir de seis meses da imunização completa
- PUBLICIDADE -