Início Saúde Ribeirão Preto vacinou apenas 4,4 mil servidores da saúde

Ribeirão Preto vacinou apenas 4,4 mil servidores da saúde

Neste ritmo para que apenas funcionários da saúde recebam a primeira dose será necessário 45 dias. Cidade possui 32 mil profissionais da saúde

- continua após a publicidade -

Cidade possui 32 mil profissionais da saúde que atuam na linha de frente contra a doença que serão imunizados.

Ribeirão Preto já vacinou 4.455 profissionais da saúde contra o novo corona vírus, 2.875 entre rede municipal e hospitais públicos e privados e 1.580 no Hospital das Clínicas.  

No geral, a cidade conta com 32 mil profissionais de saúde.

Os dados foram atualizados nesta terça-feira (26), pelo Departamento de Vigilância em Saúde da Secretaria Municipal da Saúde e serão atualizados diariamente, como acontece com o Boletim Epidemiológico da Covid-19.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Na rede municipal, todas as unidades de saúde, os servidores na linha de frente no combate à doença e tratamento de pacientes estão sendo vacinados.

Na unidade básica de Saúde – UBS de Bonfim Paulista, a auxiliar de Enfermagem Silvia Helena Diogo foi a primeira a ser imunizada.


“Receber essa vacina é um presente do Senhor. Foram dias difíceis trabalhando na linha de frente, mas sempre na esperança de que esse momento chegaria. Gratidão!”, Disse a profissional emocionada, que presta serviços na unidade de saúde há 25 anos.

Já no Hospital Santa Lydia, a primeira pessoa vacinada no Hospital Santa Lydia foi a senhora Alessandra, que faz parte da equipe da limpeza.

Ela também é linha de frente, passa o dia todo dentro dos isolamentos garantindo que o Hospital esteja limpo para cuidarmos dos pacientes.

No dia 21 de janeiro, a auxiliar de enfermagem Maria Aparecida Correa da Costa, mais conhecida como Cidinha, foi a primeira funcionária da saúde a receber a vacina, seguida pelo motorista do SAMU Benedito Roberto Gonçalves de Carvalho, pela enfermeira responsável pelo Polo Covid de Ribeirão Preto, Alessandra Medeiros, e do técnico de enfermagem Armindo Lucio Alves Ferreira.

“Esses profissionais foram escolhidos pelas características deles: dedicação total, mesmo nos momentos mais complexos e no ápice da pandemia, nesse momento difícil para todos nós. Eles representam o conjunto de servidores da saúde da nossa cidade”, disse Duarte Nogueira.

Nesta primeira etapa, serão 12.360 profissionais da saúde que receberão a primeira dose da CoronaVac, desenvolvida através de parceria entre o Instituto Butantan e a empresa chinesa Sinovac.

O fornecimento do segundo lote de vacinas está garantido pelo Governo do Estado de São Paulo, permitindo que a Secretaria de Saúde realize a segunda aplicação.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Botafogo é humilhado pela Ferroviária

A ferrinha deixou o pantera cor de rosa no dia internacional da mulher. O maior sacode do campeonato

Mulheres ocupam 71,4% dos cargos na prefeitura de Ribeirão Preto

Atualmente 5.784 mulheres atuam nas mais diversas areas de atendimento e planejamento

Prefeitura encaminha projeto de Lei para compra de vacinas via consórcio da FNP

O que falta explicar é de onde vão comprar, uma vez que o mundo todo esta na corrida pela compra e não há vacinas disponíveis no mercado

Atenção para interdição de transito nesta Terça-feira (9)

Avenida Adelmo Perdizza será interditada nesta terça, dia 9 Com o andamento das obras de duplicação da avenida Adelmo Perdizza e implantação de uma ciclovia...
- PUBLICIDADE -