InícioSaúdeEstiagem prolongada exige cuidados com a saúde e com o meio ambiente

Estiagem prolongada exige cuidados com a saúde e com o meio ambiente

- continua após a publicidade -

Há sessenta e cinco dias não chove em Ribeirão. Além do clima seco e quente, a falta de umidade intensifica o aparecimento de queimadas urbanas, mais comuns durante esse período, sendo um problema tanto para o meio ambiente quanto para a saúde dos cidadãos.

De acordo com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente, a limpeza de terrenos não é ilegal, mas algumas práticas como queimar lixos e folhas das árvores são perigosas.

Descartar materiais de forma irregular nas ruas ou próximo a terrenos com mato alto também é um problema. Segundo o secretário municipal do meio ambiente, Otávio Okano, é preciso evitar jogar resíduos perigosos em qualquer lugar.

“É comum jogarem bitucas de cigarro no chão, mas até um caco de vidro pode pegar fogo e causar um problema bem maior. Montinhos de folhas secas também devem ser evitados”, diz o Secretário.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A chefe da seção de fiscalização ambiental, Adriana Silva Montanheiro Figueiredo, explica que mesmo controlando as queimadas urbanas, os estragos feitos pelo fogo podem ser permanentes.

“Dependendo do local, o fogo pode alterar a fauna, a flora e até o clima. Quando o incêndio é próximo a uma área de preservação permanente, muitos animais e espécies que vivem ali podem não regenerar. Outro ponto preocupante é que a fumaça mexe com o clima, atingindo a saúde do munícipe”, informa.

Na grande maioria das vezes, as queimadas urbanas são resultado de ações humanas irregulares. As formas de fiscalização, de acordo com Adriana, são por meio de denúncias e patrulhamentos.

Quando a Guarda Municipal ou os fiscais ambientais identificam as queimadas eles procuram pelo autor do crime. Caso a pessoa responsável não seja encontrada, é feito a autuação e a aplicação de multa para o proprietário do terreno.

Os valores das multas variam de R$501,00 a R$11.000,00, dependendo do local e do grau dos estragos causados pelo incêndio.

Buscando conscientizar a população durante o período de estiagem, a Secretaria Municipal do Meio Ambiente oferece cursos para podadores de árvores, ensinando como fazer a limpeza dos terrenos em tempos de seca e também coloca informativos nos boletos de água do Daerp.

Cuidados com a saúde

Mesmo não inalando fumaça, o cuidado com a saúde deve ser redobrado durante os períodos de seca.  De acordo com a Secretaria Municipal da Saúde, além da ingestão de água é preciso evitar desgastes e exposição ao sol.

Comer de forma correta, escolhendo alimentos leves, praticando exercícios menos intensos, em locais arejados e usar protetor solar são algumas orientações recomendadas aos cidadãos.  As atividades ao ar livre não são suspensas, mas é preferível evitar praticá-las durante o período das 10h às 15h, horário em que o sol é mais forte.

Nas escolas, segundo a Secretaria Municipal da Educação, as atividades físicas são leves e feitas em lugares cobertos, realizadas antes das 10h. Os professores orientam os alunos a levarem garrafas de água e estimulam a hidratação durante todo o período dentro da escola.

Para denunciar queimadas, os munícipes podem ligar no 156 – Serviço de Atendimento ao Munícipe (SAM), e acompanhar todo o processo de controle e fiscalização. Também podem ligar diretamente para a Secretária Municipal do Meio Ambiente, no 3603-9138, ou no 153, telefone da Guarda Civil Municipal.

 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

STF julga liberação de crininosas para prender manifestantes de 8 de janeiro

Vão soltar criminosas para sobrar lugar para prender senhoras que se manifestavam dentro da constituição e acreditaram em um capitão e alguns generais

As críticas do New York Times a Moraes

O jornal norte-americano New York Times voltou a falar sobre o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Uma reportagem publicada neste domingo, 22,...

5 depredações da esquerda contra o patrimônio público

“Nunca vocês leram alguma notícia sobre um movimento ou partido de esquerda invadir o Congresso Nacional, a Suprema Corte ou o Palácio do Planalto”,...

Valor bloqueado de manifestantes sobe para R$ 18,5 milhões

A Justiça Federal autorizou hoje (21) novos bloqueios de bens de suspeitos de financiar os atos que resultaram na depredação dos prédios dos Três Poderes...

José Dirceu propõe reestruturar papel dos militares no Brasil

Militares precisam voltar para os quartéis e sair de órgãos do governo, sugere. José Dirceu de Oliveira e Silva, ex-ministro da Casa Civil de Lula,...
- PUBLICIDADE -