InícioSaúdeEnxaguantes bucais reduzem a carga viral e protegem da covid-19

Enxaguantes bucais reduzem a carga viral e protegem da covid-19

O estudo foi publicado no The Journal of Infectious Diseases e destaca que as glândulas salivares são os principais locais de replicação do vírus e transmissão da Covid-19

- continua após a publicidade -

A Universidade Ruhr-Bochum, da Alemanha, divulgou uma pesquisa que mostra que algumas fórmulas de enxaguante bucal são capazes de inativar o novo coronavírus. O estudo foi publicado no The Journal of Infectious Diseases e destaca que as glândulas salivares são os principais locais de replicação do vírus e transmissão da Covid-19.

De acordo com a publicação, os enxaguantes não impedem a produção dos vírus nas células, mas podem reduzir a carga viral a curto prazo.

Para chegar a tal conclusão, os pesquisadores analisaram oito produtos diferentes, misturando e movimentando o líquido junto com partículas virais por 30 segundos,  a fim de simular o que acontece na boca quando pessoas fazem gargarejos usando o enxaguante.

foto arquivo

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Valor bloqueado de manifestantes sobe para R$ 18,5 milhões

A Justiça Federal autorizou hoje (21) novos bloqueios de bens de suspeitos de financiar os atos que resultaram na depredação dos prédios dos Três Poderes...

José Dirceu propõe reestruturar papel dos militares no Brasil

Militares precisam voltar para os quartéis e sair de órgãos do governo, sugere. José Dirceu de Oliveira e Silva, ex-ministro da Casa Civil de Lula,...

Lula quer endurecer penas para crimes ‘contra a democracia’

O Ministério da Justiça e Segurança Pública trabalha em uma proposta para endurecer as punições para crimes “contra a democracia”. O projeto, ainda a...

Lula nomeia novo comandante do Exército; Saiba quem é o General Tomás

O governo federal anunciou na tarde deste sábado (21) que o general Tomás Miguel Ribeiro Paiva é novo comandante do Exército. O ex-comandante Militar...

General demitido por Lula reúne Alto Comando do Exército

Objetivo é anunciar a decisão do presidente de demiti-lo
- PUBLICIDADE -