Início Saúde É preciso falarmos sobre suicídio: 32 pessoas se suicidam por dia no...

É preciso falarmos sobre suicídio: 32 pessoas se suicidam por dia no Brasil, ou uma a cada 45 minutos

- continua após a publicidade -

Olá, hoje vamos falar um pouquinho sobre o “Tabu” que é falar de suicídio.

Suicídio, resumidamente, é o ato de tirar a própria vida voluntariamente.

O que faz com que as pessoas cometam tal ato? Qual seria o motivo? E o que poderemos fazer a respeito?

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Antes de focarmos em como ajudar na prevenção ou discutirmos o que causa isso, preciso deixar alguns números nada animadores aqui. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde) a taxa de suicídios que ocorre no mundo todo chega a mais de 800 mil por ano, isso equivale a 2200 pessoas por dia, ou a 1 suicídio a cada 40 segundos. E pior, essa conta pode dobrar entre os anos de 2020 e 2030. Esse número pode ser cerca de 20 vezes maior, devido às pessoas que cometem suicídio no transito, esse fato faz com que nas estatísticas o número vá para a contagem de acidentes de trânsito e não pelo ato de suicidar-se. Isso tudo equivale a mais mortes por suicídios do que morte por guerras no mundo todo!

A principal causa de suicídio no mundo é a depressão. Se a pessoa apresenta os sintomas e não procura ajuda essa depressão leve passa a ser uma depressão profunda, que é o ultimo estagio que a pessoa chega antes do suicídio. Mas para essa pessoa chegar a cometer o ato, ela passa por um pequeno ciclo, algumas etapas que podem fazer as pessoas próximas a identificar e ajudar quem pretende fazer o ato.

A primeira parte do ciclo chamamos de ideação suicida, a pessoa com depressão profunda começa a ter a ideia de suicidar-se. A pessoa sente uma dor muito profunda que quase ninguém entende o que se ta passando na mente dela, a ideia dela é que a única forma de acabar com essa dor é cometendo o suicídio, porem essa ideia faz com que a pessoa “solte” inconscientemente algumas frases no ar, como se fosse um pedido de ajuda, frases do tipo “Queria dormir para sempre”; “Minha vida não tem sentido”; “Queria morrer”.

Temos também algumas mudanças de comportamentos, por exemplo, se a pessoa sempre foi muito amiga de todos e de repente passou a evitar as pessoas, ou ao contrário, sempre foi muito fechada e agora é o amigão de todo mundo, fique atento. Esses há esses comportamentos e essas frases são ditas frequentemente pela pessoa, é um motivo de se ligar o alerta e tentar ajuda-la.

A segunda parte do ciclo, podemos chama-la de plano suicida, nessa hora geralmente conseguimos identificar algumas mudanças de comportamentos mais facilmente, pois a pessoa procura manter-se isolada das outras pessoas para justamente ‘planejar’ o ato, é nessa hora que a pessoa define se o ato será por enforcamento, toma de remédios, etc.

A terceira parte chamamos de tentativa de suicídio, é nessa etapa que as pessoas tentam por em pratica a ideia e o planejamento, para cada 1 suicídio existem pelo menos 20 tentativas, e é nessa hora que a pessoa precisa de uma grande intervenção profissional, nessa etapa entram os medicamentos, pois simplesmente o ato de conversar não ajuda muito. Mas é claro que pode acontecer de a pessoa conseguir o suicídio já na primeira tentativa, mas a casos e casos.

A quarta e ultima etapa é o suicídio, após a pessoa passar por todas as 3 etapas anteriores e não conseguir ajuda, ela finalmente resolve acabar com a dor que está sentindo terminando com a própria vida.

O suicídio é uma forma que a pessoa, após tantos “pedidos de ajuda inconsciente”, encontra de acabar com a dor que está sentindo, na maioria das vezes a pessoa que comete o ato não pensa na morte e sim em acabar com essa dor e angustia que tem dentro dela.

Você deve ter visto nos últimos dias uma campanha pelas redes sociais sobre o “Setembro amarelo” que é o mês de prevenção ao suicídio. Usaram a cor amarela, porque é a cor que indica o estado de ATENÇÃO. Junto com os cartazes vem à frase: “Falar é o melhor remédio”. Realmente falar é o melhor remédio, existe um tabu que faz com que as pessoas tenham receio de conversar sobre o assunto com medo de influenciar a pessoa a cometer o ato. Claro que não se deve falar qualquer coisa, ou rir da pessoa quando ela solta uma dessas frases, mas tem como ajuda-la sim!

Em primeiro lugar temos que ter empatia, temos que nos colocar no lugar das pessoas e ‘sentir o que ela sente’, quando a pessoa diz que quer dormir para sempre, provavelmente ela tem algo muito sério que está causando uma imensa dor nela, nessas horas não é bom tirar sarro com o modo que ela demonstrou isso, se coloque no lugar e perceba que ela tem algo que a está machucando seriamente.

Também temos que respeitar o que a pessoa está sentindo, não adianta dizer para essa pessoa que ela tem uma vida boa, um bom emprego e uma boa família, você não sabe o que ela está passando para dizer que a vida dela é boa. E por último, não devemos JULGAR a pessoa de forma alguma.

Se percebermos alguns desses comportamentos, procure ajuda-la, essa pessoa está precisando de carinho e atenção, e se conseguirmos notar que isso já acontece algum tempo, procure ajuda profissional, se você não conhece nenhum profissional que possa ajudar, leve a pessoa a algum pronto socorro ou hospital que lá eles lhe orientarão da melhor forma possível.

publicidade
publicidade

Últimas Notícias

Domingo é Dia de Teatro no Shopping Iguatemi apresenta Conto de Natal inspirado em...

O dia 24 de novembro será “congelante” no Domingo é Dia de Teatro do Shopping Iguatemi Ribeirão Preto. A peça “Contos de Natal da Elsa e Ana de Frozen” será encenada a partir das 17h na sala especial do projeto no Piso Superior. A entrada é gratuita.

8° Caminhada Passos que Salvam acontece neste domingo no Novo Shopping

Iniciativa do Hospital de Amor de Barretos conscientiza a população sobre os sinais de câncer infanto juvenil e tem toda venda revertida para o tratamento das crianças

FPF divulga tabela do Paulistão: Botafogo estreia contra o Corinthians

A Federação Paulista de Futebol (FPF) divulgou nesta quinta-feira à tarde a tabela do Paulistão de 2020. A competição começará no...

MEC anuncia 54 escolas selecionadas para o programa cívico-militar

O Ministério da Educação anunciou hoje (21) a localização das 54 escolas públicas selecionadas para o Programa Nacional das Escolas Cívico-Militares em...

Praças de pedágio Paulista terão tarifas reajustadas neste sábado

À zero hora do próximo sábado (23/11), as praças de pedágio operadas pela Arteris ViaPaulista, empresa integrante do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de...

Supera Parque participa de maior feira de negócios em saúde do mundo

Medica aconteceu entre os dias 18 a 21, em Dülserdoff, na Alemanha; em 2018, foram mais de 120 mil visitantes

Padre Fábio de Mello se apresenta pela última vez em Ribeirão Preto

Palavra Cantada e Fábio Júnior também fazem shows em dezembro no Centro de Eventos

Samuel Pompeo Quarteto se apresenta na Instituição Aparecido Savegnago no dia 22

Apresentação, que será realizada às 19h30, encerra a temporada 2019 do Circuito Cultural e Artístico

Aplicativo “Saúde Digital” cresce e registra mais de 200 mil acessos

Mais de 11 mil ribeirão-pretanos já instalaram o aplicativo em seus smartphones; informações trazem rapidez e praticidade aos pacientes

Expo Consciência Negra chega ao Novo Shopping

Mostra é aberta ao público hoje, dia 20, e traz imagens de oito fotógrafos do Cine Foto Clube Ribeirão Preto
- PUBLICIDADE -