InícioSaúdeCriança de sete anos morre vítima da dengue hemorrágica em Ribeirão Preto

Criança de sete anos morre vítima da dengue hemorrágica em Ribeirão Preto

Alicia morreu aos 7 anos de idade em um hospital particular de Ribeirão Preto

- continua após a publicidade -

Alicia da Rocha Novaes Silva estava internada na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de um hospital particular da cidade de acordo com o pai, o médico Rodolfo Aparecido da Silva.

O pai disse que a filha apresentou febre antes de ser internada, além de dores e manchas avermelhadas pelo corpo. 

A Secretaria Municipal da Saúde de Ribeirão informou, porém, que a causa da morte está sob investigação.

Contudo, o quadro de saúde da criança se agravou e ela não resistiu.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O falecimento foi confirmado na madrugada do dia 18 de fevereiro, quando houve um agravamento no quadro de saúde da criança, que não resistiu.

O sepultamento de Alicia ocorreu na tarde de quinta-feira (18), no Memorial Parque dos Girassóis, no Recreio das Acácias, em Ribeirão Preto.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Nós já avisamos que aconteceria: 72 casos de hepatite sem motivos no Brasil

Análises reúnem pacientes de dois meses a 16 anos; principais sintomas apresentados são pele e olhos amarelados, febre, vômito e dor abdominal. É só o começo dos efeitos da picada

Maior investidor da bolsa brasileira alerta: “Magazine Luiza vai quebrar”

Quem lacra lucra? : Lulista Magazine Luiza esta sentindo falta das tetas do governo e pode Quebrar. Triste

O nosso adeus a Miguel Liporassi

Ribeirão Preto perde Miguel Liporassi: Não era polêmico nem agressivo, era respeitado pela qualidade, voz e equilíbrio nos comentários. E pela postura com os colegas, leal, ficava longe das intrigas de bastidores.

PREVISÕES DO TAROT EM JULHO DE 2022

As previsões para Julho de 2022, trazem transformação nas finanças, amor, relação familiar

Vice de Lula tem novamente bens bloqueados pelo Ministerio Publico

Justiça Eleitoral determina bloqueio de R$ 11,3 milhões em bens de Geraldo Alckmin no caso Odebrech
- PUBLICIDADE -