Início Saúde Coronavírus pode ser endêmico e "nunca desaparecer", diz OMS

Coronavírus pode ser endêmico e “nunca desaparecer”, diz OMS

A respiratória covid-19 pode se tornar endêmico como o HIV, disse na quarta-feira a Organização Mundial da Saúde (OMS)

- continua após a publicidade -

O novo coronavírus que causa a doença respiratória covid-19 pode se tornar endêmico como o HIV, disse na quarta-feira a Organização Mundial da Saúde (OMS), que alertou contra qualquer tentativa de prever quanto tempo o vírus continuará circulando e pediu um “esforço enorme” para combatê-lo.

“É importante colocar isso na mesa: esse vírus pode se tornar outro vírus endêmico em nossas comunidades, e esse vírus pode nunca desaparecer”, disse o especialista em emergências da OMS, Mike Ryan, em entrevista online.

foto arquivo

“Acho importante sermos realistas e não acho que alguém possa prever quando essa doença desaparecerá”, acrescentou.

foto divulgação

“Acredito que não há promessas nisso e não há datas. Essa doença pode se estabelecer como um problema longo ou não.”

No entanto, ele disse que o mundo tem algum controle sobre como lidar com a doença, embora isso exija um “esforço enorme”, mesmo que uma vacina seja descoberta.

arquivo

Mais de 100 possíveis vacinas estão sendo desenvolvidas, incluindo várias em ensaios clínicos, mas especialistas têm destacado as dificuldades de encontrar vacinas eficazes contra coronavírus.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Ryan observou que existem vacinas para outras doenças, como sarampo, que não foram eliminadas.

O diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus, acrescentou:

“A trajetória está em nossas mãos, e é assunto de todos, e todos devemos contribuir para acabar com essa pandemia”.

Ryan disse ser necessário um “controle muito significativo” do vírus para diminuir a avaliação de risco, que, segundo ele, permanece alta nos “níveis nacional, regional e global”.

Governos do mundo todo estão em dificuldade com a questão de como reabrir suas economias enquanto ainda existe o vírus, que infectou quase 4,3 milhões de pessoas, segundo contagem da Reuters, e deixou mais de 291.000 mortos.

divulgação

A União Europeia pressionou na quarta-feira pela reabertura gradual das fronteiras dentro do bloco que foram fechadas pela pandemia, dizendo que não é tarde demais para salvar parte da temporada turística de verão e ainda manter as pessoas em segurança.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Mas especialistas em saúde pública afirmam que é necessária extrema cautela para evitar novos surtos. Ryan disse que abrir fronteiras terrestres é menos arriscado do que facilitar as viagens aéreas.

“Precisamos estabelecer a mentalidade de que levará algum tempo para sair dessa pandemia”, disse a epidemiologista da OMS Maria van Kerkhove no briefing.

foto ebc

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Novembro Azul alerta para diagnóstico e tratamento do câncer durante a pandemia

Ações on-line vão chamar a atenção dos homens para a saúde, já que 50 mil brasileiros deixaram de receber o diagnóstico de câncer na pandemia

Caso Marcius Melhem: De humorista sem graça a assédiador sexual

Estranho é ver os lacradores, que falam em respeito, mas não conseguem o mínimo do que vomitam pelos quatro cantos

Semana ‘Lixo Zero’ em Ribeirão Preto acontece até o dia 1º de novembro

Evento nacional traz atrações gratuitas e inteiramente virtuais

240 mil vagas em cursos gratuitos no primeiro Mutirão de Qualificação profissional de São Paulo

São mais de 30 opções de cursos em áreas como varejo, gestão, tecnologia e economia criativa; oportunidades são voltadas para a qualificação profissional para o mercado de trabalho, a jovens e a quem quer empreender

A magia está no ar! Halloween com Lua Cheia

A segunda Lua Cheia que acontece no Dia das Bruxas será no signo de Touro onde o planeta Urano também se encontra e como é um planeta revolucionário e ligado a inovação social e tecnologia