Início Saúde Coronavírus: hospital Albert Einstein cria exame de detecção em larga escala

Coronavírus: hospital Albert Einstein cria exame de detecção em larga escala

O novo teste, por sua vez, é capaz de identificar a presença do coronavírus no corpo do paciente desde o primeiro dia de infecção.

- continua após a publicidade -

A startup Varstation, plataforma do Hospital Israelita Albert Einstein, desenvolveu um exame genético para detecção em larga escala do novo coronavírus.

A técnica é capaz de analisar até 16 vezes mais amostras, uma opção viável para realização de testagem em massa.

FOTO DIVULGAÇÃO

A técnica utilizada, que tem como vantagem não apresentar casos de falso-positivo, consiste na leitura de pequenos fragmentos de DNA para identificação de doenças ou mutações genéticas. Os pesquisadores adaptaram o método para detecção de RNA, presente na covid-19.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A coleta de amostras, retiradas do laboratório no Hospital Albert Einstein, foi feita com cotonetes estéreis (chamados de swab) colocados em contato com a região nasal ou com a saliva do paciente. Posteriormente, a amostra foi preparada seguindo protocolos; e a análise dos resultados ocorreu numa plataforma de bioinformática.

foto ebc

O resultado, de acordo com o estudo, fica pronto em até três dias.

Atualmente, os exames sorológicos (testes rápidos) usados no país detectam anticorpos produzidos pelo organismo cerca de 14 dias após a contaminação. A taxa de falsos-negativos chega a 30%.

O novo teste, por sua vez, é capaz de identificar a presença do coronavírus no corpo do paciente desde o primeiro dia de infecção. 

Segundo os pesquisadores, a previsão é que a novidade chegue aos hospitais até o início de junho.

Carta Piauí
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Um candidato para cada dia do ano. São 365 buscando lugar de vereador

Prazo de inscrição termina hoje (26) e ainda é possível termos um numero maior.

Pré-candidata do PSOL nem foi eleita mas já começa usar o judiciário

Vitimismo já é uma bandeira da esquerda, e a judicialização tornou-se uma ferramenta frequente do partido. Nós precisamos disso também em Ribeirão Preto?

Desespero de juízes, políticos e empresários. Vem ai a delação de Eduardo Cunha

Se­gundo Aras, Edu­ardo Cunha apre­sentou ao todo 152 anexos, porém 92 deste total não tem re­le­vância al­guma para contar na de­lação.

Carreata EI: Dia da Saúde Emocional na Escola

No próximo dia 27/09 (domingo) Ribeirão Preto vai receber Carreata EI para celebrar o Dia da Saúde Emocional na Escola.

Torcida é liberada nos estádios do Rio

O decreto cita o retorno das torcidas nos estádios em países como Rússia, Dinamarca e Suíça para embasar a liberação.