InícioSaúdeAraraquara fecha tudo mas manda vestibulandos para Ribeirão Preto

Araraquara fecha tudo mas manda vestibulandos para Ribeirão Preto

A Prefeitura de Ribeirão Preto (SP) estuda barrar a aplicação, neste domingo (28), da 2ª fase do vestibular da Unesp na cidade aos estudantes que moram na região de Araraquara.

- continua após a publicidade -

A Prefeitura de Ribeirão Preto (SP) estuda barrar a aplicação, neste domingo (28), da 2ª fase do vestibular da Unesp na cidade aos estudantes que moram na região de Araraquara.

A transferência dos vesti­bulandos foi anunciada pela Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp), responsável pela re­alização das provas, por causa da situação da pandemia de coronavírus em Araraquara, que provocou colapso no siste­ma de saúde.

arquivo

Por causa da identificação de casos da variante brasileira, da alta nos casos de Covid-19 e do colapso nos hospitais, Araraquara adotou medidas rígidas que impedem a circulação de pessoas na tentativa de reduzir a transmissão do vírus.

A medida também seria para evitar aglomerações e o ris­co de aumento da transmissão da nova variante manauara do coronavírus, que fez o número de casos da doença aumentar muito na cidade.

arquivo
- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A prefeitura de Araraquara decidiu na tarde desta terça-feira, 23 de fevereiro, prorrogar o lockdown contra a covid-19 – iniciado no último domingo (21) – até as seis horas do próximo sábado (27), que permanece ati­vo com a proibição da circulação de pessoas e veículos em vias públicas.

Segundo a Vunesp os 1.582 candidatos que iriam prestar a segunda fase da Unesp em Araraquara terão de vir a Ri­beirão Preto para fazer a prova.

Entretanto, a prefeitura ava­lia a possibilidade de impedir que estes vestibulandos entrem em Ribeirão Preto como forma de evitar possível propagação do vírus por aqui.

Foto: Agência Brasil

Segundo Nogueira, a intenção não é prejudicar os estudantes, mas garantir a segurança sanitária da população, já que a variante brasileira é mais transmissível.

A nova variante do corona­vírus (P.1) detectada no começo do ano em Manaus (AM) já che­gou a Ribeirão Preto.

Com medo do novo coro­navírus e de suas mutações, as cidades de Araraquara, Améri­co Brasiliense, Boa Esperança do Sul, Rincão e Santa Lúcia, todas a cerca de 90 quilômetros de Ribeirão Preto, entraram em lockdown depois da chegada da nova cepa do coronavírus.

Até o momento, foram re­gistrados 181 óbitos decorren­tes de infecções com o novo coronavírus em Araraquara. No ano passado, morreram na cidade 92 pessoas vítimas da covid-19. Nesta terça-feira, o município registrou mais 179 casos positivos da doença-19. Além desses, mais onze foram confirmados em laboratórios da rede complementar parti­cular, totalizando 190 novos casos. Desde o início da pan­demia, o município já regis­trou 13.683 pessoas infectadas.

Outro lado
A Vunesp informou que manterá a transferência dos can­didatos para Ribeirão Preto. Diz ainda que estabeleceu protoco­los de aplicação baseados nas recomendações das autoridades sanitárias. Entre elas, orienta­ções no Manual do Candidato para que ele se apresente com máscara de proteção facial com cobertura total de nariz e boca.

Deve permanecer com o equipamento durante todo o período de realização da prova, além de levar máscara reserva, em função do tempo de prova e da possibilidade de dano no material e necessidade de troca. A Vunesp explica ainda que os candidatos deverão chegar em turmas escalonadas para não haver aglomeração.

Será observado o distancia­mento mínimo de 1,5 metro entre os vetibulandos, as salas estarão com menos candidatos e haverá disponibilidade de álcool em gel para uso dos candidatos e da equipe de que trabalhará na aplicação das provas.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

STF julga liberação de crininosas para prender manifestantes de 8 de janeiro

Vão soltar criminosas para sobrar lugar para prender senhoras que se manifestavam dentro da constituição e acreditaram em um capitão e alguns generais

As críticas do New York Times a Moraes

O jornal norte-americano New York Times voltou a falar sobre o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Uma reportagem publicada neste domingo, 22,...

5 depredações da esquerda contra o patrimônio público

“Nunca vocês leram alguma notícia sobre um movimento ou partido de esquerda invadir o Congresso Nacional, a Suprema Corte ou o Palácio do Planalto”,...

Valor bloqueado de manifestantes sobe para R$ 18,5 milhões

A Justiça Federal autorizou hoje (21) novos bloqueios de bens de suspeitos de financiar os atos que resultaram na depredação dos prédios dos Três Poderes...

José Dirceu propõe reestruturar papel dos militares no Brasil

Militares precisam voltar para os quartéis e sair de órgãos do governo, sugere. José Dirceu de Oliveira e Silva, ex-ministro da Casa Civil de Lula,...
- PUBLICIDADE -