InícioRegiãoSerranaEstudo com a população continua vacinação de voluntários em Serrana

Estudo com a população continua vacinação de voluntários em Serrana

É possível prever que o estudo vai alcançar uma alta cobertura vacinal da população adulta do município.

- continua após a publicidade -

O primeiro dia de vacinação da área Cinza, realizado ontem (3), teve grande adesão da população de Serrana.

No total, 1.649 habitantes foram vacinados na data, recorde de atendimentos desde o começo do estudo clínico. Com isso, a soma de todos os voluntários do Projeto S em Serrana imunizados até agora já é de 14.518 pessoas, o que equivale a 51,2% de todos os habitantes cadastrados para participar do estudo.

Os vacinados no primeiro dia do Grupo Cinza representam 24,1% do número total de cadastrados na região. A EE Neuza Maria do Bem imunizou quase 300 pessoas, também um recorde para o ponto de vacinação. As regiões, verde e amarela, vacinaram, respectivamente, 92,6% e 94,8% dos inscritos.

A partir desses dados, é possível prever que o estudo vai alcançar uma alta cobertura vacinal da população adulta do município. 

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A vacinação da área Cinza continua até 7 de março.
O Grupo Azul, quarto e último do estudo, começará a ser vacinado no dia 10. Já na semana seguinte, os moradores incluídos na região Verde começarão a receber a segunda dose do imunizante.

A imunização acontece de quarta a sexta, das 14h às 20h30. Aos sábados e domingos, o horário é das 8h às 15h30.

São oito pontos de vacinação: além da EE Neuza Maria do Bem, as EEs Jardim das Rosas e Deputado José Costa, e as EMEFs Professora Maria Celina Walter de Assis, Paulo Sérgio Gualtieri Betarello, Edesio Monteiro de Oliveira, Jardim Pedro I e Professora Dilce Jorge Gonçalves Netto França.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

A verdade que não contam: As picadas ainda estão em testes?

Aprovada pela ANVISA, a bula informa que os estudos do medicamento aplicado, serão conhecidos apenas em 2023. Desta forma é experimental ou não?

AstraZeneca e Janssen têm novo efeito colateral descoberto

Fraqueza nos braços e pernas, formigamentos, dormências, dores ou perda da sensação de dor, além de problemas nos sistemas urinário e digestivo.

Depois da maioria picada os casos explodem em todo mundo

Confira o resumo da aplicadas no Brasil e confira a diferença entre algo efetivo e outro ainda em estudo

Chuvas deixam 45 mil desalojados e 6,6 mil desabrigados em Minas

Nas últimas 24 horas foram registrados 10 mil desalojados

Não Me Perturbe tem quase 10 milhões de cadastros

Cansado de ligações chatas, mecanismo bloqueia chamadas de telemarketing
- PUBLICIDADE -