InícioRegiãoPitangueirasCozinha Piloto é qualidade e nutrição para os alunos da rede pública...

Cozinha Piloto é qualidade e nutrição para os alunos da rede pública de ensino de Pitangueiras e Ibitiúva

- continua após a publicidade -

Macarronada à bolonhesa, estrogonofe de frango, polenta com almôndega… Seja qual for o cardápio do dia, o cheiro nas proximidades da Cozinha Piloto de Pitangueiras e Ibitiúva (instalada ao lado da Secretaria Municipal de Educação) é simplesmente irresistível.

De segunda a sexta-feira, logo cedo, saem de lá 10 mil refeições fresquinhas para alimentar os alunos da rede pública de ensino do município – incluindo as nove escolas municipais, as três estaduais e as salas de Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Escola Técnica Estadual (ETEC).

Comandada pelas nutricionistas Ingrid Vivian Magnani e Larissa Godoy, a Cozinha Piloto conta com a dedicação e zelo de outros 12 funcionários, entre cozinheiras, merendeiras, ajudantes e motoristas.

O expediente começa ainda de madrugada, às 3h, quando uma primeira equipe entra para preparar o café da manhã e a merenda que será servida aos estudantes do período matutino.
Uma hora depois, outra turma cuida do preparo da merenda e do café da tarde destinados aos alunos do período vespertino. Além disso, também são preparadas as refeições do noturno servidas aos estudantes da EJA e ETEC.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Reformada e ampliada em 2016, a Cozinha Piloto tem hoje uma infraestrutura que atende aos requisitos sanitários, à salubridade das condições de trabalho e à demanda de sua grande produção diária. O resultado pode ser conferido na ótima qualidade das refeições entregue aos estudantes – o prefeito Marquinho Soriano e a secretária de Educação, Vanderly Muniz, puderam checar isso em visita recente à Escola Municipal Domingos Paro, em Ibitiúva.
Centralizar a produção também gerou agilidade e economia no processo, vantagens que retornam à Cozinha por meio de estoques de alimentos ainda mais fartos e variados.

Com verba anual prevista de R$ 1,5 milhão, o serviço é de extrema importância e responsabilidade, por refletir na saúde e na aprendizagem de crianças, jovens e adultos.

Além da elaboração de um cardápio mensal nutritivo e apetitoso divulgado em todas as unidades públicas de ensino, as nutricionistas da Cozinha Piloto também são responsáveis pela definição e supervisão das refeições preparadas nas cinco creches semanais e servidas às mais de 700 crianças do berçário e maternal.

A Cozinha Piloto também prepara alimentação para alunos que têm dieta especial comprovada por laudo médico. Atualmente, oito crianças com restrições alimentares recebem refeições adaptadas para intolerantes a lactose, diabéticos e com problemas renais.

Assessoria de Imprensa da Prefeitura de Pitangueiras e Ibitiúva

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Colégio Metodista suspende atividades em Ribeirão Preto

Instituição contava com 122 anos de atuação na cidade encerra atividades por conta da situação financeira da instituição de ensino. A economia vemos depois.

O fundo do posso sem fundo: Fiocruz indica atenção com dengue

Períodos chuvosos atrelados ao calor são favoráveis à proliferação do Aedes aegypti, que é também transmissor do vírus da zika e chikungunya.

Mãe do presidente Jair Bolsonaro morre aos 94 anos

De Uma família humilde do interior de São Paulo, dona Olinda, partiu mas pode ver os feitos do filho. Nossos sentimentos ao @jairmessias.bolsonaro

Coronavac é liberada e SP confirma dose para crianças em até 3 semanas

Eles garantem que o medicamento é seguro, e casos de mortes não são relacionados com a picada salvadora. Se ele garante nós acreditamos na ciência.

Criança de 10 anos infartou depois da picada mas o motivo não foi a vacina

Prefeitura diz que criança teve parada cardíaca após vacina, mas estado rapidamente concluiu que criança tinha doença rara no coração que os pais não sabiam. E nós acreditamos no trancarua
- PUBLICIDADE -