Início Região Cravinhos Projeto Guri prorroga inscrições e tem mais de 11 Vagas em Cravinhos

Projeto Guri prorroga inscrições e tem mais de 11 Vagas em Cravinhos

- continua após a publicidade -

O Projeto Guri – maior programa sociocultural brasileiro, mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo – oferece mais de 270 vagas para aulas de instrumentos musicais, canto coral e iniciação musical (este dedicado às crianças de 6 a 8 anos), na região de Ribeirão Preto.

Interessados devem ter de 6 a 18 anos incompletos. Para efetuar a matrícula é necessário comparecer diretamente ao polo em que desejam estudar, acompanhados pelos pais ou responsável, portando: RG ou Certidão de Nascimento (original e cópia), comprovante de matrícula escolar e/ou declaração de frequência referente ao semestre e comprovante de endereço para consulta. Não é preciso ter conhecimento prévio de música, nem possuir instrumento ou realizar testes seletivos.

Novos alunos têm de 24 a 31 de agosto para realizar a inscrição. O início das aulas ocorre de acordo com a data de matrícula de cada aluno. Ao longo deste período, outras vagas podem abrir por conta de desistências.
Para obter mais informações sobre os cursos oferecidos no polo da cidade de interesse e a disponibilidade de vagas de cada um, assim como seu endereço e horário de funcionamento, basta acessar www.projetoguri.org.br/matriculas.
Abaixo, a lista completa dos polos com vagas abertas:

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Polo Cravinhos
Vagas: 11
O polo oferece os cursos: contrabaixo, coral infantil, coral juvenil, percussão, viola, violão, violino e violoncelo.
As vagas disponíveis estão distribuídas nos cursos: coral infantil.
Funcionamento: segundas e quartas-feiras, das 8h30 às 11h30 e das 13h30 às 17h30
Endereço: Praça Coronel Júlio Pedro Pontes, 15, Centro. CEP: 14140-000
Telefone: (16) 3951-7533

Mais informações http://www.projetoguri.org.br/matriculas/

Sobre o Projeto Guri
Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos. Mais de 49 mil alunos são atendidos por ano, em mais de 410 polos de ensino, distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os cerca de 360 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação CASA, são administrados pela Amigos do Guri, enquanto o controle dos polos da capital paulista e Grande São Paulo fica por conta de outra organização social. A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Desde seu início, em 1995, o Projeto já atendeu mais de 600 mil jovens na Grande São Paulo, interior e litoral.

Sobre a Amigos do Guri
A Amigos do Guri é uma organização social de cultura que administra o Projeto Guri. Desde 2004, é responsável pela gestão do programa no litoral e no interior do estado de São Paulo, incluindo os polos da Fundação CASA. Além do Governo de São Paulo – idealizador do projeto –, a Amigos do Guri conta com o apoio de prefeituras, organizações sociais, empresas e pessoas físicas. Instituições interessadas em investir na Amigos do Guri, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm incentivo fiscal da Lei Rouanet e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Pessoas físicas também podem ajudar. Saiba como contribuir: http://www.projetoguri.org.br/faca-sua-doacao.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Da ala bolsonarista raiz Rodrigo Junqueira traz o PSL para disputa real a prefeitura

Entenda o que esta em jogo nas eleições de 2020, e quais os reais interesses para o futuro de Ribeirão Preto

O desespero do “Fique em Casa”, impediu a visão dos mais humildes ou desinformados

A politica da "reclusão" do povo, exemplificando o Estado de São Paulo, com a impossibilidade de tratamento antecipado de muitas pessoas, atrapalhou um resultado promissor

O preço do arroz subiu, e agora? Bora substituir o cereal em grande estilo

O chef Melchior preparou uma receita saborosa com um acompanhamento ideal para substituir o arroz e salvar o seu bolso em grande estilo.

Mortes no trânsito sobem na região de Ribeirão Preto

Vítimas fatais aumentam em 17% no mês de agosto segundo o Infosiga SP. Índices reduziram em todo o Estado

Dia do Idoso: Autocuidado é ainda mais importante na terceira idade

Podóloga da Doctor Feet ensina rotina de cuidados com o pés, pernas e unhas, na melhor fase da vida