InícioRegiãoAraraquaraPequenos estabelecimentos varejistas amenizam crise no mercado de trabalho formal de Araraquara,...

Pequenos estabelecimentos varejistas amenizam crise no mercado de trabalho formal de Araraquara, aponta estudo inédito

- continua após a publicidade -

Na próxima sexta-feira (11/08), o Sindicato do Comércio Varejista de Araraquara apresentará à imprensa um estudo inédito que aponta o desempenho do mercado de trabalho do comércio varejista da cidade.

Em junho, o destaque ficou por conta dos estabelecimentos varejistas de pequeno porte, com até 4 empregados, que encerraram o mês com 76 postos de trabalho abertos na cidade, resultado puxado, principalmente, pelo segmento de vestuário, tecidos e calçados. A geração de emprego nas pequenas empresas foi superior ao resultado geral do setor, que abriu 37 vagas de trabalho formal no período.

As informações foram apuradas pela assessoria econômica da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), com base em dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho.

A pesquisa identificou que, tanto no mês de junho quanto no acumulado do ano ou em 12 meses, as empresas com até 4 empregados registraram geração de emprego formal superior aos demais portes. Tal desempenho demonstra que os estabelecimentos comerciais de menor porte impulsionaram a geração de vagas no setor varejista.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A análise traz, ainda, dados sobre a geração de emprego formal em todas as atividades do comércio varejista de Araraquara, segmentando-os por porte das empresas em diferentes períodos.

O estudo será apresentado a presidentes de sindicatos patronais do comércio durante a reunião mensal da Coordenadoria Sindical Nordeste da FecomercioSP. O encontro ocorrerá na sede do Sincomércio de Araraquara, na rua Voluntários da Pátria, nº 1.435, centro.

O atendimento à imprensa será realizado das 12h às 12h30.  Estarão disponíveis para entrevistas o presidente do Sindicato, Antonio Deliza Neto, e um economista da FecomercioSP. Na ocasião, os jornalistas presentes terão acesso ao material completo da pesquisa.

Sobre a FecomercioSP
A Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP) é a principal entidade sindical paulista dos setores de comércio e serviços. Congrega 156 sindicatos patronais e administra, no Estado, o Serviço Social do Comércio (Sesc) e o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). A Entidade representa um segmento da economia que mobiliza mais de 1,8 milhão de atividades empresariais de todos os portes. Esse universo responde por cerca de 30% do PIB paulista – e quase 10% do PIB brasileiro – gerando em torno de 10 milhões de empregos.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Justiça obriga Globo a publicar direito de resposta a Ana Paula Henkel por ofensas proferidas por Walter Casagrande

Casagrande publicou texto alegando que "uma pessoa intragável, prepotente, arrogante, defensora de armas, que se disfarçou de jogadora de vôlei"

Saúde distribui mais 10 milhões de vacinas para todo o país

De acordo com a pasta, serão distribuídas 4,8 milhões de doses da AstraZeneca, 3,3 milhões da Coronavac e 2,1 milhões da Pfizer.

Oportunidade de emprego: Ribeirão Preto tem 330 vagas em diversas áreas

Confira as opções das funções para vagas e formas de entrar em contato com o contratante. Compartilhe e marque amigos que procuram emprego.

Rayssa Leal, a Fadinha, fatura prata no skate street em Tóquio 2020

Com apenas 13 anos atleta é a mais jovem na história a conquistar uma medalha para o país

De virada Fogão vence o Ituano e cola no G-4

Com a vitória, o Pantera chegou a 16 pontos —mesma pontuação do Ituano, quarto colocado
- PUBLICIDADE -