Início Região Araraquara Homem mata o cunhado com facada no rosto em Araraquara

Homem mata o cunhado com facada no rosto em Araraquara

- continua após a publicidade -

Um homem de 39 anos foi morto pelo cunhado em uma briga de família no final da noite de ontem (21), no Santa Angelina, em Araraquara. Mateus Antônio de Paula teria ido defender o sogro, 77, que estava sendo agredido pelo filho.

Segundo a PM (Polícia Militar), o acusado, que é usuário de drogas, teria rendido um motorista de ônibus e o obrigado a levá-lo até a casa do pai adotivo, onde o crime aconteceu.

No local, ele tomou a chave do motorista do coletivo para que o refém não fosse embora e passou a chutar o portão da casa da família, já com a intenção de machucar o idoso.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Informado sobre a confusão, Mateus foi até a casa do sogro para defendê-lo, no entanto, foi esfaqueado no rosto pelo cunhado e morreu na hora. Logo após o crime, o acusado chegou a correr, mas foi preso no bairro Santana.

Agressões frequentes
Ainda de acordo com a polícia, o acusado já possuía registro na polícia por agredir o pai no ano passado, quando o idoso negou dar dinheiro ao filho para que comprasse entorpecentes.

O rapaz foi preso e levado á Cadeia de São Carlos.

fonte araraquara.com

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Governo amplia vetos na lei que torna obrigatório o uso de máscara

Esses dispositivos vetados pelo presidente Jair Bolsonaro, poderiam ferir a inviolabilidade do domicílio privado.

Comunicado do Sindicato dos Servidores sobre presidente da ACIRP

Estranhamente, o líder empresarial entende que sua classe está sendo atingida por medidas determinadas por Antônio ou por João, mas, por receio ou conveniência, decide combater José.

Secretário do Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo acredita em melhora na economia da região no segundo semestre

No Webinar Avança 016 realizado pela Amcham, Marco Vinholi falou sobre expectativas para a retomada na região

Estado de SP tem queda de mortes por coronavírus pela 2ª semana seguida

Taxa de letalidade também caiu para 5% e é a menor já registrada desde o início da pandemia; dados apontam tendência de achatamento de curva

Com quarentena, varejo e serviços registram os piores resultados para um mês de abril

A estimativa da FecomercioSP é de que, em 100 dias do comércio não essencial de portas fechadas no Estado, o prejuízo tenha chegado a R$ 43,7 bilhões
- PUBLICIDADE -