InícioRegiãoAraraquaraFestival de Música da Fundação CASA acontece em Araraquara

Festival de Música da Fundação CASA acontece em Araraquara

- continua após a publicidade -

Na terça-feira, 19 de setembro, os jovens que cumprem medida de internação nos centros da Divisão Regional Norte participam do Festival de Música da Fundação CASA, o MUSICASA, que acontecerá no Sesc Araraquara.

No palco, 76 adolescentes internados em sete centros socioeducativos nas cidades Taquaritinga, Araraquara, Sertãozinho, Franca e Batatais e dois centros localizados em Ribeirão Preto, o CASA Cândido Portinari, Rio Pardo mostrarão seus talentos com canções próprias ou releituras de grandes sucessos da música popular brasileira, rap, samba, dentre outros gêneros.

Funcionários da Fundação CASA e educadores de organizações parceiras, como Projeto Guri; Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (CENPEC); Centro de Educação e Assessoria Popular (CEDAP); Grupo de Amparo ao Doente de Aids (GADA); e Ação Educativa também podem participar das apresentações dos jovens. O tema deste ano é Educação e Música.

No total, 629 jovens internados em 67 centros no Estado de São Paulo participam da edição 2017 do Festival.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O MUSICASA

O MUSICASA é um festival de música que envolve centros socioeducativos de todas as regiões do Estado de São Paulo. O evento é promovido pela Gerência de Arte e Cultura (GAC) da Fundação CASA e tem como objetivo estimular a criatividade na linguagem musical e promover a interação e troca de experiências entre adolescentes de diferentes centros socioeducativos.

Cada Centro Socioeducativo poderá inscrever-se no festival com uma ou duas apresentações.

Nesse ano, o evento acontecerá no período de 19 de setembro a 17 de outubro de 2017.

As organizações parceiras da Fundação CASA que participam do evento são: Projeto Guri; Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (CENPEC); Centro de Educação e Assessoria Popular (CEDAP); Grupo de Amparo ao Doente de Aids (GADA); e Ação Educativa.

MUSICASA no Sesc Araraquara

Datas: 19 de setembro (3ª feira)

Local: Sesc Araraquara

Endereço: Rua Castro Alves, nº 1315 – Quitandinha – Araraquara, SP

Sobre o Projeto Guri

Mantido pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é considerado o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos. Mais de 49 mil alunos são atendidos por ano, em quase 400 polos de ensino, distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os mais de 330 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação CASA, são administrados pela Amigos do Guri, enquanto o controle dos polos da capital paulista e Grande São Paulo fica por conta de outra organização social. A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Desde seu início, em 1995, o Projeto já atendeu cerca de 650 mil jovens na Grande São Paulo, interior e litoral.

 

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Justiça obriga Globo a publicar direito de resposta a Ana Paula Henkel por ofensas proferidas por Walter Casagrande

Casagrande publicou texto alegando que "uma pessoa intragável, prepotente, arrogante, defensora de armas, que se disfarçou de jogadora de vôlei"

Saúde distribui mais 10 milhões de vacinas para todo o país

De acordo com a pasta, serão distribuídas 4,8 milhões de doses da AstraZeneca, 3,3 milhões da Coronavac e 2,1 milhões da Pfizer.

Oportunidade de emprego: Ribeirão Preto tem 330 vagas em diversas áreas

Confira as opções das funções para vagas e formas de entrar em contato com o contratante. Compartilhe e marque amigos que procuram emprego.

Rayssa Leal, a Fadinha, fatura prata no skate street em Tóquio 2020

Com apenas 13 anos atleta é a mais jovem na história a conquistar uma medalha para o país

De virada Fogão vence o Ituano e cola no G-4

Com a vitória, o Pantera chegou a 16 pontos —mesma pontuação do Ituano, quarto colocado
- PUBLICIDADE -