Início Política São Paulo é o estado com a 2ª menor pontuação no novo...

São Paulo é o estado com a 2ª menor pontuação no novo Ranking de Transparência no Combate à COVID-19

Estado mais rico do país registra apenas 27,8 pontos em uma escala de 0 a 100 e suas práticas para contratações emergenciais são consideradas ruins.

- continua após a publicidade -

A Transparência Internacional – Brasil lançou nesta quinta-feira o Ranking de Transparência no Combate à COVID-19 para identificar e promover as melhores práticas de transparência de informações referentes às contratações emergenciais realizadas em resposta à COVID-19.

internet

O Estado de São Paulo, o mais rico do país, obteve a segunda menor pontuação dentre 26 estados e o Distrito Federal, de apenas 27,8 pontos. Seu nível de transparência foi classificado, portanto, como ruim.

Além dele, apenas Roraima obteve a mesma avaliação. Já a capital paulista mostrou um nível de transparência bem melhor, tendo alcançado a 9ª maior pontuação dentre as capitais brasileiras, com 49,3 pontos.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Com essa nota, o nível de transparência que a maior cidade do Brasil presta às contratações emergenciais para atendimento da pandemia do coronavírus foi avaliado como regular.

O comparativo lançado hoje, que será atualizado regularmente, tem como objetivo oferecer um instrumento adicional para que a sociedade, a imprensa e os próprios órgãos de controle monitorem as respostas do poder público ante a crise.

O ranking também tem como metas estimular o poder público a promover continuamente a transparência de suas ações e reconhecer o bom trabalho realizado por alguns governos estaduais e prefeituras.

Nesta 1ª edição do ranking, Espírito Santo (97,4 pontos), Distrito Federal (88,61), Goiás (84,8) e Paraná (81) destacaram-se como os quatro únicos estados com nível “ótimo” de transparência para contratações emergenciais.

Já entre as capitais, os destaques ficaram com João Pessoa (PB) e Goiânia (GO), com 88,6 e 83,5 pontos, respectivamente. Elas foram as duas únicas cidades pesquisadas que se enquadraram na categoria “ótimo”.

A escala do ranking vai de zero a 100 pontos, na qual zero (péssimo) significa que o ente é avaliado como totalmente opaco e 100 (ótimo) indica que ele oferece alto grau de transparência.

foto internet

Praticamente metade dos estados obteve pontuação classificada como ótima ou boa.

A outra metade teve notas que apontaram transparência regular ou ruim. Nenhum estado se enquadrou na categoria “péssimo”.

Já entre as capitais, cerca de 1/5 delas mostrou transparência avaliada como ótima ou boa. Todo o restante foi classificado como regular, ruim ou péssimo – sendo que apenas Belém teve essa última classificação.

arquivo

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Ministro da Justiça, I.N de Advocacia, deputados e senadores apresentam repúdio ao ato de censura do STF

O STF na figura do deus todo poderoso Alexandre de Moraes, hoje voltou a praticar censura tão alardeada pela esquerda quando se referia ao Bosolnaro

Covidão vem ai? Desde abril, já foram 16 processos de compras suspensos ou cancelados em Ribeirão Preto

No ano de 2019 todo foram apenas 12 processos cancelados ou suspensos, mas a prefeitura considera normal os casos atuais. Medo?

Confira como serão os critérios da retomada econômica de São Paulo

Doria anuncia 'retomada INTELIGENTE' a partir de 1º de junho, A cidade de Ribeirão Preto se encaixa na fase 2.

deus Alexandre Moraes determina bloqueio das redes sociais de direita

Vários sites e blogs esquerdista foram bancados financeiramente com dinheiro publico e por outras vezes com dinheiro de amigos dos amigos, hoje A PF cumpriu mandados em cinco estados e no DF em uma ação direcionada aos bolsonaristas

Aneel decide que conta de luz não terá taxa extra até dezembro

Medida foi tomada em resposta à crise provocada pela pandemia do coronavírus
- PUBLICIDADE -