• Política
Início Política Palocci entrega 18 provas à Justiça para atestar a delação contra o...

Palocci entrega 18 provas à Justiça para atestar a delação contra o PT

- continua após a publicidade -

O ex-ministro Antônio Palocci (Fazenda e Casa Civil) entregou 18 tipos de provas — como agendas, computador, notas fiscais e contratos — em pedido feito ao TRF4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), corte de apelação da Lava Jato, no qual solicita benefícios em razão de sua colaboração com a Justiça.

O objetivo é comprovar a colaboração premiada que acertou com a Justiça. As informações são do jornal “O Estado de S. Paulo”.

O pedido foi encaminhado ao desembargador João Pedro Gebran Neto, relator dos processos da Lava Jato na segunda instância e responsável por validar a delação premiada do ex-ministro de Lula e Dilma, firmado com a Polícia Federal.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Condenado a 12 anos e 2 meses de prisão na primeira instância, Palocci solicita à Justiça que sejam concedidos a ele benefícios de um colaborador da Justiça, como a possibilidade de cumprir pena em casa.

Ao justificar o pedido, o advogado Tracy Reinaldet alega que a “cooperação de Palocci” tem se mostrado “efetiva e útil”, segundo relata “O Estado de S.Paulo”. Para Reinaldet, não há risco de que o ex-ministro volte a cometer crimes.

No pedido à Justiça, a defesa de Palocci lista 18 tipos de provas que foram apresentadas, além das mais de 140 horas de depoimentos, para colaborar com as investigações.

Entre as provas estão contratos fictícios firmados pela empresa Projeto (de propriedade do ex-ministro) para receber pagamentos ilícitos, juntamente com notas fiscais corroborando os depósitos. A defesa também cita e-mails trocados entre funcionários de Palocci e das empresas com quem se firmaram os contratos ilícitos, bem como anotações na agenda do ex-petista, extratos bancários, celulares, HD e pen drive. Os advogados incluíram até dados de rastreadores de veículos para confirmar as alegações feitas por Palocci na delação.

Na delação, que foi liberada pelo juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Criminal de Curitiba, a menos de uma semana das eleições presidenciais, Palocci afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva teria participado de uma reunião no Palácio do Planalto, em 2010, na qual foi acertado o pagamento de propina para a campanha de Dilma Rousseff naquele ano, envolvendo a construção de 40 navios-sonda da Petrobras.

Palocci foi alvo da Operação Omertá — desdobramento da Lava Jato — e está preso desde setembro de 2016. Já condenado em primeira instância, o ex-ministro pede benefícios como redução de pena em razão da delação premiada.

publicidade
publicidade

Últimas Notícias

PF prende suspeito em Sertãozinho por esquema de hackers de Moro e Deltan

Cerca de 30 policiais federais participaram das ações que prenderam o programador de computadores Thiago Martins, o "Chiclete", e Luiz Molição

Menor taxa de juros da Historia: Copom reduz Selic para 5,5% ao ano

Há pouco, o presidente Jair Bolsonaro comemorou a decisão do Copom em uma postagem no Twitter. O presidente escreveu: 'É a Economia dando certo".

Governo vai desbloquear mais R$ 8,3 bilhões contingenciados

O governo decidiu descontingenciar mais R$ 8,3 bilhões do Orçamento para distribuição entre ministérios.

Cúpula de Época deixa a revista, após polêmica e pedido de desculpas

O motivo foi a armação do grupo Globo na reportagem sobre Heloísa Bolsonaro, esposa de Eduardo Bolsonaro.

Colégio de Ribeirão Preto conquista oito medalhas na Olimpíada Brasileira de Astronomia

Jovens maristas ganharam quatro medalhas de ouro, três de prata e uma de bronze

Exposição Nacional de Orquídeas de Ribeirão Preto será realizada nos dias 27, 28 e...

O início da primavera será marcado pela realização da 8ª edição da Exposição Nacional de Orquídeas de Ribeirão Preto, que acontece de 27 a...

Andarilhos e pedestres receberão kits com colete refletivo e lanterna para evitar atropelamentos

Iniciativa da Arteris ViaPaulista integra calendário de ações do mês da segurança no trânsito nas regiões de Ribeirão Preto, Franca, São Carlos, Araraquara, Jaú e Itaporanga

Ribeirão Preto Rugby fica em segundo lugar na fase de classificação

No último sábado (14), o Mogi, de Mogi das Cruzes, não foi ao jogo contra a equipe ribeirão-pretana, que conquistou cinco pontos e foi a 31; semifinal será contra o Wally's, dia 28

CineMaterna traz sessão especial com animação infantil no Shopping Iguatemi

A animação britânica "Corgi: Top Dog" é o filme do mês do projeto CineMaterna no Shopping Iguatemi Ribeirao Preto. A exibição acontece na quarta-feira, 18...
- PUBLICIDADE -