InícioPolíticaEm GRAMPOS sem edição, Dárcy Vera expõe vereadores e mostra quem é...

Em GRAMPOS sem edição, Dárcy Vera expõe vereadores e mostra quem é quem na base política de Ribeirão Preto.

- continua após a publicidade -

O Ministério Público Paulista junto com a Polícia Federal de Ribeirão Preto, deflagaram na última semana a operação Savandija, que prendeu 11 suspeitos em Ribeirão Preto. Os trechos a seguir são áudios gravados com a autorização da justiça de ligações entre a prefeita Darcy Vera e o então secretário municipal de administração e superintendente do DAERP (Marco Antônio Santos), preso durante a ação da Polícia Federal.

Nas gravações no dia 15 de junho deste ano, Dárcy revoltada, discute sobre a votação na Câmara dos Vereadores de um projeto para a transferência de recursos de um fundo para os cofres municipais em que os parlamentares da base aliada, Maurílio Romano (PP) e seu genro Evaldo Mendonça (PTB), o Giló, votaram contra.

Em alguns trechos a prefeita mostra seu lado mais radical.

“Chega. Vota contra. Fica à vontade. Mas tira todos os seus cargos do governo hoje. O cara tá cheio de gente no governo. Manda embora”, diz Dárcy, sobre o vereador Giló (PTB), que é genro dela. Falando que alem de mandar embora os 60 indicados do genro.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Em um dos trechos Darcy ameaça suspender as obras de asfalto no Ipiranga: “Suspende as ruas do Ipiranga, não asfalta, pronto! E dá um corte nesse pessoal tá muito folgado cara, manda o povo deles embora pra ver se eles aguentam. Vê se alguém aguenta a campanha”, complementa a Prefeita, mostrando o lado político das obras realizadas na cidade, o Ipiranga é base eleitoral de seu genro, vereador Giló.

Durante a conversa a prefeita intima o superintendente a “Peitar os caras”. “Manda os quase 60 embora do Maurílio pra ver se ele aguenta essa campanha. Ele não consegue segurar 60 pessoas desempregadas, na rua.”, ordena a prefeita.

“Não brinca comigo, não”, referindo-se a Maurílio. “Se eu abrir a boca só elege dois na Câmara, da nossa base. Só elege dois. E eu não tô brincando. Acaba com a minha carreira eu vou acabar com a carreira de todo mundo”, ameaça.

Em outro trecho a prefeita fala dos acordos políticos e reclama da falta de gratidão por parte de seus aliados. “Ajuda ali, tapa buraco aqui, faz isso, recapeamento ali, inclui a rua tal”.

Ouça o áudio gravado pela Polícia no dia 15 de Junho:

Vereadores negociavam cargos na Prefeitura em troca de favorecer Executivo.

Em outro áudio, de 30 de junho, Santos diz a Dárcy que Maurílio não quer votar as contas dela de 2102 e 2013, que haviam sido rejeitadas pelo Tribunal de Contas. Ela se queixa de que o vereador não tem caráter, não cumpre com o combinado entre eles. De acordo com Santos, Maurílio estaria disposto a votar as contas e outras pautas do executivo somente após as eleições.

Santos afirma que, se a prefeita quiser, ele pode demitir todos os funcionários indicados pelo vereador, “inclusive da terceirizada (Atmosphera) “, mas que se fizer isso “Ele não vota mais nada”, “se você demitir os dele ai que ele não vota mais nada”.

Dárcy indaga a obrigação de ficar amarrada aos acordos: “Então nós vamos ter que ficar amarrados a esses filhas da p….”.

Em alguns trechos são citados a vereadora Viviane que está presidindo interinamente a Câmara de Vereadores, ela estaria “desesperada buscando apoio da prefeitura e disposta a votar com o executivo”. Santos em um trecho fala sobre a vereadora Viviane: “Agora ela quer, filha da p… fez tudo isso, eu fiquei na mão dela todo esse tempo, agora ela tá desesperada que quer votar”, os áudios indicam que Viviane estaria pressionando para ajudar o executivo, Santos alega que a vereadora estaria ameaçando não ajudar a prorrogar a votação das contas.

A conversa entre Dárcy e Santos mostra que as votações polêmicas que podem manchar a imagem dos vereadores durante o período eleitoral seriam votadas facilmente após o término do período eleitoral através de acordos costurados com Cícero Gomes.

“Nós vamos ter que segurar todo esse pessoal até as eleições passar?”, questiona Darcy à Santos.

Entenda a operação Savandija: 9 Vereadores com mandato suspenso e prisões são realizadas pela Polícia Federal em Ribeirão Preto

Ouça o áudio gravado pela Polícia com autorização da Justiça no dia 30 de Junho.

Neste sábado (03) Marcelo Plastino e a namorada foram presos no aeroporto de Guarulhos.

Plastino é suspeito de participar de um esquema nos últimos cinco anos, segundo o Gaeco e a Polícia Federal, sendo braço da CODERP para desvio de dinheiro e cabide de empregos de indicados políticos. Também foi presa a namorada e secretária do empresário, Alexandra Ferreira Martins, que foi encaminhada para a carceragem da Polícia Federal em São Paulo. Já Plastino foi trazido para Ribeirão Preto para prestar depoimento.

Um dos trechos gravados mostra bem a face politica, não apenas de Ribeirão, mas de forma generalizada.

Dárcy diz : “Pô, cara! O cara tem que ter um pingo de gratidão!”;
Santos responde: “Que gratidão? Gratidão em política, Dárcy? Isso aí não existe. Isso aí você sabe que não existe.Só existe interesse”.

Enquanto isso a população segue enganada, manipulada e sofrendo nas filas da saúde, falta de creche, segurança e com buracos nas ruas, bom, nas ruas onde os vereadores não pedem intervenção em troca de apoio.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Integra da carta de uma mãe que querem calar

A notícia incomoda, não sendo divulgada na grande mídia, mas tem o apoio dos médicos pela vida. Uma vitima entre quantas escondidas?

Fábrica clandestina de cigarros é fechada

O espaço era grande e tinha total estrutura para produção irregular dos cigarros e até mesmo para venda com "Caixas, maquinários, embalagens, uma estrutura completa.

Ipem-SP detecta fraude em veículo-tanque em Ribeirão Preto

A Polícia Militar foi acionada após a constatação da fraude

SÃO TOMÉ DAS LETRAS: O QUE FAZER NA CIDADE MÍSTICA DE MINAS GERAIS

Dica de turismo para você fugir da cidade e passar um final de semana ou se programar para o próximo feriado.

Museu Casa de Portinari promove Música no Coreto, neste sábado (18)

Realizada na praça Martim Moreira, a apresentação contará com repertório de música popular; gratuita e respeitando todos os protocolos de segurança
- PUBLICIDADE -