Início Política Gilmar Mendes violou a Lei de Segurança Nacional, informa Defesa

Gilmar Mendes violou a Lei de Segurança Nacional, informa Defesa

Gilmar Mendes garantiu em live que o Exército estaria se “associando ao genocídio”

- continua após a publicidade -

Em parecer contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Gilmar Mendes, o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, argumentou que o juiz violou um artigo da Lei de Segurança Nacional.

A peça foi enviada ontem à Procuradoria-Geral da República (PGR).

O dispositivo citado é o Artigo 23, que considera crime a prática de incitar “à animosidade entre as Forças Armadas ou entre estas e as classes sociais ou as instituições civis”, informa o jornal O Estado de S. Paulo.

ARQUIVO

Dessa forma, a pena é de um a quatro anos de prisão.

Na peça, também são mencionados artigos do Código Penal sobre crime contra a honra e outro do Código Penal Militar.

Portanto, caberá à PGR analisar a representação de Azevedo para vislumbrar se há indícios de crime ou conduta ilegal na postura do ministro.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Caso sim, o procurador-geral da República, Augusto Aras, poderá decidir pelo prosseguimento da investigação ou pelo arquivamento do processo.

Gilmar Mendes garantiu em live que o Exército estaria se “associando ao genocídio” por apoiar Bolsonaro no combate à covid-19.

Foto agencia senado

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Baleia: Pai preso, irmão delatado por propina e ele quer ser o salvador da pátria

O próprio é citado em delação da JBS, e agora se une com todos partidos de esquerda, traindo os votos de seus eleitores. Tudo pelo poder e pelo dinheiro

Aposentados do INSS começam a receber benefícios com reajuste

Calendário de pagamentos segue número final de cartão do beneficiário, confira a tabela dos próximos 12 meses

Trecho da avenida Independência será interditado nesta terça-feira, dia 26

Rotas alternativas poderão ser utilizadas nas avenidas Anhanguera e João Fiúsa

Rede municipal volta às aulas presenciais dia 8 de fevereiro

O calendário começará pelo ensino fundamental, e no dia 1 de março, as aulas voltam para a educação infantil; O retorno dos alunos é opcional

Ribeirãopretana é Sensação nas redes sociais, Rafaella Tuma trabalha com ilustrações lúdicas de cultura pop

Além de ilustradora, Rafa ministra curso online sobre gestão da carreira artística
- PUBLICIDADE -