Início Política Eleições Márcio França vai ao segundo turno contra Doria

Márcio França vai ao segundo turno contra Doria

- continua após a publicidade -

João Doria (PSDB) e Márcio França (PSB) vão disputar o segundo turno em São Paulo. O tucano, que largou a prefeitura para disputar o governo, recebeu 6.318.710 votos (31,77%).

Atual governador e vice de Alckmin, França obteve 4.272.706 votos (21,48%) e surpreendeu o representante da Fiesp Paulo Skaf (MDB), que ficou em terceiro por uma margem apertada. Skaf recebeu 4.202.013 votos (21,13%).

O candidato Luiz Marinho (PT) ficou em quarto lugar, com 2.518.051 votos (12,66%) do total. A votação do petista tem tudo para migrar para o candidato do PSB e interromper a sequência de mais de 20 anos de governo tucano em São Paulo.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Com 98% das urnas apuradas, foram computados em São Paulo 19.890.950 votos válidos. Desse total, 13,65% dos votos foram anulados, e 6.94%, em branco.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Com febre, Bolsonaro faz exame de Covid-19 e toma hidroxicloroquina

Presidente revelou que tem tido febre de 38ºC e fez radiografia de pulmão. Agenda desta terça-feira foi cancelada

Governo amplia vetos na lei que torna obrigatório o uso de máscara

Esses dispositivos vetados pelo presidente Jair Bolsonaro, poderiam ferir a inviolabilidade do domicílio privado.

Comunicado do Sindicato dos Servidores sobre presidente da ACIRP

Estranhamente, o líder empresarial entende que sua classe está sendo atingida por medidas determinadas por Antônio ou por João, mas, por receio ou conveniência, decide combater José.

Secretário do Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo acredita em melhora na economia da região no segundo semestre

No Webinar Avança 016 realizado pela Amcham, Marco Vinholi falou sobre expectativas para a retomada na região

Estado de SP tem queda de mortes por coronavírus pela 2ª semana seguida

Taxa de letalidade também caiu para 5% e é a menor já registrada desde o início da pandemia; dados apontam tendência de achatamento de curva
- PUBLICIDADE -