InícioPolítica1964 não foi golpe: Foi uma contra-revolução contra o comunismo que...

1964 não foi golpe: Foi uma contra-revolução contra o comunismo que ameaça o país

Ives Gandra Martins classifica ação das Forças Armadas como um movimento legitimado pela população, partidos e imprensa.

- continua após a publicidade -

Ou o Brasil acaba com a esquerda ou a esquerda acaba com o Brasil. 🇧🇷

Ives Gandra Martins classifica ação das Forças Armadas como um movimento legitimado pela população, partidos e imprensa.

Os cinco partidos do Congresso Nacional apoiaram o movimento porque o presidente João Goulart pretendia, depois do dia 13 de março, em que ele promoveu no Rio de Janeiro a Marcha dos Sargentos, que era contra a hierarquia militar, eliminar a eleição de 1965 e instalar no Brasil uma ditadura quase que cubana, afirma o jurista.

No dia 19 de março, foi realizada em São Paulo e demais cidade do país a denominada Marcha da Família.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O jurista afirma que naquele dia percebeu que a revolta contra Jango era nacional.

“No dia 19 de março eu estive na Praça da Sé, todos os 5 partidos do Congresso estavam preocupados com a situação, nós achávamos que o movimento contra Jango seria um fracasso.Quando eu chegue na Praça da Sé e me deparei com aquela multidão, a maioria mulheres, percebi que efetivamente havia uma revolta nacional”.

foto arquivo

Em uma rápida análise, o pesquisador de Assuntos Militares da Universidade Federal de Juiz de Fora, Expedito Carlos Stephani Bastos, diz que a ação dos militares em 1964 foi uma contra-revolução contra o comunismo que ameaça o país.

“ Forças Armadas, com o apoio da imprensa e população, fizeram uma contra-revolução”

A mesma imprensa que apoiou em 1964 hoje diz:

O que aconteceu no dia 31 de março de 1964?

Golpe de Estado no Brasil em 1964 designa o conjunto de eventos ocorridos em 31 de março de 1964 no Brasil, que culminaram, no dia 1.º de abril de 1964, com um golpe militar que encerrou o governo do presidente democraticamente eleito João Goulart, também conhecido como Jango.

forças armadas

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Oficinas e cursos gratuitos em Ribeirão Preto

Há oportunidades para atividades de música, dança, teatro, artes plásticas e circenses. Confira vagas por unidade e saiba como fazer a inscrição.

240 oportunidades de emprego em Ribeirão e Sertãozinho

Entre as vagas há opções como ajudante de produção, auxiliar administrativo, motorista, vendedor, cuidador de idosos, padeiro, cabeleireiro e manicure.

A economia a “gente vê depois” leva mais de 2 milhões a extrema pobreza

Pelo menos 2 milhões de famílias brasileiras tiveram a renda reduzida e caíram para a extrema pobreza entre janeiro de 2019 e junho deste...

Quem foi vacinado com coronavac continua proibido de entrar em países que aceitam turistas

A santa medicação do Doria, continua proibida em vários países que já abriram suas fronteiras. E como ficam os imunizados que precisam viajar?

‘Sofrimento global’ faz buscas por ajuda emocional e prevenção ao suicídio aumentarem

Psicológicos relatam aumento de transtornos alimentares e psicológicos na pandemia e falam em ‘crises potencializadas’; Centro de Valorização da Vida registrou 147 mil atendimentos a mais apenas em 2020
- PUBLICIDADE -