InícioPolicialRibeirão Preto inaugura 11º Batalhão de Ação Especial da Polícia Militar

Ribeirão Preto inaugura 11º Batalhão de Ação Especial da Polícia Militar

Unidade contará com 260 PMs treinados pela equipe de choque, além de 30 viaturas, 60 fuzis e 260 pistolas automáticas

- continua após a publicidade -

Ribeirão Preto inaugurou na manhã desta terça-feira (17) o 11º Batalhão de Ação Especial da Polícia Militar (BAEP). Participaram da solenidade o prefeito Duarte Nogueira, o governador do Estado de São Paulo, João Doria, o secretário estadual de Planejamento e Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, o secretário estadual da Segurança Pública, general João Campos, o secretário estadual de Esportes, Aildo Ferreira, e o coronel Marcelo Salles, comandante geral da PM do Estado de SP.

O novo batalhão contará com 260 policiais, entre mulheres e homens, treinados pela equipe de choque da PM, além de 30 viaturas, 60 fuzis e 260 pistolas automáticas para reforçar o patrulhamento tático e em locais de risco, além de atuar na apreensão de explosivos. A unidade atenderá Ribeirão e mais 92 municípios da região, o que corresponde a uma população de 3,7 milhões de moradores.

“Para a nossa Região Metropolitana, é uma notícia espetacular o início das atividades do nosso BAEP. A presença ostensiva da polícia de elite é exatamente para coibir a tentativa de o crime organizado aparecer. A segurança pública, junto com mobilidade urbana, saneamento básico, destinação final dos resíduos, empregabilidade e sustentabilidade são os eixos que fazem a diferença na qualidade de vida, da geração de emprego e de renda, e na prosperidade”, afirmou o chefe do Executivo durante seu pronunciamento.

Anunciado em abril deste ano, o Baep passa a funcionar no complexo do CPI-3 (Comando de Policiamento do Interior 3), em prédio que passou por reformas, adequações elétricas e recebeu novos equipamentos. O investimento do Governo de São Paulo para a remodelagem do imóvel foi de R$ 487,7 mil.
A unidade também contará com cinco grupos de canil, distribuídos nas cidades de Ribeirão Preto, Araraquara, Franca, Barretos e Sertãozinho, somando 49 cães. Além disso, haverá um grupo de policiamento montado, com 18 cavalos.

“Com mais 260 policiais militares treinados e preparados atuando no melhor da melhor polícia do Brasil, por óbvio, a tendência é a queda da criminalidade. Onde há presença da polícia nas ruas, há uma diminuição da criminalidade, da presença de criminosos. Os índices de Ribeirão, que são de 5,85, são menores do que a média de todo o Estado de São Paulo. Portanto, o índice já melhorou ao longo desse ano e a tendência é, em 2020, abaixar ainda mais”, afirmou o governador João Doria.

Os policiais estão aptos para patrulhamento tático; gerenciamento de crises e negociações com reféns; busca e localização de artefatos explosivos; conduta de patrulha em locais de risco, controle de multidões e policiamento em eventos e praças desportivas.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Dois lotes de parques municipais serão administrados por iniciativas privadas

Gestão e encerramento do contrato (até cinco anos de contrato com a possibilidade de prorrogação por mais cinco anos).

Ribeirão Preto estende abertura do comércio a partir desta sexta-feira, dia 30

Medida se antecipa ao Plano São Paulo. Veja como ficam os horários.

GCMs realizam doação de sangue em Ribeirão Preto

Ação contribuiu com o estoque de sangue do hospital São Lucas; tipos O-, O+ e A - são os mais críticos, com menos da metade das bolsas necessárias

Brasil gera 309 mil empregos formais em junho

Governo deve lançar programas para inclusão de jovens no mercado

Anvisa alerta sobre casos de Guillain-Barré após vacinação

A Anvisa explica que a SGB é um distúrbio neurológico autoimune raro, no qual o sistema imunológico danifica as células nervosas.
- PUBLICIDADE -