Início Policial PF investiga grupo que fraudava auxílio emergencial

PF investiga grupo que fraudava auxílio emergencial

Cerca de 80 policiais estão cumprindo, neste momento, 14 mandados de busca e apreensão.

- continua após a publicidade -

A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (18) a Operação Resiliência, em Brasília, com o objetivo de “desmantelar uma “organização criminosa especializada no cometimento de fraudes no auxílio emergencial”, criado pelo governo federal.

Segundo os investigadores, há indícios de que o grupo tem envolvimento com outras práticas criminosas, como tráfico de drogas e fraudes com o Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e com benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Cerca de 80 policiais estão cumprindo, neste momento, 14 mandados de busca e apreensão. De acordo com a PF, as investigações tiveram início após a identificação de criminosos que recebiam o auxílio, criado com o objetivo de assegurar uma renda mínima para a população durante a pandemia do novo coronavírus, de forma fraudada.

Além de usar os próprios nomes, os suspeitos usavam nomes de outras pessoas para se beneficiar da fraude, dando a elas um percentual do valor recebido.

ARQUIVO

“ Até o momento, cinco pessoas foram presas em flagrante, duas pelo crime de tráfico ilícito de entorpecentes e três por posse ilegal de arma de fogo”, informou a PF em nota.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

*Com informações da Polícia Federal

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Amigos do prefeito: Vereadores que não foram reeleitos conseguem cargos na administração

Como diz o ditado. " quem tem padrinho não morre pagão". Vereadores amigos de Nogueira conseguem uma boquinha

Após Faustão, William Bonner pede para sair

Sem dinheiro publico, a Globo não sabe o que fazer para manter seu elenco, e pelo visto vai faltar alguém para apagar a luz

Ultimo dia para inscrições em oficinas de Qualificação gratuitas

As oficinas, com início previsto para 1º de fevereiro, acontecem na Avenida Dom Pedro I

Ribeirão Preto vacinou apenas 4,4 mil servidores da saúde

Neste ritmo para que apenas funcionários da saúde recebam a primeira dose será necessário 45 dias. Cidade possui 32 mil profissionais da saúde

COMUNICADO: Museu Casa de Portinari

Seguindo as recomendações do Plano São Paulo, do Governo do Estado de São Paulo, o Museu Casa de Portinari instituição da Secretaria de Cultura...
- PUBLICIDADE -