Início Policial Evento internacional apresenta, em Ribeirão Preto, recentes estudos sobre criminologia

Evento internacional apresenta, em Ribeirão Preto, recentes estudos sobre criminologia

A portuguesa Raquel Matos fala sobre a criminalidade entre mulheres e jovens em seu país

- continua após a publicidade -

Ribeirão Preto recebe nesta quinta-feira (1/8) o 4º Seminário Internacional de Criminologia, que tem como tema central, nesta edição, ‘crime e trajetórias de vida’. O evento é gratuito, ocorre durante todo o dia no auditório principal da Faculdade de Direito da USP de Ribeirão Preto. Como o Brasil não possui graduação em Criminologia (oferecida apenas como disciplina do curso de Direito ou em cursos de pós-graduação), o evento é importante para meio acadêmico, por reunir profissionais do Brasil e de outros países, que apresentam o resultado de seus mais recentes estudos.

Nesse ano, a palestrante convidada internacional é a portuguesa Raquel Matos, Doutora em Psicologia pela Universidade do Minho e Professora Associada na Universidade Católica Portuguesa. Ela está em Ribeirão Preto desde segunda-feira, dia 29.

AS MULHERES E O CRIME

Na noite de terça, Raquel Matos palestrou na OAB-RP, realizadora do evento, sobre “Gênero, Criminalidade e Reclusão: Trajetórias criminais femininas e experiências de mulheres no sistema prisional português”. Além de apresentar detalhes da metodologia utilizada em sua pesquisa, ela falou sobre alguns resultados deste trabalho: as mulheres representam apenas 6,4% da população nas prisões portuguesas e, dentre esse percentual, a maioria têm filhos, estão em prisão preventiva (25,4%) ou são estrangeiras (20,7%). Os principais crimes cometidos são contra a propriedade (32%) ou tráfico de drogas (26%).

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

São poucos os presídios femininos, em Portugal: três em Lisboa, um no Porto e outro no Sul do país. Eles são preparados para receber detentas grávidas e seus filhos até os três anos.

O JOVEM E O CRIME

Nesta quinta (1/8), durante o IV Seminário Internacional de Criminologia, na USP, a conferência de Raquel Matos tem os jovens como foco: “Do conflito à participação social juvenil: oportunidades e desafios para a reintegração de jovens com trajetórias de risco, delinquência e punição”.  A apresentação dela, das 9h30 às 11h30, será a primeira do evento.

O CRIME NO BRASIL

Também apresentam os resultados de seus trabalhos outros cinco respeitados profissionais. Gabriel de Santis Feltran (Doutor em Ciências Sociais pela UNICAMP, Docente da UFSCar e Etnógrafo urbano) apresenta a conferência da tarde: “O ‘mundo do crime’ no Brasil: contribuição das etnografias e trajetórias de vida”.

Em seguida, um workshop será oferecido aos profissionais do setor, com apresentação dos próprios autores dos trabalhos. Eduardo Saad-Diniz (Livre-docente em Criminologia; Docente da FDRP/USP) apresenta o “Embasamento científico da atuação profissional na área de Criminologia: possibilidades e desafios contemporâneos”. Maria Cristina Pellini (Doutora em Psicologia pelo IP/USP; Professora- adjunta da UNIP e membro do CRPSP) fala sobre “Possibilidades e desafios atuais na avaliação psicológica para o porte de arma de fogo: critérios técnicos, limites legais e éticos”. Aline Thaís Bruni (Doutora em Ciências pela UNICAMP; Docente da FFCLRP/USP) apresenta “A legislação sobre drogas: requisitos científicos e consequências criminais”.

E Márcia Andreia Mesquita Silva da Veiga (Doutora em Química pela UFSC, Professora Associada do Departamento de Química da FFCLRP/USP) encerra o evento com o tema “A criminalística e o suporte técnico-científico para a criminologia”.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Amigos do prefeito: Vereadores que não foram reeleitos conseguem cargos na administração

Como diz o ditado. " quem tem padrinho não morre pagão". Vereadores amigos de Nogueira conseguem uma boquinha

Após Faustão, William Bonner pede para sair

Sem dinheiro publico, a Globo não sabe o que fazer para manter seu elenco, e pelo visto vai faltar alguém para apagar a luz

Ultimo dia para inscrições em oficinas de Qualificação gratuitas

As oficinas, com início previsto para 1º de fevereiro, acontecem na Avenida Dom Pedro I

Ribeirão Preto vacinou apenas 4,4 mil servidores da saúde

Neste ritmo para que apenas funcionários da saúde recebam a primeira dose será necessário 45 dias. Cidade possui 32 mil profissionais da saúde

COMUNICADO: Museu Casa de Portinari

Seguindo as recomendações do Plano São Paulo, do Governo do Estado de São Paulo, o Museu Casa de Portinari instituição da Secretaria de Cultura...
- PUBLICIDADE -