InícioLazer e CulturaUSP Filarmônica abre agenda da temporada 2020 com As Quatro Estações de...

USP Filarmônica abre agenda da temporada 2020 com As Quatro Estações de Vivaldi

A abertura será realizada no Theatro Pedro II, com repertório que terá como obra principal, As Quatro Estações de Vivaldi.

- continua após a publicidade -

A USP Filarmônica está de volta para uma temporada de concertos em 2020.

A abertura será realizada no dia 10 de março, às 20h30, no Theatro Pedro II, com repertório que terá como obra principal, As Quatro Estações de Vivaldi.

O solo será do violinista Ramon Aranha Tavares Feitosa, spalla na Orquestra Sinfônica de Barra Mansa.

O concerto, aberto e gratuito, terá ainda a Suíte nº 2 em Si menor de Bach, com solo da flautista e professora doutora do Departamento de Música da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto da USP, Cássia Carrascoza Bomfim.

O professor doutor do DM-FFCLRP-USP André Micheletti (violoncelo) também participa como solista do concerto, sob regência de Rubens Russomanno Ricciardi, maestro principal da USP Filarmônica e professor titular do DM-FFCLRP-USP.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A orquestra é renovada ano a ano via edital para seleção de novos bolsistas, assim, a USP Filarmônica oferece oportunidades aos graduandos da USP, garante o aprendizado e a performance, além de proporcionar jovialidade ao corpo musical, refletindo diretamente na dinâmica de execução das obras.

Nesta temporada, os novos bolsistas terão desafios estratégicos para seu desenvolvimento artístico com a execução de concertos nas cidades de Ribeirão Preto, São Carlos, Franca, Brodowski, Campos do Jordão e Prados, entre outras. Em junho, no ápice da temporada, a orquestra realiza a ópera Gianni Schicchi, de Giacomo Puccini, com duas récitas gratuitas no Theatro Pedro II.

Para este concerto não é necessário retirar ingressos, a entrada é livre. O Theatro fica na Rua Álvares Cabral, 370, no Centro de Ribeirão Preto. Toda a programação da temporada 2020 da USP Filarmônica está disponível na página da orquestra no Facebook /uspfilarmonica. Mais informações pelo telefone (16) 3315-3136.

foto arquivo

Realização

A série Concertos USP, com a USP Filarmônica.é realizada pelo Departamento de Música da FFCLRP-USP, em parceria com a Fundação Dom Pedro II, em Ribeirão Preto. Em São Carlos, a parceria é com o Grupo Coordenador de Cultura e Extensão da USP, ICMC-USP (Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação da USP) e UFSCar.

Serviço

132º Concerto da USP Filarmônica

10/03 – 20h30

Theatro Pedro II

Rua Álvares Cabral, 370 – Centro de Ribeirão Preto

Entrada franca

133º Concerto da USP Filarmônica

11/03 – 20h30

Teatro Universitário Florestan Fernandes da UFSCar em São Carlos

Rodovia Washington Luis, Km 235, s/n – Vila Marina 

Entrada franca

Programa

Johann Sebastian Bach (Eisenach, 1685 – Leipzig, 1750)

Suíte nº 2 em Si menorBWV 1067

Solista: Cassia Carrascoza Bomfim (flauta)

1.      Ouverture

2.      Rondeau

3.      Sarabande

4.      Bourrée I / Bourrée II / Bourrée I

5.      Polonaise / Double / Polonaise

6.      Menuet

7.      Badinerie

Antonio Vivaldi (Veneza, 1678 – Viena, 1741)

As Quatro Estações (Le quattro stagioni)

Solista: Ramon Aranha Tavares Feitosa (violino)

Concerto Nº 1 em Mi maior op. 8 – RV 269

Primavera(La primavera)

1. Allegro

2. Largo

3. Allegro Pastorale

Concerto Nº 2 em Sol menor op. 8 –RV 315

Verão(L’estate)

1. Allegro non molto

2. Adagio e piano – Presto e Forte

3. Presto

Concerto Nº 3 em Fá Maior op. 8 –RV 293

Outono(L’autunno)

1. Allegro

2. Adagio molto

3. Allegro

Concerto Nº 4 em Fá menor op. 8 – RV 297

Inverno(L’inverno)

1. Allegro non molto

2. Largo

3. Allegro

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Universidade federal terá cotas para detentos, ex-presidiários e refugiados

Ser bandido virou bom negocio no Brasil, com aplauso do PSOL a decisão penaliza o cidadão de bem

A importância dos Bandeirantes para o desenvolvimento do Brasil

A historia dos Bandeirantes estão diretamente ligada ao desenvolvimento do Brasil. Não fossem estes bravos desbravadores estaríamos vivendo até hoje apenas no litoral brasileiro. Defendem genocidas e ditadores e atacam verdadeiros herois.

Contações de histórias compõem a programação do final de semana do Museu Casa de Portinari

Conheça também a faceta poética de Candido Portinari no Pela Janela (25); on-line e gratuita

Terceira via discute impeachment de Bolsonaro como única forma de derrotar Lula

Com economia e empregos em recuperação, falta de escândalos no governo e popularidade nas ruas em alta, os concorrentes enxergam no impeachment a única forma de barrar Bolsonaro em 2022

Olimpíada de Tóquio: saiba quem são os brasileiros favoritos ao ouro

Judô? Vôlei? Natação? Atletismo? Futebol? De onde virão as medalhas de ouro para o Brasil?
- PUBLICIDADE -