Início Lazer e Cultura Alunos do "Bom de Nota, Bom de Dança" participam de oficina de...

Alunos do “Bom de Nota, Bom de Dança” participam de oficina de grafite em Batatais

- continua após a publicidade -

No último mês de abril os alunos do núcleo Batatais do “Bom de Nota, Bom de Dança” participaram de uma Oficina de Grafite. Ministrada pelos artistas Rodrigo Chov e Pedro Droop, a atividade aconteceu na EMEB do CAIC Professor Gilberto Dalla Vecchia, sede oficial do projeto na cidade.

A ideia do workshop surgiu dos próprios profissionais do projeto, que viram dentro das aulas de danças urbanas a possibilidade de complementar o aprendizado com os demais componentes da cultura Hip-Hop. O workshop aconteceu no dia 11 e reuniu os alunos matriculados nas turmas da modalidade para as atividades.

“Além das danças urbanas, consideramos importante trazer outros elementos da cultura Hip-Hop para as aulas. Isso porque aliar a prática ao conhecimento das origens e do significado de cada manifestação cultural torna a experiência de dançar mais ampla, ao passo que incorpora componentes cognitivos que realizam os potenciais dos educandos para aprender a conhecer”, explica Mariana Souza, coordenadora projeto.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A arte do grafite é uma forma de manifestação artística em espaços públicos e surgiu na década de 60 como um dos pilares da cultura Hip-Hop. Além dela e da dança, são representantes da cultura urbana o MC e o DJ. “Só é Hip-Hop quando esses quatro elementos se juntam e nosso objetivo é apresentar todos eles durante as aulas no projeto”, conta Adir Aparecido Junior, professor de danças urbanas no núcleo Batatais.

Convidados para dar a oficina, os grafiteiros Rodrigo Chov e Pedro Droop – ambos naturais de Batatais – explicaram aos alunos sobre a história do grafite e seu papel como ferramenta para a promoção da liberdade de expressão, também dividiram técnicas e aproveitaram para apresentar os principais expoentes da arte aos pequenos.

Depois da aula teórica, foi o momento de botar a mão na massa. Devidamente protegidas com máscaras, as crianças tiveram a oportunidade de grafitar as paredes da sala onde as aulas de dança acontecem, e deixar o espaço mais colorido com desenhos e formas que remontam a cultura urbana.

Com ações temáticas programadas para todo o ano, o projeto busca trazer para os alunos elementos que possam complementar a formação oferecida nas aulas e também ao que é aprendido na escola. “Tudo é pensado para que os alunos se desenvolvam e cresçam, não só na dança, mas culturalmente de uma forma geral.”, afirma Mariana.

E as intervenções artísticas e culturais não param por aí, “para aulas futuras estamos programando a presença de DJs e MCs para rimarem conosco, a intenção é que as crianças tenham conhecimento da cultura Hip-Hop por completo e possamos usar esse conhecimento na nossa apresentação final”, finaliza o professor.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

 

Lançamento oficial

A cerimônia de lançamento oficial do projeto está programada para a próxima quarta-feira, 03 de abril às 18h30, no Teatro Municipal de Batatais. O evento é voltado aos pais e responsáveis das crianças, mas também aberto à comunidade.

A programação homenageará as festividades típicas do município, como a Folia de Reis, o Carnaval, a Festa do Leite e também a Festa de San Genaro. “A temática foi escolhida por evidenciar as tradições batataenses, nossa intenção é levar o público por uma viagem através da história da cidade, com coreografias e cores que apresentarão o projeto oficialmente a Batatais”, explica Rodolfo Tarso, assistente de coordenação do projeto.

O “Bom de Nota, Bom de Dança” oferece aulas de balé e danças urbanas de forma gratuita para meninos e meninas de 7 a 12 anos de idade, matriculados na rede municipal de ensino de Batatais. Recebendo os alunos em contraturno escolar, o projeto já atende 105 crianças.

As aulas acontecem na EMEB do CAIC Professor Gilberto Dalla Vecchia, localizada na rua Cel. Joaquim Marques, 1260 – Riachuelo. Ainda existem vagas disponíveis em ambas as modalidades e para se inscrever é preciso procurar a secretaria da escola em que as aulas acontecem e preencher uma ficha com as informações da criança. Além das atividades, os pequenos também recebem de forma gratuita lanche após cada aula e uniforme.

As atividades do “Bom de Nota, Bom de Dança” em Batatais acontecem com recursos de incentivo fiscal da Usina Batatais. O projeto, organizado desde o início de 2017, é viabilizado através do PRONAC (Programa Nacional de Apoio à Cultura), com a missão de fomentar a cultura e a educação.

 

Serviço
Lançamento do projeto “Bom de Nota, Bom de Dança – Batatais”
Data: 03/05, às 18h30
Local: Teatro Municipal “Fausto Bellini Degani” (rua Senador Feijó, s/nº – Centro, Batatais)
Evento gratuito e aberto ao público

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

A partir desta Quinta-feira(1) Ribeirão Preto recebe obra interativa

Essa escultura foi criada com base em depoimentos de 22 mulheres com câncer de mama metastático.

Doria promete vacina chinesa a partir de 15 de Dezembro

As cobaias na primeira etapa serão para profissionais de unidades públicas e privadas de saúde

Empresa de Ribeirão Preto é vendida por R$ 18,95 milhões

Nossa equipe é formada por pessoas da região e que dificilmente teriam essas oportunidades de trabalho por aqui, talvez por isso elas abracem tanto a empresa.

Shopping Iguatemi Ribeirão Preto convida para evento “Abraços Virtuais no Pátio”, pelo dia da Não Violência

Evento gratuito e realizado pela primeira vez de forma online reúne Djamila Ribeiro, Jakson Follmann, Leandro Karnal e Ruth Manus

O que fazem e como são eleitos os vereadores?

São os vereadores que decidem sobre os impostos da cidade, o plano de educação de nível infantil e fundamental e a criação e manutenção de bairros, distritos ou ruas.