Início Esportes Ciclismo "Escola de Ciclismo Pedalando Para o Futuro" inicia a Fase IV

“Escola de Ciclismo Pedalando Para o Futuro” inicia a Fase IV

- continua após a publicidade -

A Fase IV da “Escola de Ciclismo Pedalando Para o Futuro” foi lançada oficialmente na tarde de sexta-feira (9) em Ribeirão Preto. Com a presença de autoridades, patrocinadores, apoiadores e já entregando o “certificado de formação de ciclista” a 62 alunos da CEMEI Prof. Eduardo Romualdo Souza, na Vila Virgínia, coordenadores e corpo docente do projeto deram a “primeira pedalada” rume à nova etapa, que deve atender mais de 1,9 mil crianças entre 5 e 12 anos de idade de Ribeirão Preto e Sertãozinho até o dia 1º de junho de 2018.

A nova temporada do programa, itinerante por inúmeras escolas, entidades e núcleos da assistência social dos dois municípios, terá a participação média de 45 alunos por semana – tempo de duração das turmas. As aulas serão ministradas sempre das 14h às 17h.

“Nas três primeiras fases atendemos mais de seis mil crianças e nesta está previsto mais de 19, mil. É uma emoção grande continuar contribuindo com a formação desses jovens, transformando a vida de cada um deles”, celebra Danilo Terra, idealizador da “Escola de Ciclismo Pedalando Para o Futuro”.

Além de lições de bicicleta, o projeto oferece disciplinas que abrangem educação no trânsito e cidadania: leis de trânsito, placas, faixas de pedestre, semáforos, toda sinalização (manual) usada por ciclistas e, ainda, conceitos como o respeito a idosos, crianças e outros veículos, por exemplo.

Ao final da semana, as crianças participantes são habilitadas: ganham um diploma em formato de CNH (Carteira Nacional de Habilitação), com nome completo e foto, garantindo um estímulo a mais para colocar em prática as lições aprendidas. Ao todo, o projeto já atendeu 6.220 crianças desde a fundação.

“O projeto acontece graças à Lei Paulista de Incentivo ao Esporte. De Secretaria de Esportes, Lazer e Juventude do Governo do Estado de São Paulo. E agradecemos também a todas as empresas, todos os patrocinadores que ajudaram a viabilizar mais essa fase do Pedalando Para o Futuro”, adicionou Danilo.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

A solenidade de abertura contou com a presença de Milton Vieira, Diretor Administrativo da Secretaria Municipal de Esportes de Ribeirão Preto; Alexander Silva, gerente de Fiscalização de Trânsito da Transerp; Telma Gomes Santana, diretora da CEMEI Prof. Eduardo Romualdo Souza; Flávia Zampini e Suzily Silva, do Grupo Imediato; Cléber do Carmo, presidente da Associação de Judô Corpore Sano; Gláucia Almeida, comercial e relacionamento da LIDE Futuro em Ribeirão Preto; José Luiz Araújo, coordenador do CEJA (Centro de Jornada Ampliada) da Vila Virgínia; Marcelo Hirono e Augusto Guimarães, do Sesc Ribeirão Preto; Vereador Elizeu Rocha (PP) e representantes do vereador Paulo Modas.

A “Escola de Ciclismo Pedalando para o Futuro – Fase IV” tem o patrocínio das empresas TS Tech, Savegnago, Grupo Imediato e Santa Helena. Copatrocínio de São Francisco, Morlan, Suporte Rei, Brinquedos Bandeirantes, Diafrag Wabtec e Polar. Os apoiadores são Balões Pic Pic, Itaobi Transportes, Passalacqua, Supermercado Marino, Cenourão, Fundição Moreno, Transmogiana, Engevap, Supermercados Mialich, Transmiro, Supermercado União, Diretoria Regional de Ensino, Secretarias municipais de Educação, Assistência Social e Esportes de Ribeirão Preto, Secretarias municipais de Educação, Cultura e Turismo de Sertãozinho. Realização: Associação Terra de Ciclismo, Lei Paulista de Incentivo ao Esporte e Governo do Estado de São Paulo.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Com R$ 166 milhões em caixa, prefeitura gastou 0,65% com medicamentos para Covid

Quebrar o pequeno comerciante e fazer obras faraônicas, é a marca deste prefeito que se mostra um capacho do governo de SP

Ribeirão Preto abre hoje (17) agendamento para 2ª dose da CoronaVac em idosos de 69 a 71 anos

Cadastro pode ser feito pela internet ou por telefone. Ao todo, são 13,1 mil vagas disponíveis.

Novos exames mostram que câncer se espalhou pelo corpo de Covas

O câncer atingiu fígado e ossos, em 2019 foi descoberto um tumor no estômago, mas sofreu metástase e se espalhou

Ribeirão Preto já aplicou mais de 133 mil doses de vacina contra a Covid-19

Aproximadamente 47 mil munícipes, entre profissionais da saúde e idosos, já receberam a segunda dose da imunização

Fase Doria: Nem laranja, nem vermelha. Medo de sair do armário

A fase Doria é aquela que não sai do armário, não é vermelha e não é laranja, mas como quarentena só aumentou os casos, eles decidiram voltar voltar atrás, mas não muito
- PUBLICIDADE -