Início Educação As inscrições para o vestibulinho 2017 da Etec José Martimiano da Silva...

As inscrições para o vestibulinho 2017 da Etec José Martimiano da Silva estão abertas

- continua após a publicidade -

As inscrições para o vestibulinho da Etec José Martimiano da Silva estão abertas. O prazo termina no dia 12 de maio.

A prova para as 800 vagas nas áreas de saúde, gestão e negócios, infraestrutura e indústria, para o segundo semestre deste ano acontece dia 11 de junho.

Os cursos técnicos são administração, secretariado, mecânica e mecatrônica, eletrônica e eletrotécnica, edificações, design de interiores, logística, recursos humanos, serviços jurídicos, saúde bucal, informática para internet e nutrição e dietética.

Para inscrever-se basta acessar o site. O candidato preenche a ficha de inscrição online, escolhe o curso e a unidade desejada, e efetua o pagamento da taxa de inscrição, no valor de R$ 30,00 por meio do boleto gerado ao final da inscrição. Os cursos oferecidos são gratuitos. Mais informações pelo telefone: (16) 3610-8374.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Com verba da Covid prefeitura antecipa 13º salário de aposentados e servidores

No total, a remuneração mensal dessas pessoas atinge a casa dos R$ 120 milhões mensais.

Abertura de escolas e contratação de professores movimentam rede municipal

Até o final do ano, mais 11 unidades escolares serão entregues para a população; R$ 40 milhões foram investidos em 15 novas escolas

Agendamento de vacina contra Covid em idosos com 65 e 66 anos será aberto nesta terça-feira, dia 20

Serão disponibilizadas 11.160 vagas; vacinação acontecerá na quinta e sexta-feira, nos dias 22 e 23 de abril

Botafogo empata com o Palmeiras no Santa Cruz

Com o resultado, o Tricolor completou o terceiro jogo de invencibilidade e agora soma seis pontos. Assim, o Pantera ocupa a 12ª colocação

Parede falsa escondia respiradores novos em hospital dizem funcionários

Em Ribeirão Preto menos de 1% do dinheiro enviado pelo gov. Federal foi usado, estados com respiradores comprados em adega, e proibição do tratamento precoce. A morte é um grande negocio.
- PUBLICIDADE -