InícioEconomiaSINCOVARP e CDL RP repudiam prorrogação da quarentena nos 645 municípios paulistas

SINCOVARP e CDL RP repudiam prorrogação da quarentena nos 645 municípios paulistas

Se a estratégia é acabar com o setor produtivo pra combater o vírus, as autoridades públicas estão conseguindo.

- continua após a publicidade -

O SINCOVARP – Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto, e a CDL Ribeirão Preto – Câmara de Dirigentes Lojistas, LAMENTAM e REPUDIAM a decisão do governador João Doria, de prorrogar a quarentena nos 645 municípios do Estado de São Paulo até o próximo dia 31 de maio de 2020 (domingo).

Tal decisão trará consequências, muitas delas imprevisíveis e ainda mais devastadoras, para a economia da cidade e do Estado de São Paulo. Pode gerar impactos que prejudicariam até mesmo o próprio combate à pandemia.

Segundo informações do próprio Comitê Técnico de Contingência em Saúde Covid-19, exaustivamente divulgadas nas últimas semanas e levadas ao conhecimento do governador e equipe, o município de Ribeirão Preto possui condições de promover a reabertura do Comércio Varejista e das empresas de serviços, já a partir de 11 de maio (segunda), conforme planejamento desenvolvido pelo Grupo de Transição e Retomada.

A prorrogação da quarentena está conduzindo o Estado de São Paulo para um colapso socioeconômico que vai intensificar a onda de fechamento de empresas e de desemprego em massa que já está ocorrendo, com sério risco de provocar atos de desobediência às leis, violência e desordem social, pobreza, fome e caos ainda maior no sistema de saúde.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Defendemos que o governador João Doria RECONSIDERE a prorrogação da quarentena em todos os municípios paulistas e entenda que, em Ribeirão Preto e região, assim como ocorre em outras regiões do estado, a situação não é crítica como na cidade de São Paulo e em outros centros urbanos próximos da capital.

SINCOVARP e CDL RP são entidades ligadas respectivamente à Fecomercio SP – Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo, e à FCDLESP – Federação das Câmaras de Dirigentes Lojista do Estado de São Paulo, instituições que avaliam a adoção de medidas que a gravidade do momento exige, para uma eventual retomada das atividades.

Será preciso que os lojistas de Ribeirão Preto tenham muita força, resiliência e determinação para atravessar essa quarentena tão longa e devastadora, ainda mais para as micro e pequenas empresas. Para tanto, SINCOVARP e CDL RP continuarão ao lado dos comerciantes da nossa cidade, dando voz a eles e ajudando na busca de soluções para este setor que está sendo enormemente sacrificado dentro do combate ao Covid-19.

Se a estratégia é acabar com o setor produtivo pra combater o vírus, as autoridades públicas estão conseguindo. Gostaríamos de ver essa mesma responsabilidade, agilidade e eficiência na boa gestão dos recursos públicos e no combate à corrupção, além de tantos outros males que acabam com o nosso amado Brasil!

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

O Papa Francisco critica a prática de tratar Pets como filhos

O papa Francisco fez um apelo, nesta quarta-feira, para que pais e mães adotem crianças, e disse que “vivemos uma época de orfandade notória”.

Depois de vacinação em massa Serrana tem recorde de casos desde o inicio da pandemia

Se após 3 doses a cidade tem números maiores do que antes da vacinação, para o que serviu a vacina? Doria garantiu.

Aluno de academia morre por mau súbito.

As UPAs lotadas com gripe e corona depois de picada em massa, agora já estamos com uma pandemia pouco falada, mas será com frequência. Os efeitos.

IBGE oferece 266 mil oportunidades de emprego até 21 de janeiro

Agentes recenseadores deverão visitar 78 milhões de lares brasileiros Cerca de 78 milhões de residências brasileiras devem receber, a partir do dia 1º de agosto,...

Auxílio Brasil começa a ser pago nesta terça-feira

O custo para os pagamentos supera R$ 7,1 bilhões aos cofres do governo federal
- PUBLICIDADE -