Início Economia Ribeirão Preto recebe Encontro Regional da Facesp

Ribeirão Preto recebe Encontro Regional da Facesp

Evento será realizado na ACIRP e tem como objetivo apresentar os impactos que o Cadastro Positivo irá trazer para consumidores e empresas

- continua após a publicidade -

A Facesp (Federação das Associações Comerciais do Estado de São Paulo) realiza na próxima segunda-feira, dia 16, o Encontro Regional em Ribeirão Preto – Região Administrativa 11 (RA 11). O evento ocorrerá na ACIRP – Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto, a partir das 14 horas, e vai tratar de assuntos como o fortalecimento da rede de Associações Comerciais e as mudanças e benefícios com o Cadastro Positivo.

Empreendedores de 16 cidades foram convidados. A RA 11 compreende os seguintes municípios: Barrinha, Brodowski, Cajuru, Guariba, Jaboticabal, Luis Antonio, Monte Azul Paulista, Pitangueiras, Pontal, Pradópolis, Santa Rosa de Viterbo, Serrana, Sertãozinho, Severínia, Vista Alegre do Alto, além de Ribeirão Preto.

O presidente da Facesp, Alfredo Cotait Neto, avalia que as Associações Comerciais devem traçar ações em conjunto, por meio da integração e da troca constante de experiência. “A Facesp está percorrendo o Estado para ouvir e se colocar, absolutamente, à disposição das Associações Comerciais, compartilhando os anseios e buscando soluções para as necessidades, a partir do entendimento integral das dificuldades. Deste modo, a rede Facesp estará cada vez mais forte”, afirmou Cotait.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

O vice-presidente da Facesp e deputado federal, Marco Bertaiolli, será o responsável pela palestra sobre os avanços do Cadastro Positivo. “Ele protege o histórico de bom pagador. As consequências práticas serão uma maior oferta de crédito, a redução dos juros e o aumento do consumo”, avaliou.

Bertaiolli também vai apresentar um panorama geral das políticas públicas que poderão impactar positivamente os empreendedores, como a Medida Provisória da Liberdade Econômica, a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD), a liberação do FGTS e a atualização da Lei do Jovem Aprendiz.

“As medidas do governo são importantes para melhorar a nossa economia, porém, elas têm como princípio a definição de normas claras para que todos cumpram a lei. A informalidade traz prejuízos a todos”, afirmou Bertaiolli.

Para o presidente da ACIRP, Dorival Balbino, a nova Lei representa um aumento nas oportunidades de negócios e a possibilidade de desenvolvimento e crescimento para o Brasil. “De cerca de 11 milhões aumentaremos para mais de 120 milhões o número de consumidores dentro do Cadastro Positivo, sendo que 22 milhões atualmente não têm acesso ao crédito. Esses novos dados vão gerar uma concessão de crédito mais justa, competitiva e segura”, avalia Balbino.



“Além da discussão sobre os impactos do Cadastro Positivo aos consumidores e às Associações Comerciais, este encontro também será uma grande oportunidade para conhecermos melhor e estreitarmos relações com a nova diretoria da Facesp”, afirma o ex-presidente da ACIRP, Francisco Carlos Júlio Pinghera e atual vice-presidente da RA 11 Ribeirão Preto.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Trump interrompe coletiva de imprensa por causa de tiros na Casa Branca

A corporação avisou que o suspeito em questão foi atingido por disparos de arma de fogo. A identidade do sujeito não foi divulgada até o momento.

Com eleições se aproximando prefeitura entrega UPA

UPA começou a funcionar nesta segunda-feira (10), com capacidade de atender moradores da região Norte da cidade, estimada em 200 mil habitantes

Município de Serrana terá caixa eletrônico do Banco24Horas

Clientes de mais de 100 instituições financeiras podem realizar diversas transações, como sacar dinheiro e pagar contas

Oficina de pião é destaque na agenda do Museu Casa de Portinari

A profunda ligação de Candido Portinari com Brodowski, sua cidade natal, foi pintada em diversas obras, assim como a sua infância e...

Sobre cloroquina: ‘Impediu minha ida para a UTI’, diz Roberto Kalil

Chefe da cardiologia do Hospital Sírio-Libanês foi tratado para covid-19 com um conjunto de medicamentos que incluiu a hidroxicloroquina
- PUBLICIDADE -