InícioEconomiaO Centro de Ribeirão Preto corre perigo

O Centro de Ribeirão Preto corre perigo

- continua após a publicidade -

Nesta terça-feira, entrará em votação no plenário da Câmara um Projeto de Lei de autoria do Vereador Adalto Marmita que libera indiscriminadamente o comércio ambulante no Centro de Ribeirão Preto, região histórica e de fundamental importância para a identidade de nossa cidade.

Esta iniciativa é extremamente danosa para todo o município, ao deixar espaço para que os ambulantes utilizem em benefício próprio as ruas, calçadas e o calçadão de Ribeirão Preto, em detrimento da população que utiliza esses espaços para caminhar, para seu lazer e para suas compras e também em detrimento do comércio legalmente estabelecido, que gera empregos e paga impostos.

Esperamos que a maioria dos vereadores vote contra essa medida. Acreditamos que é contra o interesse da imensa maioria dos ribeirão-pretanos, mas é a nossa obrigação alertar os associados e todos os cidadãos dos riscos dela ser aprovada e resultar na ocupação descontrolada e irregular do espaço público, com aumento da concorrência desleal, prejudicando a criação de empregos formais com direitos e carteira assinada. Ela também é danosa e predatória para o ambiente como um todo, afastando a população do Centro da cidade, onde estão nossas principais referências históricas e arquitetônicas.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Tal conduta fere princípios basilares tais como a livre iniciativa e a livre concorrência (por praticar a concorrência desleal) e direito à cultura e ao patrimônio histórico (por infringir a zona envoltória de bens tombados e protegidos).

Na disputa entre interesse privado (comércio ambulante) e coletivo (patrimônio público de valor arquitetônico, histórico e cultural e livre iniciativa) há de prevalecer este último, uma vez que o objetivo fundamental do Poder Público é o bem comum.

Respeitar e valorizar o centro das cidades é política pública defendida pelos principais especialistas em urbanismo do mundo. Já existe nos centros, toda a infraestrutura construída ao longo dos anos além de toda a identidade cultural das cidades. É no centro que a cidade mostra o que de fato ela é.

Em Ribeirão Preto, ações importantes têm sido tomadas em favor da revitalização da região central, muitas delas pela iniciativa privada, como a recuperação do Palacete Jorge Lobato e a instalação do Instituto SEB na antiga fábrica da Cervejaria Paulista. Agora, o Legislativo tem a oportunidade de votar contra esse projeto, protegendo os espaços públicos para os cidadãos e defendendo aqueles que exercem suas atividades econômicas dentro da legalidade.

Diante disso, perguntamos: você está do lado da proteção do Centro de Ribeirão Preto ou da desordem, da decadência e do atraso?

Por isso convidamos você, que é contra essa medida, a manifestar sua posição aos vereadores do seu conhecimento, pedindo o voto contrário ao projeto por telefone ou pelas redes sociais e também a acompanhar a sessão da Câmara Municipal que tratará do tema, hoje, 20/11/2018, a partir das 18h30, pessoalmente ou pela TV Câmara pelo canal 31.4 – digital, aberto; canal 05 (Net) e canal 09 – Vivo TV ou através do link:

Assinam:
• ACIRP – Associação Comercial e Industrial de Ribeirão Preto;
• SINCOVARP – Sindicato do Comércio Varejista de Ribeirão Preto;
• Sincomerciários Ribeirão Preto – Sindicato dos Empregados no Comércio de Ribeirão Preto;
• Sindicato do Comércio Varejista de Feirantes e Vendedores Ambulantes de Ribeirão Preto;
• AMEC – Associação dos Amigos, Moradores e Empresários do Centro de Ribeirão Preto.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

O Papa Francisco critica a prática de tratar Pets como filhos

O papa Francisco fez um apelo, nesta quarta-feira, para que pais e mães adotem crianças, e disse que “vivemos uma época de orfandade notória”.

Depois de vacinação em massa Serrana tem recorde de casos desde o inicio da pandemia

Se após 3 doses a cidade tem números maiores do que antes da vacinação, para o que serviu a vacina? Doria garantiu.

Aluno de academia morre por mau súbito.

As UPAs lotadas com gripe e corona depois de picada em massa, agora já estamos com uma pandemia pouco falada, mas será com frequência. Os efeitos.

IBGE oferece 266 mil oportunidades de emprego até 21 de janeiro

Agentes recenseadores deverão visitar 78 milhões de lares brasileiros Cerca de 78 milhões de residências brasileiras devem receber, a partir do dia 1º de agosto,...

Auxílio Brasil começa a ser pago nesta terça-feira

O custo para os pagamentos supera R$ 7,1 bilhões aos cofres do governo federal
- PUBLICIDADE -