InícioEconomiaIPTU de Ribeirão Preto fica 11% mais caro em 22

IPTU de Ribeirão Preto fica 11% mais caro em 22

O prefeito e vereadores fecharam o comercio e serviços, mas o aumento vem integral. E salve-se quem puder.

- continua após a publicidade -

Prefeitura vai aplicar a correção do tributo previsto em lei, de 11,08%, segundo o INPC.

Faz dois anos que a prefeitura de Ribeirão Preto desistiu de revisar a Planta Genérica de Valores (PGV), depois de duas tentativas que foram barradas na Câmara de Vereadores, em 2017 e 2018.

A revisão alteraria o valor venal dos imóveis com reflexo no Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU).

Ao que tudo indica, em 2021 a administração completará três anos desde a última tentativa.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Sem a revisão da PGV, o prefeito Duarte Nogueira (PSDB) terá de aplicar o percentual de correção do tributo previsto em lei, que está acumulado em 11,08% nos últimos doze meses.

Demais tributos municipais também serão reajustados.

O prefeito e vereadores fecharam o comercio e serviços, mas o aumento vem integral. E salve-se quem puder.

O reajuste de 11,08% também vale para o Imposto Sobe Serviços de Qualquer Natureza (ISS-QN), infrações e multas, e passa a vigorar a partir de 1º de janeiro.

A correção dos tributos municipais tem por base o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

O percentual é referente à inflação acumulada entre novembro de 2020 a outubro de 2021 – segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), de 11,08%. O INPC vem sendo usado como indexador dos tributos municipais desde a última gestão de Welson Gasparini (PSDB), entre 2005 e 2008.

No ano passado, foi reajustado em 4,77%.

A aplicação do INPC como indexador oficial dos tributos e taxas municipais está prevista em lei.

Em 2018, a prefeitura tentou revisar a PGV, com reflexo no IPTU do ano seguinte. Porém, em sessão extraordinária, a Câmara de Vereadores rejeitou a proposta do Executivo. Com a decisão, a Secretaria Municipal da Fazenda teve de reajustar o IPTU de 2019 em 4%, com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor.

No início deste ano, a Secretaria da Fazenda tinha 332.385 cadastros ativos do IPTU. Porém, o número de propriedades é superior. Foram emitidos carnês para 296.235 imóveis prediais – residências, lojas comerciais e de prestação de serviços, shopping centers e industriais – e 44.217 imóveis territoriais (terrenos), totalizando 340.452.

São 8.067 a mais porque uma pessoa ou empresa por ter mais de um imóvel.

A Companhia de Desenvolvimento Econômico de Ribeirão Preto deve começar a rodar os carnês nos próximos dias. O prazo para pagamento da primeira parcela e da cota única, geralmente, é estipulado pela Fazenda para o começo de janeiro.

Neste ano, o prefeito Duarte Nogueira sancionou a lei que oferece desconto aos contribuintes que pagarem todas as parcelas restantes do IPTU. Na prática, a proposta estendeu o período de pagamento do tributo com abatimento, que terminou em 11 de janeiro.

A Câmara de Vereadores havia aprovado a redação final do projeto do vereador José Donizeti Ferro, o “Franco” (PRTB), em 11 de março. A sanção foi publicada no Diário Oficial do Município (DOM) de 16 de abril. Porém, o desconto de 10% valia apenas para o proprietário de imóvel que paga a cota única do IPTU, cujo prazo venceu em 11 de janeiro.

Em Ribeirão Preto, o valor do tributo é dividido em doze parcelas e a primeira vence junto com a cota única, no início do exercício, com 10% de desconto.

A prefeitura de Ribeirão Preto espera elevar em 1,7% a arrecadação do Imposto Predial e Territorial Urbano de 2022 em relação ao montante previsto para este ano, saltando de R$ 431.763.400 para R$ 439.000.000, aporte de R$ 7.236.600. A previsão consta da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2022, que deve ser votada em dezembro na Câmara de Vereadores.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Cientista chinês deserta para os EUA com segredos de armas hipersônicas

Ele estava disposto a fornecer informações detalhadas sobre o veículo hipersônico em troca de asilo para ele, sua esposa e seu filho.

Brasil já tem mais casos de covid-19 do que no periodo antes da vacina

A pergunta é: Fecha tudo e #fiqueemcasa? As picadas funcionam ou é apenas interesse financeiro?

Aulas da Rede Municipal retornam na próxima semana

Retorno será 100% presencial e obrigatório para os estudantes; todos os protocolos sanitários que dispõem sobre a Covid-19 serão cumpridos. Não é obrigatório apresentar passaporte sanitário.

Morre a cantora e pastora Ludmila Ferber aos 56 anos

"Quando tudo parece estranho ao redor ,Buscar tua face é preciso, Deus Quando a gente não sabe o que está ocorrendo Buscar tua face é preciso, Deus"

Prefeitura obriga funcionalismo apresentar passaporte sanitário

Seu corpo minhas regras: Funcionários que não apresentarem documento serão impedidos de trabalhar e terão descontada do salário.
- PUBLICIDADE -