InícioEconomiaCom auxílio emergencial, Bolsonaro reduz extrema pobreza ao menor nível em 44...

Com auxílio emergencial, Bolsonaro reduz extrema pobreza ao menor nível em 44 anos

Com quase metade da população recebendo o auxílio emergencial em junho, a proporção de pessoas vivendo abaixo da linha de extrema pobreza nunca foi tão baixa

- continua após a publicidade -

O levantamento da FGV aponta uma drástica redução no número de pessoas na extrema pobreza devido ao auxílio pago pelo governo.

O auxílio emergencial de R$ 600 distribuído pelo governo do presidente Jair Bolsonaro à população brasileira já pode ser considerado o maior programa de renda do mundo. O levantamento foi feito pela Fundação Carlos Chagas (FGV) em parceria com o Instituto Brasileiro de Economia (Ibre), que apontou o programa social como principal fator, no mês de junho, para a menor taxa de pobreza em 44 anos.

Com quase metade da população recebendo o auxílio emergencial em junho, a proporção de pessoas vivendo abaixo da linha de extrema pobreza nunca foi tão baixa em pelo menos 40 anos.

arquivo

O fim da distribuição do benefício neste segundo semestre tende, porém, a provocar um repique no indicador.

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
publicidade

Globo perde audiência na TV enquanto Casimiro bate recorde no YouTube em transmissão do jogo do Brasil na Copa

Enquanto a audiência da TV caiu, os números do streamer Casimiro Miguel cresceram, mostrando a força das transmissões on-line neste Mundial.

Vacinados representam a maioria das mortes por covid nos EUA

Números de agosto mostram que mais pessoas vacinadas morreram do que as não vacinadas

Maior vulcão ativo do mundo entra em erupção

É a primeira vez que isso acontece em 40 anos no Havaí, nos EUA

Ri Happy tem mais de 1.800 vagas disponíveis para candidatura gratuita na Catho

Oportunidades são destinadas para diversos níveis e áreas

Alto Comando divulga Carta Aberta: ‘retorno ao estado de direito e à observância de preceitos constitucionais’

O General do Exército Marco Antonio Freire e oficiais da reserva das Forças Armadas subscreveram uma Carta Aberta onde reforçam o comprometimento com a...
- PUBLICIDADE -