InícioEconomiaChinesa State Grid compra CPFL por US$ 4,5 bilhões

Chinesa State Grid compra CPFL por US$ 4,5 bilhões

A rede de eletricidade chinesa busca ampliar suas atividades no Brasil, onde já possui uma rede de transmissão de energia de 10.000 km,

- continua após a publicidade -

O grupo estatal chinês State Grid fechou um acordo para comprar 54,64% da gigante brasileira de eletricidade CPFL Energia por 14,19 bilhões de reais (US$ 4,5 bilhões), o que consolidará sua presença no mercado sul-americano, anunciaram nesta terça-feira as duas empresas em comunicados diferentes.

O administrador da rede de eletricidade chinesa busca ampliar suas atividades no Brasil, onde já possui uma rede de transmissão de energia de 10.000 km, indicou.

A State Grid entrou no mercado brasileiro em 2010, e sua filial brasileira venceu em abril do ano passado uma concorrência para duas novas redes.

A companhia pagará R$ 25,51 por ação da brasileira.

- CONTINUA DEPOIS DE PUBLICIDADE -

Com esta aquisição, State Grid pretende ampliar consideravelmente a sua cobertura no mercado brasileiro nos setores de “transmissão e distribuição”, e, sobretudo, na geração de eletricidade a partir de energias renováveis, segundo o comunicado da companhia chinesa.

arquivo

Veja mais notícias de Ribeirão Preto e Região no Em Ribeirão

publicidade
.
publicidade

Ribeirão Preto estende abertura do comércio a partir desta sexta-feira, dia 30

Medida se antecipa ao Plano São Paulo. Veja como ficam os horários.

GCMs realizam doação de sangue em Ribeirão Preto

Ação contribuiu com o estoque de sangue do hospital São Lucas; tipos O-, O+ e A - são os mais críticos, com menos da metade das bolsas necessárias

Brasil gera 309 mil empregos formais em junho

Governo deve lançar programas para inclusão de jovens no mercado

Anvisa alerta sobre casos de Guillain-Barré após vacinação

A Anvisa explica que a SGB é um distúrbio neurológico autoimune raro, no qual o sistema imunológico danifica as células nervosas.

Covid-19: Anvisa recebe solicitação de uso de medicamento da Pfizer

Como aquele remedio proibido, este já é usado para tratamento de artrite reumatoide, artrite psoriática e colite ulcerosa. Todo dia uma novidade sobre tratamento proibido.
- PUBLICIDADE -